Segunda-feira, 7 de Novembro de 2005

Contos do Olimpo

A doce “Borboleta Assanhada” (referenciada ai ao lado) presenteou o Olimpo com uma bela prosa e imagem de sua autoria.
Carregadinha de sensualidade e erotismo, bem à sua maneira.

Deliciem-se, caros mortais.

anjo.JPG


Não me apetece sair. Por isso pego num livro e vou para a cama. Gosto de ler na cama até adormecer. Escolhi algo diferente: Mitologia grega. Sempre me seduzira mais outro tipo de lendas, como as Amazonas, mas hoje passei os olhos pelo Olimpo.
Pais que engolem filhos, relações incestuosas, desgraças guardadas em caixas.. já para não falar na beleza renovada que as putas das musas e deusas têm só porque são imortais. Que inveja...
Os olhos pesam e eu começo a fechá-los frequentemente. Ler relaxa-me. Acho que vou dormir...

- Olá linda mortal – uma voz sussurra-me baixinho ao ouvido
- Quem és tu? Onde é que eu estou? – uma cama de dossel com lençóis imaculadamente brancos dá guarida ao meu corpo, coberto por uma túnica, também branca. – Mas tu és...
- Calma, não te assustes, estás comigo, estás bem. Sabes, à algum tempo que te observo, a tua vida, os teus hábitos
- Ai é? E então? Tem gostado do filme, meu caro? – perguntei sentando-me na cama. Baralhada mas curiosa, fui-me ambientando ao local onde acordei: um jardim paradisíaco rodeava a cama. Dormi aqui, ao ar livre? A aragem amena e quente justifica o tronco nu dele. O seu corpo definido e imberbe com a pele levemente dourada demonstra que Zeus se cuida bem.
- Tenho gostado mesmo muito de te ver. Tanto, que te desejo como nunca desejei uma mortal. Tanto, como só um Deus pode desejar.
Bem vistas as coisas só me faltava mesmo ser visitada por alguma entidade celestial...Deixa-te ir Borboleta... Gajos destes não existem lá em baixo. Ainda por cima preparou o ninho de amor no meio de um jardim. Lancei-lhe um sorriso malicioso que ele aproveitou para se aproximar de mim.
Subiu para a cama e deitou-me novamente. As suas mãos macias seguravam as minhas ladeando a minha cabeça. Fiquei com a deliciosa visão daquele corpo em cima de mim, de gatas, a olhar-me. Sorrindo começou a beijar-me a testa, os olhos, a face, o nariz, os lábios e o queixo... descendo sempre, percorreu o meu corpo com a sua boca e língua ávidas. Sabe dar prazer. Estou aqui, meu caro...aproveita-me.
O sexo é partilha de prazer puramente carnal. Foi isso que fizemos.
As bocas levianas lambendo epiderme alheia, as mãos famintas por chegar ao âmago do prazer de cada um, os sexos... deixa-te de palavras caras Borboleta...os sexos foderam-se mutuamente como se o Olimpo e a Terra fossem explodir num só universo. Uivos, gritos ou unhas cravadas assinalaram o culminar desta foda mitológica, onde não faltaram o vinho e as uvas do pós coito, partilhados naquela cama de dossel.
- Fica aqui comigo, não vás ainda – pediu
- Fico mais um pouco sim – disse-lhe enquanto aninhava a minha cabeça entre o seu braço e o seu peito. Acariciou-me, afagou-me os cabelos... que relaxante...

- Ai merda!! Que é isto?? – acordei sobressaltada. Levantei-me de repente, enfiando a mão entre as pernas, para me certificar da humidade exagerada – Foda-se!! Agora tenho sonho eróticos? Com direito a orgasmo?? – Fui para a casa de banho para tomar duche. Olhei para o espelho e o meu reflexo surpreendeu-me pela segunda vez – Túnica?? Mas o que é se passou? Eu adormeci de cuecas e t-shirt e acordo de túnica?

Tenho de me deixar destas leituras...


