Quarta-feira, 21 de Setembro de 2005

Análise da satisfação dos clientes

barometro2.bmp


Como quase em tudo na vida, os relacionamentos entre os mortais no seu dia a dia são superficiais, aparentes, meramente relações profissionais ou de ocasião. Focarei então a prosa nessa “transacção” de boas práticas. Ou seja, deixemos de lado as relações afectuosas, de amizade, de amor, enfim, aquelas coisa sérias e que condicionam estruturalmente a personalidade e a vida.

Os nossos clientes (os outros) estão constantemente a avaliar o nosso desempenho e eficácia. Por outro lado, nós, fazemos o mesmo em relação a eles. Tudo isto não passa dum jogo de cortesias e sorrisos amarelos. Uma representação pura e dura. A questão é saber quem é o melhor actor/actriz. Aquele que utilizar da melhor forma as técnicas de representação será, sem dúvida, bem sucedido na espiral social.
É uma espécie de troca comercial cliente/fornecedor e vice versa, em que constantemente a satisfação de uns e outros está em constante avaliação, transposta num qualquer gráfico comparativo.

Basicamente resume-se à aplicação do famoso dito; “you scratch my back and I scratch yours”.


Causae aestimatio saepe morbum solvit
(O conhecimento da causa frequentemente elimina a moléstia)


Um bem haja para todos vós,
publicado por Zeus às 12:10
link do post | comentar | favorito
|
23 comentários:
De Anónimo a 12 de Outubro de 2005 às 00:18
lol lol lol
loll
</a>
(mailto:porntaveira@iol.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 11:15
A teoria é fantástica, agora isso na prática é algo inatingivel... Somos escravos do poder monetário..
AbraçosEca
(http://blogalize.blogs.sapo.pt)
(mailto:ecawireless@sapo.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:56
parte 6 /VI part





Outra lei criada que é anticonstitucional é a:
Lei n.º 61/91 de 13 de Agosto
Garante protecção adequada às mulheres vítimas de violência

Resolução da Assembleia da República n.º 31/99
Regulamentação da legislação que garante a protecção às mulheres vítimas de violência
(isto tudo devido a pressão feminista dentro do parlamento e nos sistemas sociais, bem com ausência de desmentira de homens e sua coação de defesa e de organização de defesa de seus direitos)

Lei n.º 107/99 de 3 de Agosto
Criação da rede pública de casas de apoio a mulheres vítimas de violência
Aprova o regime aplicável ao adiantamento pelo Estado da indemnização devida às vítimas de violência conjugal
VER: http://www.cristinasousasantos.com/vdom_legislacao.htm (EXISTE DEMAIS CONTEÚDOS EM OUTROS SITES)
HOMENS FAZEREM DOWNLOAD E LEREM: http://www.cristinasousasantos.com/Legislacao/Legis_Violencia_Domestica.zip

O que discrimina o homem e pode não ser revogado se o aborto for legalizado a semelhança da hipocrisia de outros países que são desenvolvidos mas que são retrógrados em muitos valores, direitos, liberdades e garantias, bem como direitos dos homens e coerência em direito.


Crimes contra a intra-uterina

Art. 140.º (aborto) alínea 1 (o que mais prejudica o homem visto só ser legalizado a IVG e não a IIG (interrupção involuntária da gravidez mesmo em razão de outros direitos de terceiros ou de indução de erro ou justa causa), sendo punido de 1 a 8 anos de cadeia em relação a 3 as mulheres que abortarem…

Nota. Aconselho a utilizarem fármacos abortíferos que deitam nas bebidas destas para provocar aborto instantâneo, ou corromper as cápsulas de outros fármacos ou suplementos alimentares e deitarem dentro da cápsula gelatina destas. Também pode ser provocado mediante grande quantidades de álcool metílico (mais forte e tóxico, verem em enciclopédias informação destas substancias) e etílico, como uso de airtaser também, sendo uma boa pratica de limpar a memoria da mulher hipócrita que esta grávida (dependendo da voltagem), existe demais produtos em os iatrogénicos e mutagénicos que causam deficiências nos fetos e assim fazem com que estas abortem legalmente e por sua iniciativa sendo o método mais fácil de acabar com a hipocrisia do feminismo na corrupção dos direitos sexuais e genéticos dos progenitores masculinos e sua exploração económica, social e judicial, ao raios x em longa exposição também ajudam nomeadamente os canhões de TV antigas voltados ao contrario ou outros dispositivos mais potente e sempre ligados, alem de alimentos com grandes quantidades de radioactividade, e ou elementos tóxicos, como arsénio, certas formas químicas de crómio como hexalato de crómio (e não estou em erro), sais minerais de chumbo muito absorvíveis e ou certas sais minerais de alumínio em quantidades tóxicas, e demais venenos tóxicos ou então animais venenosos na cama desta ou alimentos, ou acidentes premeditados para esta cair de precipícios consideráveis de modo a perder ou fazer esforço demasiado para poder perder o feto ou embrião).


Art. 141.º (aborto agravado), este artigo é muito sádico contra os homens e só apenas atinge maioritariamente os homens, especialmente mesmo sendo pró razoes justificantes e de exclusão de culpabilidade, sendo favorecido por magistradas e em primeiras estancias como negligenciado se for uma advogada como defesa e ou indolente e negligente jurista…


Em caso gerais o crime 152.º crime de maus-tratos também privilegiam as mulheres, especialmente se o homem não fazer queixa de ter sido vitima e não arranjar testemunhas e provas de que foi sujeito a agressão primeira desta e demais hipocrisias feministas, bem como demais formas de maus-tratos, (sendo a morte por maus-tratos de 3 a 10 anos de prisão). Sem morte é de 1 a 5 anos de prisão sendo melhor homicídio de outra forma e sem ligações a cônjuge, ou envenenamento como se tal se tratasse de suicídio…

NOTA: portanto aqueles homens que queiram fazer justiça pelas próprias mãos, devem cometer crime conspiradamente com intuição de dissuadir a culpa para acidente, doença ou para terceiros como se tratasse de consumo de droga (podendo ate injectar droga como overdose depois desta não se poder defender) ou fazerem se não possível de tais formas que não incrimine ninguém arranjar uma suspeita (de preferência mulher) como criminosa pondo provas desta no local do crime de forma acidental e sem nenhuma pista do cônjuge.