Fiquem bem,
publicado por Zeus às 12:48
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Anónimo a 2 de Janeiro de 2006 às 16:14
O feminismo e a discriminação androginofóbica contra os homens na politica de Francisco Lousã do bloco de esquerda português para cativação feminina a sua eleição ilícita a presidência da republica portuguesa e os truques anti-constitucionais, anti-éticos da politica sexista feminista

A hipocrisia politica de Lousã (Portuguese deputy) na politica de igualdade a favor do feminismo e das mulheres, sendo estratégias anti-naturais, sádicas e anti-masculinas de modo a cativar as mulheres essencialmente feministas para maior adesão ao bloco de esquerda e indirectamente a esquerda, principalmente aquelas que são contaminadas por mulheres hipócritas e androginofóbicas assim como lésbicas que pretendem destabilizar a sociedade e restringir os direitos, liberdades e garantias dos homens, bem como sua igualdade de liberdades e privilégios, assim como de direitos…

A questão do aborto cometido por mulheres e a tentativa feminista de descriminalizar todas as ilicitudes cometidas por estas como o aborto e a prostituição ou exploração social e económico-financeira de homens dominados por seus libidos e com pouca resistência de assedio psico-sexual assediados por estas e estimulados por estas, tudo para que estas vivam a parasitar os homens, vivam mais e melhor qualidade de vida e detenham mais direitos, assim como usam a justiça deturpada pelo feminismo ou suas lacunas e conceitos criminais falaciosos ou de grande falsidade de forjar e de ilibar ou acusar as vitimas de tal criminalidade….
Ficando o aborto cometido por progenitor mesmo detendo direito genético de tal ou razão para tal por justiça de ter sido alvo de fraude e uso sexual para fins não consentimentados por parceiro sexual explorado…
Isto ate porque não existe pílulas para homens e tal é discriminado e coagido por mulheres feministas ou ligadas, que exerçam ou intervêm em funções de investigação, apoio, estudo e mercado farmacêutico, assim como OMS (organização mundial de saúde / Word health organization) secção da ONU (United Nations) que é corrompida e manipulada por mulheres na essência e todas feministas ou com ligações feministas sendo grande parte androginofobista passivas, e devendo ser desmentidas e acusadas de criminalidade por conspiração ilícita e anti-ética e anti-deontológica…

The world health organization and United Nations personal women composition hypocrisy against male rights and their androginofoby and retaliation against men and against this blog and inlay attitudes and actions defending male rights, liberties, benefits and equality or necessity justified of unequal rights or equivalent gender advantage’s

A hipócrita OMS (WHO) cujo na RTP1, dia 26 de Dezembro de 2005, foi emitido na comunicação social televisiva pela a hipócrita, sádica, anti-igualista contra sexo masculino e androginofóbica porta-voz e mulher Cláudia Garcia (…) que em colaboração com demais tipas difamaram em inglês o genro masculino e tentaram acusar e deturpar a realidade, relatando e recriando falsas e falaciosas alusões de realidade mediante estudos sem isenção sexual, deturpados pelo feminismo, com intuição de auto favorecerem as mulheres, instigar o feminismo, privilegiadas e ilibadas de culpabilidade, falando em assuntos de género hipocritamente, falaciosamente e injustamente…

I do rely believe that it was a retaliation from the email sent in 25 of December to united nations secretary and some Portuguese non-governmental organizations telling the hypocrisy of feminist activists days and politics and social activities against men right’s, liberty and warranties, reducing benefits form men, it really sad and should men get all together and fight against the feminist women and many hypocrite feminist women in all places and politics, justice and international organizations which use for their own interests, talking about hypocrite sexual and social reports against men deduced unfair and sophist …

The feminist inductivity and fallaciousities in female gender in concept, victimization, sensibilization, benefits and men negative discrimination

O feminismo e sua hipocrisia e discriminação de beneficio por necessidade e desequilíbrio em relação ao género masculino e a hipocrisia da disparidade de género ou de vantagens e desvantagens e favorecimentos de desvantagens (porque não se pode ter tudo)