Outros artigos que privilegiam consiste no agravamento e consideração de incapacitado fisicamente a quem se encontra grávida como se tal fosse deficiente, agravando a pena, logo se tal acontecer mais vale matar sob crime conspirado (art. 155.º,152.º, 158.º SEQUESTRO)

CRIMES DE CARÁCTER SEXUAL (contra a liberdade sexual), estes crimes apenas coagem o coito, não coagem o sexo oral (minetes ou felações) e anal mediante penetração de língua como é habitual por lésbicas e mulheres.

São geralmente criado de modo a favorecer só as mulheres não sendo adoptado o conceito de tais crimes para apoiar homens vítimas de crimes como:

Coação sexual (163.º muito praticado por mulheres a homens, mas sob formas de violência diferentes, sendo mais psicológica, obrigando a que este faz sexo com esta).

Violação (164.º) sendo mediante violência, ameaça grave ou coação de sentidos de consciência de tal é punido de 3 a 10 anos sendo os homens os mais prejudicados e as mulheres que praticam tal crime sob diversas formas as mais privilegiadas…

Prejudicando a violação sem violência que muitas vezes injustamente é considerada violação sem ser podendo apenas ser abuso sexual ou mesmo apenas assedio sexual, e em alguns caso nem nada porque existe consentimento mutuo, mas são desfavorecidos em razão a de idade se inferior a 16 anos…
Abuso sexual de pessoa incapaz de resistência (art. 165.º) dando 6 a 8 anos de prisão, logo mais vale matar e destruí (corrosivos químicos, combustão e trituração de corpo incinerado, decomposição marinha ou acelerada com preferência a esmagamento de osso mediante viaturas ou pesos compactos) o corpo da vítima seja hipócrita ou não…

Abuso sexual de pessoa internada (art. 166º) dando 1 a 8 anos de prisão, e no caso b) 6 a 5 anos mas para os homens saio sempre mais do que 6 meses geralmente 3 a 5 (principalmente se for magistradas a julgar).

Fraude sexual (art. 167.º) apenas tenta prejudicar homens que fazem coitos como acima mencionado, embora também possa ser feito por mulheres tal crime a gravidade recaem hipocritamente sempre mais para os homens, sendo acusado a 2 anos no máximo…


Procriação artificial não consentida (art. 168.º), algo que nem consentimento do progenitor existe e ate furto ou roubo de esperma a homens existe para tais procriações artificiais algo que também deveria ser considerado crime, da pena de 1 a 8 anos…


Trafico de pessoas (art. 169.º) apenas criminaliza o incremento a prostituição de estrangeiros, o qual deve ser meramente para mulheres que se aproveitam de tal lei, não há duvida que esta lei foi criada por mulheres, especialmente feministas que estimularam e pressionaram sua criação, tal lei da pena de 2 a 8 anos, logo não sejam tontos mas vale homicídio e logo o mais rápido possível assim como tais feministas e tais legisladores deveriam também morrer…

O homicídio é uma grande solução para quem quer se ver livre de crimes, especialmente o homicídio com destruição de provas de corpo e por acidente ou doença…

Lenocínio (art. 170.º), o favorecimento de prostituição é também um dos que, as vezes mais valem os homicídios, principalmente na alínea b) se for usado violência ou de aproveitamento da incapacidade psíquica da vítima ou de alguma situação especial de vulnerabilidade, sendo pena de 1 a 8 anos, logo mais vale homicídio, e de facto porque existe grande indício da hipocrisia feminista na lei e na sua revogação e conceito penal (resultado de anos de trabalho das associações e comissões feministas em deturpar a lei, a igualdade e o bom senso) …

Actos exibicionistas (art. 171.º), considera exibicionismo importunar outra pessoa, praticando actos de carácter exibicionista mas não definindo o exibicionismo, algo que é muito cometido por mulheres mas que só tenta criminalizar os homens, é autêntica hipocrisia do feminismo, principalmente em coagir a estática masculina, em estimular o lesbianismo mediante técnicas de discriminação e de repugnação a anatomia masculina e sua estética…

Outra hipocrisia é os crimes contra a autodeterminação sexual:

O qual as ofensas corporais físicas aos gónadas especialmente os masculinos esta de fora de tal conceito e de gravidade hipocritamente, mesmo devido estes se encontrarem externos ao corpo humanos e logo mais fáceis de atingir do que na anatomia feminina, estando no interior do corpo e logo mais protegidos, seja os ovários o mais importante e a vagina interna e útero, e nenhum homem tenta revogar e criar tal lei como alterar tais leis que são hipócritas e injustas contra os direitos, liberdades e garantias do homens…

Abuso sexual de crianças (pune pornografia, actos com consentimento dos jovens (menos de 14 anos) e crianças, agravando as copulas de 1 e 8 anos para 3 a 10 anos (mais vale homicídio posterior).
Praticar actos de carácter exibicionista perante menor de 14 anos (muito praticado por mulheres mas nunca acusado ou levadas a justiça), apanha 3 anos de prisão, bem como fotografar, gravar, exibir ou ceder tais fotos e filmes, sendo punido se for com intuição lucrativa de 6 a 5 anos de prisão.

O abuso sexual de menores dependentes (art. 173.º), criminaliza hipocritamente e injustamente quem cuidado de menores de 18 anos e de 14 anos que tenham sido confiados de 1 a 8 anos de prisão, com intuição lucrativa a pena é um pouco menor indo ate 6 anos mas mesmo assim mais vale o homicídio…

A línea 3 do art. 172 é muito cometidos pelas progenitoras que tiram fotos aos filhos nus do sexo masculino cedem a terceiros, mas não são acusadas e julgadas…

O art. 174.º, (actos sexuais (apenas coito) com adolescentes defendido que sexo com adolescentes de 14 e 16 anos) são punidos o qual é autêntica hipocrisia e dramatização criminalizar e ate penalizar ate 2 anos de prisão, devendo apenas estar a critério do jovem e ser apenas indemnizado ou mesmo descriminalizado porque o abuso de inexperiência sexual é muito vasto e depende se tal quer ou não, porque não é forçado se não quiser não faz tais actos…

Depois são os actos homossexuais com adolescentes em que houver apenas copula (logo as lésbicas e mulheres estão de fora como sempre), penalizando quem fizer com jovens dos 14 aos 16 anos), sendo também 2 anos de prisão, (felizmente parece que esta lei já foi revogada devido a anticonstitucionalmente mas mesmo assim é anticonstitucional muitas outras mediante a discriminação sexual e omissão de equiparações sexual ao género feminino, deturpação da verdade, e do bom senso, bem como de conceito, alem de irrealidade e de incoerência e gravidade em relação aos homicídios e ofensas graves e sexuais).