Muitas mulheres entram em órgãos de polícia, exercito e demais sem terem requisitos mínimos iguais aos dos homens, sendo nessa forma favorecidas por serem mulheres, alem de ser dado maior tolerância e flexibilidade nos cargos, funções e estudos, preparação, testes físicos e demais.
Assim também deve se salientar de que a sensibilidade feminina não passa de um conceito inventado e com objectivos de favorecer as mulheres e discriminar negativamente os homens, principalmente porque é o feminismo que discrimina e instiga a uniformização de estética, sensibilidade e comportamento aos homens sendo muitas vezes designado feminismo com correntes machistas que pretendem usar o machismo visto o machismo privilegiar directamente ou indirectamente as mulheres em certas questões e áreas como recompensa, algo que nem recompensa o feminismo pretende compensar os homens apenas sobrecarregar, criminalizar, desfavorecer, retaliar e manipular o género masculino…
A priopria criminalidade feminina tem sido dissuadida e privilegiada, coadjuvada e forjada acusação de defesa, favorecida indirectamente pelas feministas que detêm poder, cargos e estatutos sociais, intelectuais concedidos muitos por homens e o qual os usam hipocritamente e incoerentemente (directamente ou indirectamente, assumidamente ou não) para os tramar e discriminar, sendo muita do conceito de criminalidade ilibado e ou emissivo e hipocritamente, sadicamente, injustamente, ilicitamente, falaciosamente, indutivamente justificada, principalmente nos conceitos de criminalidade criados para penalizar e discriminar negativamente apenas os homens geralmente por mainstreaming…

É ignorado as vantagens femininas quando estas se dizem ser discriminadas, sendo algo de sofismo e demagogia social mediante ate violência emotivo-social de carácter sexista para retaliar ou discriminar e instigar discriminação contra os homens, mas o qual são poucos e ou quase nenhum que desmente e age formando acções sociais, internacionais e organizacionais para proteger os homens da hipocrisia feminina e feminista de muitas mulheres, abrindo excepções e algumas que não se deixam contaminar pela hipocrisia feminista, indutividade e uso de pluralismo sexista sem ser na realidade consentimento por maioria das mulheres, usando o nome de mulheres como vitimação indutiva e falaciosa, como caracterização indutiva e falaciosas, bem como demagogia e omissão de vantagens e favorecimentos exclusivos destas como compensação, sendo cada vez uma obcessividade compulsiva e histérica e premeditada destas querem mais do que tem e fazerem se afirmando superiores ou querendo criar e manipular a sociedade para tal embora tentam usar a hipervitimação e hipersensibilização como arma de coação aos direitos do homens e de estimulo a facilitar e estimular vantagens em numero e qualidade superiores aos dos homens do género masculino…

O feminismo tem discriminado os homens na obterem de emprego de altas categorias e de categoria media, como de estado, de serviços ou trabalhos com privilégios ou poder inerentes susceptíveis de serem usados para si próprios, algo que é usado e explorado pelas mulheres que desempenham e cobiçam tais cargos, assim como também para favorecimento sexual destas e feminista (não havendo na realidade isenção sexual e cumprimento da constituição e do principio de igualdade), estimulando o seu desemprego, mas o qual são poucos os homens que não sabem de que são discriminados indirectamente e geralmente sob rostos masculinos em que por de tais são mentes femininas e feministas que detêm controlo, estimulando assim a criminalidade e a qual a criminalidade geralmente afecta os homens em vez de afectar as feministas e cabecilhas de tal, bem como as mulheres feministas ou mesmo na generalidade, devendo a criminalidade ser efectuada radicalmente e maciçamente, hipocritamente e conspiradamente e cobardemente (porque a cobardia não passa de um pretexto invertido pelo feminismo e de esperteza), o crime bem cometido e bem calculado, a defesa e protecção e conhecimento penal e de investigação criminal é essencial para um bom criminoso por necessidade e justiça justificada, especialmente o domínio da ciência e tecnologia para tal.

A amnistia internacional seja ela britânica, portuguesa e demais divisões da amnistia original criada por um jurista do género masculino para defender os direitos humanos, o qual foi ao longo do tempo deturpados os direitos humanos como se fossem exclusivos da mulheres e não dos homens, pondo em termos de direitos mas não em termos de obrigações e de deveres mais direitos as mulheres que os homens indirectamente ou directamente ou estimulando tal como se fossem justificados (principalmente que na realidade são indutivos, falaciosos, anti-igualistas, deturpados e forjados), mas negligenciado justificadamente mediante falsos e injustos argumentos, de direitos acrescidos aos homens do género masculino.
As corporações feministas dentro da ONU e fora desta, constituída maioritariamente por mulheres e estimulado por estas, bem como dirigidas directamente ou indirectamente, que suam estudos hipócritas feitos por mulheres, para favorecer a estratégia da coitadinha, deturpando o conceito de igualdade em direitos, deveres, obrigações e benefícios ou equiparação de tais quando não possível ou destabilizador…


A influencia do feminismo e de mulheres na politica, na deturpação da justiça e da igualdade e no direito e sensibilização internacional por meio de corporações dentro de organismos e secções na ONU, como a OMS (WHO)

O homem do sexo masculino é o bode expiatório dos problemas da sociedade, e ainda mais quando o tem a se trata em razão de genro comparado com as hipócritas feministas e as hipócritas mulheres subjacentes, é autenticamente injusto haver organismos de estado e de organismos internacionais e demais que defendam apenas as mulheres ou que se dirigem para tal, é dar armas ao diabo, e muito destas o são, usam a sedução, a beleza e demais para cativar quem se deixa levar por tal, ate porque tal é consequente do uso de cuidados de estética, do uso de creme e do uso de medicamentos e produtos (caso do doping feminino muito usual nos estados unidos e alguns países em que existe produtos anabólicos (a maioria das mulheres com desenvolvimento muscular usam anabólicos muitos deles não detectáveis nas analises ou usam-nos mas controladamente e calculadamente, assim como tem maior tolerância nos quadros de doping desportivos em certas substancias anabólicas que não são bem esteróides anbolicos e não provocam sinais de virilação) não androgénios nos cremes usados para crescer e reafirmar os seios, por isso não se admirem de haver tipas com seios grandes isto devido as ervanárias e farmácias terem a venda tais cremes e demais produtos, mas que por um lado aumenta a possibilidade de estas sofrerem mais alguma dor se desencadearem violência ou agredirem um homem o qual cobardemente muitas se aproveitam para agredir mediante agressão aos genitais masculinos, devendo estes murar em cheio os mamilos desta dar um pontapé no pescoço, puxar o cabelo e os brincos desta bruscamente seja como auto-defesa licita ou ilícita, também murando a zona dos ovários pode provocar alguma dor embora não muita, assim como clítoris…

A hipocrisia e discriminação anti-maculina da politica (mulheres na politica essencialmente) de violência doméstica, hipocritamente, indutivamente e falaciosamente denominado como violência contra a mulher em Espanha assim como em quase todo o mundo


É autenticamente hipócrita vir na comunicação social, especialmente TV e revistas, nomeadamente as revistas de conteúdos feministas e de conteúdo geral, Que geralmente contem artigos feministas feitos por jornalistas feministas e hipócritas, que no dia 31/12/2005 na RTP1 e demais, vem um estudo (geralmente e na realidade feitos por mulheres ou exclusivamente por estas e com deturpação e omissão dos factos para apenas favorecer e dar ideias não concretas e sensatas a sociedade afim de favorecer cada vez mais as mulheres e também promover o lesbianismo directamente, visto que a maioria das mulheres são bissexuais e algumas com preferência lésbica), favorecendo a teoria da coitadinha e da inocente… em que em tal dia dizia «Espanha: 62 mulheres são mortas por companheiros em 2005», algo autenticamente falacioso e hipócrita destas assim com anti-igualista, isto porque 1º Espanha é densivamente grande em área e população, logo 62 é muito pouco, 2º muitos dos companheiros se suicidam, 3º a maioria dos homicídios e ou demais crimes que levam a homicídios de diferentes tipos são cometidos por mulheres ou instigados e premeditados por tais, e o qual injustamente não vem na comunicação social e não faz parte do estudo e de ajuda de defesa destes homens que foram assassinados pró as companheiras ou devido a estas, 3º a maioria destas tipas exerceu violência continuada, seja ela socialmente aceite e ou de difícil constituição de elementos de acusação e de pena, como física passiva e ou mesmo física grave, mas que estes tiveram de fazer justiça ilícita com sua próprias mãos porque os homens são de facto discriminados no conceito de maus-tratos, não tem ajuda e apoio de solidariedade, não tem departamento como Instituto do Homem o qual existe para as mulheres injustamente e desigualmente, e nem tem uma Fundación Hombres como existe a hipócrita, sádica e androginofóbica Fundación Mujeres (a qual apoia a UMAR), alem de demais apoio, todas as organizações destinadas a apoio a mulheres nem que seja a falaciosa Ajuda de Mãe (apoiado pela a besta, hipócrita e sonsa da Cinderela Andrade (apresentadora portuguesa) , que alem de ajudar e ou ajudar a corromper a justiça a criminosas que são mães usando tal para maiores probabilidades de não serem responsabilizadas pró crimes que cometem, alem de não salientar que alem disso ajuda apenas mulheres e não ajuda homens e esta correlacionado com a CIDM e logo com as hipocrisias feministas e violência contra a mulher (embora hipócrita, omissiva, desigual em direitos e deveres, androginofóbica e sádica mas socialmente aceite pró maioria ser mulheres que não são isentas e por haver fortes corporações feministas e femininas em varias classes profissionais e sociais).