O crime de lenocínio e tráfego de menores, art. 176.º (não é equiparado no mesmo artigo que os crimes de lenocínio e tráfego de pessoa que só apenas pró em vista o sexo e não tráfego de mão-de-obra ou escravatura e ou exploração de obra), talvez sendo posto pena e considerado como ainda mais grave e duro que a própria escravatura física laboral (…).

Havendo um agravamento no art. 177.º, (agravação) de 1/3 para os crimes ilícitos e hipócritas de conceito e pena, artigos 163.º, 165.º, 167.º e 176.º, se for familiar, adoptado, tutelado ou curatelado.

Sendo também hipocrisias se o aborto é legal para caso de gravidez indesejada e ilícita criminalizar a violação a favor do feminismo com um terço de agravamento se engravidar (artigos 163.º, 168.º, 172.º a 175.º).

Grande parte destas leis forma criada por influência feminista da CIDM, e de organizações feministas internacionais e comunitárias, bem como da associação de mulheres juristas (magistradas do ministério publico (procuradoras e magistradas judiciais (juízas de direito), bem como mulheres advogadas e docentes de direito (criado pela a CIDM como a maioria das associações feministas em Portugal e homologamente em todo o mundo) e de tráfego de influências destas no sistema político, judicial e legislativo…

Sendo depois a inibição do poder paternal (artigo 179.º) uma das armas consequente da hipocrisia feminista na criação de tais conceitos de crime discriminatórios e de mainstreaming contra sexo masculino, não havendo inibição do poder maternal e não haver conceito equiparado de crime as mulheres, sendo estas privilegiadas hipocritamente, isto é autentica Satânicidade (Satã) e ainda dizem que as mulheres são melhores do que os homens o apenas algumas e mesmo assim em caos raros e extremos a maioria das mulheres são hipócritas, manhosas, fingidoras, mentirosas, difamadoras, interesseiras, estrategas, premeditadoras e conspiradoras.

A todos os homens que queiram o código penal aconselho a fazer descarregar do ficheiro em adobe acrobat do site: http://www.pgdlisboa.pt/pgdl/leis/lei_print_articulado.php?tabela=leis&nartigo=&nid=109&pagina=39&ficha=381&nversao=&tabela=leis


As associações de mulheres empresárias criam medidas que pretendem estimular indirectamente o desemprego do género masculino ou apenas a inserção em trabalhos de baixo estatuto social, económico e demais, com medidas que privilegiam exclusivamente as mulheres em formação e assim tenta “roubar” empregos aos homens em categorias fora da construção civil e demais pesadas como administrativos e demais…
Sendo esta associação uma das estimulantes da CIDM, sendo o braço económico desta explorando os clientes de empresas feministas, associadas as proprietárias do conselho e suas membros desta associação. Estimulando a indignação pela discriminação sexual e a delinquência MASCULINA COMO ALTERNATIVA A SOBREVIVÊNCIA.

Também convém a qualquer homem antes de cometer um crime ver a lei referente a indemnização de vitimas de crimes violentos, e quais os crimes que são considerados violentos, muitas vezes é melhor homicídio colectivo de modo a matar todos os terceiros que possam porventura com a morte de alguém pedir a comissão de indemnização e ao supremo tribunal indemnização devido ter sido vitima indirecta ou directa de crime violento, ver sites correlacionados…
Assim também existe uma comissão de protecção para vítimas de crimes violentos, portanto antes de actuar há que agir eficazmente, para dissuadir e reduzir eventuais retaliações por meio legal…

http://www.CEDAW.org/ (sediada nos estados unidos da América /Treaty for the Rights of Women) este site é uma das piores ONG’S mundial do feminismo e merece ser destruído ou sancionado medidas discriminatórias e contra a igualdade e contra o princípios de tratamento, de liberdade e de reacção que deve ser igual como se fossem para homens...

Uma das hipócritas do feminismo é usar informação e deturpa-la usando medidas que privilegiam falaciosamente, mediante estatísticas falaciosas o referente presentes como exemplo neste site: http://www.ine.pt/PI/genero/Quadro.aspx , refere em percentagem valores que de facto não corrompem a números, ou seja se existir mais mulheres que homens será equiparado a 100% do que os homens e depois a percentagem assim utilizada será usada de modo falacioso para outras estatísticas sejam a nível de empregabilidade, de nascimentos e demais…

A todos os homens que pretendem fazer queixa tem cá sites um site sobre noções de certos crimes que os homens são discriminados (não terem medo se queixarem, os homens são os que menos se queixam, enviarem e pedirem ajuda superiores hierárquicos e demais se negligenciados ou vitimas de crimes sejam consequentes ou não) criados por uma besta de uma advogada jurista chamada Cristina Santos ( www.violencia.online.pt,www.cristinasousasantos.com), lerem se informarem e agirem licitamente ou ilicitamente de acordo com as circunstancias mas se lembrarem serem inteligentes e espertos… caso não serem usarem medicamentos psicoestimulantes como a pemolina (vendido em Espanha) da sempre uma ajuda embora não faça ninguém inteligente, e também nutrirem-se bem, e tomarem concomitantemente fluoxetina com tal medicamento visto provocar nervosismo e ate ser mortífero se exagerado (cuidado), caso não consigam usarem o Ritalina ou Modiodal…

Todos os homens, que forem vítimas de queixas ou devem fazer também queixas, e depois se tais razoes não tiver provas validas ou forem falsas, deve ser exigido indemnização dos gastos e contragimento provocado assim como demais…
Também há que realçar que Portugal não é dos piores países de injustiças e de feminismo hipócrita deixando a frente certos países especialmente a Finlândia que tem umas leis cruéis e injustas, criticando os homens que tiverem relações com prostitutas ilegais ou de tráfego humano (embora o tráfego humano (especialmente para prostituição) seja hipocrisia dentro da Europa e em alguns países, a excepção da sai e demais bem pobres).

Qualquer resposta a este blog favor comentar…
Obrigado.

Any answer to this blog please comment.
Thank you.





Outra lei criada que é anticonstitucional é a:
Lei n.º 61/91 de 13 de Agosto
Garante protecção adequada às mulheres vítimas de violência

Resolução da Assembleia da República n.º 31/99
Regulamentação da legislação que garante a protecção às mulheres vítimas de violência
(isto tudo devido a pressão feminista dentro do parlamento e nos sistemas sociais, bem com ausência de desmentira de homens e sua coação de defesa e de organização de defesa de seus direitos)

Lei n.º 107/99 de 3 de Agosto
Criação da rede pública de casas de apoio a mulheres vítimas de violência
Aprova o regime aplicável ao adiantamento pelo Estado da indemnização devida às vítimas de violência conjugal
VER: http://www.cristinasousasantos.com/vdom_legislacao.htm (EXISTE DEMAIS CONTEÚDOS EM OUTROS SITES)
HOMENS FAZEREM DOWNLOAD E LEREM: http://www.cristinasousasantos.com/Legislacao/Legis_Violencia_Domestica.zip

O que discrimina o homem e pode não ser revogado se o aborto for legalizado a semelhança da hipocrisia de outros países que são desenvolvidos mas que são retrógrados em muitos valores, direitos, liberdades e garantias, bem como direitos dos homens e coerência em direito.


Crimes contra a intra-uterina

Art. 140.º (aborto) alínea 1 (o que mais prejudica o homem visto só ser legalizado a IVG e não a IIG (interrupção involuntária da gravidez mesmo em razão de outros direitos de terceiros ou de indução de erro ou justa causa), sendo punido de 1 a 8 anos de cadeia em relação a 3 as mulheres que abortarem…

Nota. Aconselho a utilizarem fármacos abortíferos que deitam nas bebidas destas para provocar aborto instantâneo, ou corromper as cápsulas de outros fármacos ou suplementos alimentares e deitarem dentro da cápsula gelatina destas. Também pode ser provocado mediante grande quantidades de álcool metílico (mais forte e tóxico, verem em enciclopédias informação destas substancias) e etílico, como uso de airtaser também, sendo uma boa pratica de limpar a memoria da mulher hipócrita que esta grávida (dependendo da voltagem), existe demais produtos em os iatrogénicos e mutagénicos que causam deficiências nos fetos e assim fazem com que estas abortem legalmente e por sua iniciativa sendo o método mais fácil de acabar com a hipocrisia do feminismo na corrupção dos direitos sexuais e genéticos dos progenitores masculinos e sua exploração económica, social e judicial, ao raios x em longa exposição também ajudam nomeadamente os canhões de TV antigas voltados ao contrario ou outros dispositivos mais potente e sempre ligados, alem de alimentos com grandes quantidades de radioactividade, e ou elementos tóxicos, como arsénio, certas formas químicas de crómio como hexalato de crómio (e não estou em erro), sais minerais de chumbo muito absorvíveis e ou certas sais minerais de alumínio em quantidades tóxicas, e demais venenos tóxicos ou então animais venenosos na cama desta ou alimentos, ou acidentes premeditados para esta cair de precipícios consideráveis de modo a perder ou fazer esforço demasiado para poder perder o feto ou embrião).


Art. 141.º (aborto agravado), este artigo é muito sádico contra os homens e só apenas atinge maioritariamente os homens, especialmente mesmo sendo pró razoes justificantes e de exclusão de culpabilidade, sendo favorecido por magistradas e em primeiras estancias como negligenciado se for uma advogada como defesa e ou indolente e negligente jurista…


Em caso gerais o crime 152.º crime de maus-tratos também privilegiam as mulheres, especialmente se o homem não fazer queixa de ter sido vitima e não arranjar testemunhas e provas de que foi sujeito a agressão primeira desta e demais hipocrisias feministas, bem como demais formas de maus-tratos, (sendo a morte por maus-tratos de 3 a 10 anos de prisão). Sem morte é de 1 a 5 anos de prisão sendo melhor homicídio de outra forma e sem ligações a cônjuge, ou envenenamento como se tal se tratasse de suicídio…

NOTA: portanto aqueles homens que queiram fazer justiça pelas próprias mãos, devem cometer crime conspiradamente com intuição de dissuadir a culpa para acidente, doença ou para terceiros como se tratasse de consumo de droga (podendo ate injectar droga como overdose depois desta não se poder defender) ou fazerem se não possível de tais formas que não incrimine ninguém arranjar uma suspeita (de preferência mulher) como criminosa pondo provas desta no local do crime de forma acidental e sem nenhuma pista do cônjuge.

Outros artigos que privilegiam consiste no agravamento e consideração de incapacitado fisicamente a quem se encontra grávida como se tal fosse deficiente, agravando a pena, logo se tal acontecer mais vale matar sob crime conspirado (art. 155.º,152.º, 158.º SEQUESTRO)

CRIMES DE CARÁCTER SEXUAL (contra a liberdade sexual), estes crimes apenas coagem o coito, não coagem o sexo oral (minetes ou felações) e anal mediante penetração de língua como é habitual por lésbicas e mulheres.

São geralmente criado de modo a favorecer só as mulheres não sendo adoptado o conceito de tais crimes para apoiar homens vítimas de crimes como:

Coação sexual (163.º muito praticado por mulheres a homens, mas sob formas de violência diferentes, sendo mais psicológica, obrigando a que este faz sexo com esta).

Violação (164.º) sendo mediante violência, ameaça grave ou coação de sentidos de consciência de tal é punido de 3 a 10 anos sendo os homens os mais prejudicados e as mulheres que praticam tal crime sob diversas formas as mais privilegiadas…

Prejudicando a violação sem violência que muitas vezes injustamente é considerada violação sem ser podendo apenas ser abuso sexual ou mesmo apenas assedio sexual, e em alguns caso nem nada porque existe consentimento mutuo, mas são desfavorecidos em razão a de idade se inferior a 16 anos…
Abuso sexual de pessoa incapaz de resistência (art. 165.º) dando 6 a 8 anos de prisão, logo mais vale matar e destruí (corrosivos químicos, combustão e trituração de corpo incinerado, decomposição marinha ou acelerada com preferência a esmagamento de osso mediante viaturas ou pesos compactos) o corpo da vítima seja hipócrita ou não…

Abuso sexual de pessoa internada (art. 166º) dando 1 a 8 anos de prisão, e no caso b) 6 a 5 anos mas para os homens saio sempre mais do que 6 meses geralmente 3 a 5 (principalmente se for magistradas a julgar).