Não existe estudos, dia internacional, organizações e politicas para combater a violência contra os homens, cometidos por companheiras, ex-esposas, namoradas, mães, tias, avós, educadoras de infância, funcionarias publicas de educação, mulheres que suam farda de polícia ou de força de autoridade para coagir a defesa de homens (não inteligentes e de que detém de pouca capacidade de influencia e de acusação e mediatização) que são agredidos ou vítimas de maus-tratos ou retaliação directa ou indirecta por estas, assim como demais…
Autenticamente hipócrita a WHO, uma organização altamente feminina e feminista de saúde, que alem de apoiar o aborto cometido apenas pela mulher, apoia a discriminação a androginofobia contra os homens e a violência emocional, difamação e discriminação na justiça e na sociedade contra os homens sob pretextos mediante falsos estudos ou deturpados por estas de violência contra a mulher para exercer mais violência contra os homens só por diferentes meios…



Make justice against feminism and against women by your hands
Faire la justice vers la femme pour tons mains
Hacer justicia por
tu manos contra lo feminismo e las mujeres que te agraden e acusan de violencia doméstica

Afim de fazer justiça e combater a desigualdade em que os homens são coagidos, ameaçados, acusados e acusados dramaticamente em razão de algo de que não detém culpa ou que é promovida por estas, deve um homem vitima de maus-tratos ou retaliação, fazer o seguinte, em caso de impossibilidade ou dificuldade em recorrer a lei, deve vender seus bens, levantar seu dinheiro, preparar esquema de fuga para Marrocos, compara armas militares, colecte a prova de bala, treinar com tais se tiver tempo ou ajustar pontaria, fabricar bombas caseiras ou comprar bombas usadas em actividades licitas, comprar o progesterex (substancia que provoca esquecimento após a administração em certo tempo, lerem sites de tal informação ou consultar notas e avisos da Universidade do Porto e que foi enviada a PSP), deve meter explosivos com reduzidas dimensões e lubrificados com vaselina na vagina e útero de certas mulheres sujeitas a tal substancia ou outras, ou mesmo usando tasers para tal, que depois a irem para ONG’s feministas ou com grande influencia feminista como a amnistia internacional (WHO e demais) e demais como a fundación mujeres, ser accionado remotamente ou meramente por relógio silencioso a detonação de tais explosivos, os explosivos devem conter para maior eficácia visto que não destrói maciçamente substancias altamente carcinogénicas e ou radioactivas como urânio podendo ser empobrecido, plutónio e demais, para tal e para salvar a saúde deve-se usar fatos revestidos com finas camadas de chumbo ou demais substancias para recolha de tal em minas especialmente aquelas minas abandonadas ou áreas em redor com grande radioactividade, as bombas em principio devem ser revestidas com pequena folha fina de chumbo ou então introduzidas em finos recipientes de chumbo que não sejam pesados ou mesmo esferas e metidos no útero se possível, no caso de falha o próprio correio de tais instituições e departamentos feministas do estado espanhol ou doutros demais devem conter cartas ou dispositivos em áreas estudadas para o efeito devendo explodir mas difundir a radioactividade, devendo tal ser mais forte possível porque a eficácia baseia-se na destruição e alvo cirúrgico possível e não apenas na mediatização, a mediatização é uma desvantagem e não um beneficio, porque logo haverá investigação e retaliação ou vingança e é necessário por mão invisível a tal, pelo menos ate que seja cometido tal acto por justiça terrorista, como matar companheira ou certa mulher mediante uso de venenos, mesmo venenos de animais venenosos ou próprios como certas cobras, aranhas e demais, devendo a tipa ou as tipas estarem inconscientes ou amarradas mas com pouca capacidade de vigília afim de não poderem penar e agir calculadamente, devendo a morte ser o mais rápido possível e não demorada como nos filmes porco o tempo aumenta e aumentando as probabilidades de tais tipas se safarem, usando agua do banho para electrocutar como se fosse acidente, carro para se despenhar e explodir com as portas fechadas para se despenhar com esta dentro de tal, bomba em viatura ligada a ignição que expluda perto de tanque de gasolina e que autodestrua bomba também para dificultar investigação criminal assim como os próprios fios de ignição devem ser auto-destrutíveis, e deve haver elementos radioactivos dentro do carro para que expluda e difunda também em tal área ou zona, dificultando a investigação criminal atingido indirectamente tipas feministas e ou androginofóbicas (principalmente se a área for densivamente frequentada por mulheres) …