Fraude sexual (art. 167.º) apenas tenta prejudicar homens que fazem coitos como acima mencionado, embora também possa ser feito por mulheres tal crime a gravidade recaem hipocritamente sempre mais para os homens, sendo acusado a 2 anos no máximo…


Procriação artificial não consentida (art. 168.º), algo que nem consentimento do progenitor existe e ate furto ou roubo de esperma a homens existe para tais procriações artificiais algo que também deveria ser considerado crime, da pena de 1 a 8 anos…


Trafico de pessoas (art. 169.º) apenas criminaliza o incremento a prostituição de estrangeiros, o qual deve ser meramente para mulheres que se aproveitam de tal lei, não há duvida que esta lei foi criada por mulheres, especialmente feministas que estimularam e pressionaram sua criação, tal lei da pena de 2 a 8 anos, logo não sejam tontos mas vale homicídio e logo o mais rápido possível assim como tais feministas e tais legisladores deveriam também morrer…

O homicídio é uma grande solução para quem quer se ver livre de crimes, especialmente o homicídio com destruição de provas de corpo e por acidente ou doença…

Lenocínio (art. 170.º), o favorecimento de prostituição é também um dos que, as vezes mais valem os homicídios, principalmente na alínea b) se for usado violência ou de aproveitamento da incapacidade psíquica da vítima ou de alguma situação especial de vulnerabilidade, sendo pena de 1 a 8 anos, logo mais vale homicídio, e de facto porque existe grande indício da hipocrisia feminista na lei e na sua revogação e conceito penal (resultado de anos de trabalho das associações e comissões feministas em deturpar a lei, a igualdade e o bom senso) …

Actos exibicionistas (art. 171.º), considera exibicionismo importunar outra pessoa, praticando actos de carácter exibicionista mas não definindo o exibicionismo, algo que é muito cometido por mulheres mas que só tenta criminalizar os homens, é autêntica hipocrisia do feminismo, principalmente em coagir a estática masculina, em estimular o lesbianismo mediante técnicas de discriminação e de repugnação a anatomia masculina e sua estética…

Outra hipocrisia é os crimes contra a autodeterminação sexual:

O qual as ofensas corporais físicas aos gónadas especialmente os masculinos esta de fora de tal conceito e de gravidade hipocritamente, mesmo devido estes se encontrarem externos ao corpo humanos e logo mais fáceis de atingir do que na anatomia feminina, estando no interior do corpo e logo mais protegidos, seja os ovários o mais importante e a vagina interna e útero, e nenhum homem tenta revogar e criar tal lei como alterar tais leis que são hipócritas e injustas contra os direitos, liberdades e garantias do homens…

Abuso sexual de crianças (pune pornografia, actos com consentimento dos jovens (menos de 14 anos) e crianças, agravando as copulas de 1 e 8 anos para 3 a 10 anos (mais vale homicídio posterior).
Praticar actos de carácter exibicionista perante menor de 14 anos (muito praticado por mulheres mas nunca acusado ou levadas a justiça), apanha 3 anos de prisão, bem como fotografar, gravar, exibir ou ceder tais fotos e filmes, sendo punido se for com intuição lucrativa de 6 a 5 anos de prisão.

O abuso sexual de menores dependentes (art. 173.º), criminaliza hipocritamente e injustamente quem cuidado de menores de 18 anos e de 14 anos que tenham sido confiados de 1 a 8 anos de prisão, com intuição lucrativa a pena é um pouco menor indo ate 6 anos mas mesmo assim mais vale o homicídio…

A línea 3 do art. 172 é muito cometidos pelas progenitoras que tiram fotos aos filhos nus do sexo masculino cedem a terceiros, mas não são acusadas e julgadas…

O art. 174.º, (actos sexuais (apenas coito) com adolescentes defendido que sexo com adolescentes de 14 e 16 anos) são punidos o qual é autêntica hipocrisia e dramatização criminalizar e ate penalizar ate 2 anos de prisão, devendo apenas estar a critério do jovem e ser apenas indemnizado ou mesmo descriminalizado porque o abuso de inexperiência sexual é muito vasto e depende se tal quer ou não, porque não é forçado se não quiser não faz tais actos…

Depois são os actos homossexuais com adolescentes em que houver apenas copula (logo as lésbicas e mulheres estão de fora como sempre), penalizando quem fizer com jovens dos 14 aos 16 anos), sendo também 2 anos de prisão, (felizmente parece que esta lei já foi revogada devido a anticonstitucionalmente mas mesmo assim é anticonstitucional muitas outras mediante a discriminação sexual e omissão de equiparações sexual ao género feminino, deturpação da verdade, e do bom senso, bem como de conceito, alem de irrealidade e de incoerência e gravidade em relação aos homicídios e ofensas graves e sexuais).

O crime de lenocínio e tráfego de menores, art. 176.º (não é equiparado no mesmo artigo que os crimes de lenocínio e tráfego de pessoa que só apenas pró em vista o sexo e não tráfego de mão-de-obra ou escravatura e ou exploração de obra), talvez sendo posto pena e considerado como ainda mais grave e duro que a própria escravatura física laboral (…).

Havendo um agravamento no art. 177.º, (agravação) de 1/3 para os crimes ilícitos e hipócritas de conceito e pena, artigos 163.º, 165.º, 167.º e 176.º, se for familiar, adoptado, tutelado ou curatelado.

Sendo também hipocrisias se o aborto é legal para caso de gravidez indesejada e ilícita criminalizar a violação a favor do feminismo com um terço de agravamento se engravidar (artigos 163.º, 168.º, 172.º a 175.º).

Grande parte destas leis forma criada por influência feminista da CIDM, e de organizações feministas internacionais e comunitárias, bem como da associação de mulheres juristas (magistradas do ministério publico (procuradoras e magistradas judiciais (juízas de direito), bem como mulheres advogadas e docentes de direito (criado pela a CIDM como a maioria das associações feministas em Portugal e homologamente em todo o mundo) e de tráfego de influências destas no sistema político, judicial e legislativo…

Sendo depois a inibição do poder paternal (artigo 179.º) uma das armas consequente da hipocrisia feminista na criação de tais conceitos de crime discriminatórios e de mainstreaming contra sexo masculino, não havendo inibição do poder maternal e não haver conceito equiparado de crime as mulheres, sendo estas privilegiadas hipocritamente, isto é autentica Satânicidade (Satã) e ainda dizem que as mulheres são melhores do que os homens o apenas algumas e mesmo assim em caos raros e extremos a maioria das mulheres são hipócritas, manhosas, fingidoras, mentirosas, difamadoras, interesseiras, estrategas, premeditadoras e conspiradoras.