Outra método é fazer explodir habitação mediante uso de lâmpadas com álcool dentro e gás aberto mas em quartos fechados e com vias de ventilação fechadas assim como perto de fonte de ignição, podendo tal luzes ser accionada por interruptor programável ou tomada programável existente a vender.
Outro mais simples consiste em matar com arma branca quando esta inconsciente no coração ou pescoço e depois embebê-la em gasolina embrulhada em lençol e plástico, mas com penso no pescoço para não escoar sangue e incinera-la o máximo possível e depois de tal destruir mediante compressão os ossos que sobraram, caso contrario podem tais ossos serem atirados ao mar ou rio, embora devem serem partidos e ficarem irreconhecíveis bem como reduzidos podendo mesmo sendo corroídos por acido sulfúrico ou acido clorídrico (não reagem com o ferro frio) em concentração alta de tais, depois é sair para fora da união europeia ou de demais áreas jurisdicionais (mas sempre com precaução, mudar identidade, usar arma e elementos para protecção, assim como colecte a prova de bala mas disfarçadamente) e para países de africa (deve-se levar cloroquinina (malária e cuidados com demais doenças tropicais, América latina ou Ásia…
O uso de uma arma de fogo com silenciador também da grande ajuda só que deve ser extraída a bala e destruído corpo e demais elementos de prova de suspeita e de acusação, devendo depois sair de continente ou área jurisdicional fora da união europeia com acordo jurisdicional entre países, apresentar identificação falsa e ou deixar passar tempo necessário para prescreva crime mas sempre de preferência auto-proteger-se e esquecer o que foi executado, para quem manchar as mãos com um crime deve manchar com demais crimes porque quanto mais matar tais tipas melhor, deixa outros homens livres de tais satânicas socialmente ou não aceites de sua vida e da própria sociedade…

Outro método de homicídio é a overdose, basta injectar quando esta inconsciente ou imobilizada adicionando altas dose de heroína, cocaína ou mesmo metadona para depois entra em estado crítico e espumar, deve-se ver a persuasão cardíaca e esperar mais do que 1 hora para confirmar sua morte definitiva, depois é leva-la sem que ninguém saiba e veja para local ou habitação mesmo as degradadas e desabitadas, depois dando o desaparecimento desta uns dias mais tarde…
Por prevenção convém destruir tudo o quanto pode incriminar ou levar a suspeição, bem como ate sair de área jurisdicional nacional ou comunitária, se houver alguma possibilidade de investigação que o possa incriminar seja imediatamente ou depois de apresentar mediante parecer de advogado (não advogada) de confiança, para accionar processo se houver pressão por agentes de PSP o qual deveriam também passar por mesmas situações para compreenderem ou negligenciarem como a maioria das mulheres que são agentes de investigação o fazem, caso aja pressão ou altitudes ilícitas devem contar de imediato e fazer exposição a procurador-geral da republica, respectivo ministério de justiça e de administração interna, com identificação de agentes e demais como conselho superior de magistratura se for magistradas/os envolvidos a agir ilicitamente e supremo tribunal de justiça nacional e ou europeu…

Extracto de:
http://an.uol.com.br/2002/mai/23/0pol.htm (http://an.uol.com.br/2002/mai/23/0pol.htm)

Isto é um dos exemplos da hipocrisia e da corrupção e forjando da justiça e da verdade a favor do feminismo e de sua hipocrisia e táctica da coitadinha:

Mulher mata e
esquarteja o namorado
Pedaços do corpo de pedreiro foram achados pela polícia em Itapoá
Joinville - A polícia de Itapoá, no Litoral Norte, elucidou ontem, o assassinato do pedreiro Joel Ferreira da Silva, 23 anos, ocorrido em 11 de janeiro deste ano. Segundo a polícia, a companheira da vítima, a professora Romilda Manske, 48, esquartejou o corpo e espalhou os pedaços por vários pontos da cidade. O homicídio só foi desvendado depois que a responsável pela delegacia, Marlene Fiamoncini, recebeu um telefonema anônimo, no dia 2 de maio, dizendo que uma professora havia matado o namorado e jogado pedaços do corpo em terrenos baldios.
Como Romilda havia procurado à delegacia no ano passado, denunciando ameaças do companheiro, passou a ser a principal suspeita. No seu primeiro depoimento à polícia ela disse que Joel havia fugido com outra mulher.
Ontem de manhã, Romilda acabou confessando a autoria do homicídio. Ela relatou que matou Joel porque ele passou a lhe fazer ameaças. "Naquele dia, ele chegou bêbado, me agrediu e me obrigou, com uma faca, a manter relações sexuais com ele", relata. De acordo com a acusada, depois ela pegou uma banqueta e atingiu sua cabeça.
Romilda fugiu e mais tarde voltou para casa e constatou que o namorado estava morto. Então decidiu esquartejar o corpo. A mulher contou no depoimento que separou a carne dos ossos e guardou os pedaços na geladeira. A cabeça e os pés ela cortou inteiros, colocou no forno e quebrou com um machado. Para não dar cheiro, ferveu a carne e depois jogou em terrenos da cidade, assim como os ossos
juan gomes
</a>
(mailto:webmint@blue.com)


De Anónimo a 24 de Novembro de 2005 às 19:04
gostei muito do texto.
intenso, anyway
esta borboleta tem muito que se lhe digamessenger
(http://lickfuckneed.blogspot.com)
(mailto:p_s_landeiroto@iol.pt)


De Anónimo a 24 de Novembro de 2005 às 15:59
está tudo bem no Olimpo? Bom restinho de semana. bj de luzTMara
(http://estranhosdias.blogspot.com/)
(mailto:Tostimara@gmail.com)


De Anónimo a 22 de Novembro de 2005 às 11:13
Borboleta atrevida ehehehe Beijos :)Betty
(http://desfolhada.blogspot.com)
(mailto:ferreiraelisabete@hotmail.com)


De Anónimo a 21 de Novembro de 2005 às 14:20
Bem os Deuses tem destas coisas. Voos docesBorboleta
(http://devaneiosconstantes.blogs.sapo.pt)
(mailto:devaneiosconstantes@sapo.pt)


De Anónimo a 17 de Novembro de 2005 às 13:49
Uau!!! Um blog com longevidade!!! Expectacular!
Adorei!
Se poderes vê o nosso : P
E ajuda-nos contribuindo com um comentario : )

http://marretas.blog.simplesnet.pt/Pit
(http://marretas.blog.simplesnet.pt/)
(mailto:sirsoveral@sapo.pt)


De Anónimo a 15 de Novembro de 2005 às 14:38
Moral da história: Andas com falta de peso!obatata
</a>
(mailto:obatata@mail.pt)


De Anónimo a 13 de Novembro de 2005 às 22:18
n/ sei pq é k se há-de deixar de leituras k produzem tais...frutos....Ela lá sabe,boa semana. Bjs de luz e pazTMara
(http://estranhosdias.blogspot.com/)
(mailto:Tostimara@gmail.com)


De Anónimo a 7 de Novembro de 2005 às 22:48
Um sonho interessante que me aguçou o apetite...será que Zeus não gosta da vida campreste? Há quanto tempo Senhor do Olimpo! BeijoMaria Papoila
(http://apapoila.blogs.sapo.pt)
(mailto:msantosilva@sapo.pt)


De Anónimo a 7 de Novembro de 2005 às 16:02
Um sonho dionisico... Faz-me lembrar uma vez uma ninfa da montanha que vi á beira de uma nascente...Zuco o Sátiro
(http://ww.citizenzuko.blogs.sapo.pt)
(mailto:zuco40@yhaoo.com)


Comentar post