A todos os homens que queiram o código penal aconselho a fazer descarregar do ficheiro em adobe acrobat do site: http://www.pgdlisboa.pt/pgdl/leis/lei_print_articulado.php?tabela=leis&nartigo=&nid=109&pagina=39&ficha=381&nversao=&tabela=leis


As associações de mulheres empresárias criam medidas que pretendem estimular indirectamente o desemprego do género masculino ou apenas a inserção em trabalhos de baixo estatuto social, económico e demais, com medidas que privilegiam exclusivamente as mulheres em formação e assim tenta “roubar” empregos aos homens em categorias fora da construção civil e demais pesadas como administrativos e demais…
Sendo esta associação uma das estimulantes da CIDM, sendo o braço económico desta explorando os clientes de empresas feministas, associadas as proprietárias do conselho e suas membros desta associação. Estimulando a indignação pela discriminação sexual e a delinquência MASCULINA COMO ALTERNATIVA A SOBREVIVÊNCIA.

Também convém a qualquer homem antes de cometer um crime ver a lei referente a indemnização de vitimas de crimes violentos, e quais os crimes que são considerados violentos, muitas vezes é melhor homicídio colectivo de modo a matar todos os terceiros que possam porventura com a morte de alguém pedir a comissão de indemnização e ao supremo tribunal indemnização devido ter sido vitima indirecta ou directa de crime violento, ver sites correlacionados…
Assim também existe uma comissão de protecção para vítimas de crimes violentos, portanto antes de actuar há que agir eficazmente, para dissuadir e reduzir eventuais retaliações por meio legal…

http://www.CEDAW.org/ (sediada nos estados unidos da América /Treaty for the Rights of Women) este site é uma das piores ONG’S mundial do feminismo e merece ser destruído ou sancionado medidas discriminatórias e contra a igualdade e contra o princípios de tratamento, de liberdade e de reacção que deve ser igual como se fossem para homens...

Uma das hipócritas do feminismo é usar informação e deturpa-la usando medidas que privilegiam falaciosamente, mediante estatísticas falaciosas o referente presentes como exemplo neste site: http://www.ine.pt/PI/genero/Quadro.aspx , refere em percentagem valores que de facto não corrompem a números, ou seja se existir mais mulheres que homens será equiparado a 100% do que os homens e depois a percentagem assim utilizada será usada de modo falacioso para outras estatísticas sejam a nível de empregabilidade, de nascimentos e demais…

A todos os homens que pretendem fazer queixa tem cá sites um site sobre noções de certos crimes que os homens são discriminados (não terem medo se queixarem, os homens são os que menos se queixam, enviarem e pedirem ajuda superiores hierárquicos e demais se negligenciados ou vitimas de crimes sejam consequentes ou não) criados por uma besta de uma advogada jurista chamada Cristina Santos ( www.violencia.online.pt,www.cristinasousasantos.com), lerem se informarem e agirem licitamente ou ilicitamente de acordo com as circunstancias mas se lembrarem serem inteligentes e espertos… caso não serem usarem medicamentos psicoestimulantes como a pemolina (vendido em Espanha) da sempre uma ajuda embora não faça ninguém inteligente, e também nutrirem-se bem, e tomarem concomitantemente fluoxetina com tal medicamento visto provocar nervosismo e ate ser mortífero se exagerado (cuidado), caso não consigam usarem o Ritalina ou Modiodal…

Todos os homens, que forem vítimas de queixas ou devem fazer também queixas, e depois se tais razoes não tiver provas validas ou forem falsas, deve ser exigido indemnização dos gastos e contragimento provocado assim como demais…
Também há que realçar que Portugal não é dos piores países de injustiças e de feminismo hipócrita deixando a frente certos países especialmente a Finlândia que tem umas leis cruéis e injustas, criticando os homens que tiverem relações com prostitutas ilegais ou de tráfego humano (embora o tráfego humano (especialmente para prostituição) seja hipocrisia dentro da Europa e em alguns países, a excepção da sai e demais bem pobres).

Qualquer resposta a este blog favor comentar…
Obrigado.

Any answer to this blog please comment.
Thank you.




joana
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:54
parte /part 5 (V)

O feminismo devido ter surgido mediante interpretação sexista da natureza e da realidade, considerando a realidade como machista, o qual não era devido a natureza estar adaptada ao sexo masculino que feminino e com o artificialismo e manipulação da natureza e da medicina, bem-estar e demais fez com que as mulheres parasitassem os conhecimentos masculinos e usufruíssem e os aprendesse para manipularem a natureza e se auto-favorecerem, havendo a criação de ideologias mesquinhas e com grande poder de persuasão e clareza mental mas com sádicas intuições subjacentes, tornando-se intelectual em relação ao machismo arcaico, a qual tentou ser emulamente melhor que o machismo e rectificá-lo a luz do bom senso por uma parte de modo a ganhar maior adesão de população em geral mas principalmente intelectual masculina e feminina de todos os ramos sociais e intelectuais com ideia implícita de manipular e usar tais homens para atingir seus objectivos, sendo actualmente o feminismo muito implícito em tudo especialmente na comunicação social e mas media, bem como sociedade…


Há mentes retardadas segundo a difamação feminista na comunicação social, que pensam que a violação sob violência ou coacção é o melhor castigo ou pena, principalmente em países retardados ainda pelo senso comum, do que em vez de matar ou tortura fisicamente imobilizando os sentidos e assim coagindo a expressão e a vingança ou meios indirectos de vingança, isto dando meios para difamarem, hiper-dramatizarem e criar meios de tortura judicial e social feminista para criar preconceitos e uniformizar e generalizar tais ideias contra o genro masculino como se fosse um homicídio ou ofensa a integridade física…


É autentica hipocrisia feminista as mulheres querem abortar e restringirem o aborto ou liberdade de autodefesa ou desconhecimento, bem como em considerar homicídio o aborto provocado pró agressão em vez de ser apenas como agressão, mesmo no prazo legal de aborto e em condições acima mencionadas, o qual também é autentica hipocrisia haver mulheres que abortam mesmo ilegalmente e não são criminalizadas ou investigadas, alem de haver medicas que abortam em clínicas mesmo excedendo o tempo de que se fosse legal abortar poderia seria considerado legal ou nulo de acusação, o qual mesmo o aborto sendo ilegal apenas prejudica os homens que causam aborto ou que não querem serem pais e que forma burlados na concepção sexual, assim como o aborto mesmo legal noutros países em certo período de tempo são praticados ate mesmo aos nove meses…Um dos exemplos da hipocrisia feminista é dado numa telenovela designada «A escrava Isaura» na RTP, em que uma tipa acusa de homicídio (pela morte do feto de poucas semanas) e diz ter ficado estéril devido a um conflito que provocou e teve com um homem, dramatizando e favorecendo tal ponto de vista feminista incoerente e hipócrita, que existe ainda nos países onde o aborto é legal e onde o tempo de gravidez é indiferente, ou mesmo possível abortar por qualquer tempo seja ilegalmente mas não são levadas a justiça…

A disfunção eréctil é dramatizada mais na TV especialmente RTP 1 do que os cancros da próstata, do epidídimo, e nos testículos, principalmente nestes órgãos, o qual são discriminados pelo feminismo, coagidos indirectamente, pondo apenas como essencial a função sexual como meio de satisfazer sexualmente as parceiras em vez da vida destes e de sua integridade e saúde física, sendo uma das autênticas hipocrisias feministas, incoerentes e sádico, o qual para o cancro da mama nunca é posto de parte, mesmo que haja mais mulheres do que homens e em grandes faixas etárias é falaciosamente e hipocritamente considerado grave e logo favorecido…

Existe um dos caso verdadeiro, ocorridos no Funchal (Madeira island) numa clínica de uma medica que abortou o filho de 23 semanas, quase 6 meses, natural a progenitora de Câmara de Lobos, e que foi ao centro tratar o caso de pós-aborto ao centro de Câmara de Lobos no mês de Setembro de 2005, em que tal medica abortou por marido se encontra detido devido a tráfego de droga ou algo correlacionado e esta a semelhança de todas as mulheres não querem doar ou mesmo vender como doação o filho, depois de nascer, seja por inveja ou demais mesquinhez e hipocrisia, que mesmo tendo esta algum trabalho durante as fases de parto, poderia ser indemnizada por tal, a fim de deixar de ser constituída mãe dos filhos, é autêntica inveja, hipocrisia, egoísmo, sadismo a maior parte das grávidas querem matar os filhos do que os doarem mesmo sendo indemnizadas por tal…

A feminista do programa «Fiel ou Infiel» de 01/10/05 para 00:30, na TVI (Portuguese channel) foi um programa invulgar porque não foi excluído a fidelidade de um homem, a qual a Fátima, feminista do publico mas perceptível pouco pode injuriar e difamar, que neste dia não pode agir completamente sadicamente contra o género masculino, devido ter havido um homem que tinha sido fiel e que foi sujeito a violência física da sedutora ou criminosa que assediou e agrediu, e discriminou-o de gay por não ceder, e queria esta coagi-lo de se defender e de opor resistência se tornando feminista e hipócrita pelo facto hipócrita e mesquinho desta ser mulher, revelando a hipocrisia feminista, porque a maioria ao dizer que a maioria das mulheres gostaria de saber vendo se o seu companheiro é fiel, não dizendo também o contrario e sendo de facto mais as mulheres que em condições homologas e de qualidade física e estética a que podem serem sujeitas são ainda piores que os homens e ficam também obcecadas de desejo traindo o companheiro, principalmente se a estética masculina for tão evoluída e generalizada como é a feminina, outra situação é a tortura e prova de resistência a que são sujeitos homens psicologicamente, sexualmente e intelectualmente as mulheres que abusam destes mediante os meios acima mencionados seja agressão passiva, assedio físico e demais, bem como a discriminação destes não só por serem homens ou não terem “cona” mas também por resistirem as provocações e seduções e estas ficarem indignadas em não cederem ao “diabo” insultando-os de gays e demais, sendo estas as que mais gays são ou se preferirem lésbicas, que no grupo de amigas se masturbam, chupam conas e lambem rabos e conas (minetes e cunilingus), bebem a urina destas (algumas), penetram vibradores seja nas casa de banho ou noutros locais ou habitações, e não são discriminadas como tal ao contrario do que discriminam os homens com tal determinismo ou opção sexual…
Ate no programa da TVI nesse dia a sedutora agrediu a namorada deste que o pôs a prova e mediante violência intelectual e psico-sexual, demonstrando que a violência física não é característica só do sexo masculino e é estimulada neste pelo feminismo e machismo arcaico corrompido intelectualmente pelo feminismo em muitos assuntos, alem de demonstra que estas são as que mais violência psíquica e intelectual fazem e mais desafiam e agem sob violência física para estimular a sua autodefesa ou vitimação hipócrita, bem como autodefesa ilícita…

É autentico estimulo do feminismo e adesão as suas ideologias hipócritas muitas mulheres, do publico da TVI em tal programa, bem como na sociedade, especialmente nos altos cargos e nos cargos sociais e profissionais, muitas mulheres discriminarem certas mulheres que não foram hipócritas e mostraram o que eram sendo estas injuriadas como sendo a vergonha das mulheres, isto para estimula a que tentem fazerem-se melhor que os homens, que não sejam isentas sexualmente e corrompam a verdade., o determinismo sexual, os pontos de vista e interpretações cientificas, bem como análises e conclusões, seja ilicitamente como licitamente…

Se algum homem for alvo de alguma mutilação sexual contra gónadas, por parte de alguma mulher, deve preparar-se bem, conspirar e apanhar tal mulher e lhe cortar ou retalhar se possível seria os ovários, mas como não possível, deve ser a entrada da vagina, clítoris, lábios (embora pouco prejudicial do que feito ao homem) ou então dar-lhe um tiro pela a vagina a dentro ou tiros nos ovários, ou simplesmente utilizar certas substancias químicas e introduzir-lhe na vagina e corrente sanguínea para desencadear destruição dos ovários, e ou vagina, assim como também deve cortar-lhe os seios e ou injectar substancias tóxicas e carcinogénicos nestes, bem como esmurra-los em cima dos mamilos, assim como o feminismo é tão hipócrita e sádico com o género masculino devem também proceder de mesma forma e ou com juros ou agravamento… as substancias corrosivas nos ovários e vagina a dentro ate ao útero são uma boa arma mas deve ser utilizado sob anestesia geral ou imobilidade destas devido a possível dor que pode causar mesmo sendo cruel deve de ser se assim o feminismo é cruel seja directamente ou indirectamente e é mais sob que menos visível e interpretado do que eu o machismo arcaico que nem era ou era sob razões compreensíveis e justificáveis mesmo um pouco prematuras, mas o qual o feminismo na realidade é mais…


Se algum homem ser convidado a uma entrevista, ser confrontado com sedução ou assedio psico-sexual e depois assedio físico, ser confortando com muita conversa intima e correlacionada com fidelidade, ser confrontado com um emprego de alto desempenho e ou de óptima ou boa remuneração, estar numa casa aparentemente desabitada, sem fotografias, sem logótipo de empresa, deve interromper e telefonar para ministério da economia e finanças a confirmar o nome da empresa, devem também exigirem identificação e contribuinte da empresa e o BI da pessoa empregue caso não entregar e não confirmarem é de suspeitar, ate porque também podem telefonar a policia e se queixarem de burla ou pedirem para identificar o proprietário da casa que são chamados ou carro mediante visualização da matricula. Outra questão é porque devido a oferta ser demais e ser uma entrevista de trabalho invulgar e assediadora deve se suspeitar e agir logo possível não cedendo e ate saindo e chamando a PSP (police) para fazer queixa de burla, de assédio e de agressão…

Para tratar de insónias, depressão, tremores de origem nervosa, miastenias (fraqueza muscular de origem neurológica, bem como ma coordenação motora) ressentimentos e ou demais estados de espírito psíquicos, é ma solução é solução hipócrita usar bebidas alcoólicas, drogas ou fumar para dissuadir ou tentar tratar tais situações, porque tal é apenas uma agravante da situação a longo prazo, é uma falsa e efémera ajuda e autodestrói o corpo masculino, diminuindo suas capacidades físicas, psíquicas e mentais, e assim diminuindo o rendimento e o estado de operação físico, intelectual e psíquico na resolução de problemas ou resolução de justiça destes, seja licitamente ou ilicitamente, mas como a lei é favorável ao feminismo logo é causa de necessidade justificante ter que fazer justiça pelas próprias mãos, mesmo sendo crime… O feminismo incrementar a que os homens se auto-destruam e a que se auto-mutilam, estimula a repressão de sentimentos, a passividade para que nada reajam nas circunstancias de defesa de seus direitos, liberdades e garantias, isto é o contrario que a maioria das mulheres fazem porque devido ao grande nível de narcisismo que tem vinculam todo seu ódio para esquemas e para paciência em questão de tempo e trabalho de modo a destruir indirectamente ou directamente, os inimigos se possível utilizando a lei ou utilizando terceiros e destruindo provas ou indícios de suspeita de crime, é muito raro uma mulher utilizar tais drogas como medicamentos, é muito mas habitual para as insónias estas utilizarem medicamentos comprados com ou sem receita medica como os hipnóticos ou sonoríferos/sedativo (ex. Stilnox, erva de são João), miastenias ( MESTINON ), como
Anti-depressivo e ou ansiolítico (combater estados de ansiedade e depressão seja esta perceptível por o doente ou não perceptível), é aconselhado a fluoxetina (nome comercial Digassim caps.20 mg ou medicamento genérico dos laboratórios Labesfal (mais barato), assim como outros anti depressivos, este principio activo ou do mesmo grupo químico, inibe a libido e assim é melhor para não haver desejo ou dependência sexual porque a dependência sexual pelas mulheres mas prejuízos trás do que benefícios a longo e ate curto ou médio prazo, sendo também relativo ao tipo de mulher… para casos de mau temperamento (utilizar Priadel (carbonato de lítio), instabilidade emocional alem de anti-depressivos (melhor que os ansiolíticos) DEVE SER TOMADO CERTOS MEDICAMENTOS a noite mas com cuidado porque aumenta o risco de reduzir vossa vigília, capacidade intelectual e de resposta, devendo ser tomada a noite e sob boas medidas de protecção e de anti-intrusão (um ex. um cão de guarda e demais medidas preventivas porque mais vale prevenir do que remediar) e de alerta para evitar ataques ou vinganças a noite, outros
Anti-psicóticos ou psico-analépticos como o Haldol (com poucos efeitos secundários, lerem sempre folheto informativo antes de tomar qualquer coisa) e demais medicamentos.

O filme «Aguas passadas», que supostamente diz-se ser da autoria de Léopard D’Arg, é um filme feminista como muitos filmes sejam eles directamente ou indirectamente feministas, e logo pretendem discriminar, difamar os homens, são feitos geralmente apenas pró mulheres com a cumplicidade de certos homens que não fazem frente a hipócrita feminista e são pressionados a serem feministas, tais filmes deturpam, exageram a interpretação e as causas que hipocritamente dizem serem verdadeiras, mas as quais são manipuladas e são falaciosas e corruptas da verdade, tudo isto para instigar o feminismo e tentar justificar sua existência a qual sua justificação é hipócrita, estimulando a androginia ou androfobia e lesbianismo, ou bissexualismo feminino de preferência lésbica…


O erotismo heterossexual e demais estímulos visuais de sexo destinados ao sexo masculino de modo a fazer com que estes fiquem dependentes sexualmente, sejam loucos por sexo e por mulheres com tais capacidade de sedução e de sexo, apenas para fazerem estes desviarem suas atenções, fazerem com que não tomem cuidado de si próprios e que sejam directamente ou indirectamente usados e explorados em varias vertentes mais desproporcional do que beneficiados… A moda feminina e lesbianismo erótico, são também meios de desvio de atenção, sem falar dos desportos como futebol e demais que são mais saudáveis num ponto de vista comparativo, mas também ajudam a desviar a atenção das realidades noticiosas e intelectuais que discriminam e roubam cada vez mais direitos aos homens de modo passivo e hipócrita, bem como descarado e sádico sob falsos e hipócritas argumentos…
A própria moda masculina, estética e bem-estar masculino esta atrasado 85 anos em muitas coisas tudo porque ao longo do tempo o homem tem sido coagido por preconceitos anti-masculinos sexistas que coajam os homens na sua liberdade, decisão, gostos e opções cosméticas, vestuários e demais estéticas… Bem como por a maioria dos homens e mulheres ligados a tais áreas discriminarem o homem e pondo-o em segundo plano, o qual é de certa forma coerente quando são mulheres, visto ser a maioria mulheres, mas incoerente dos próprios homens que deixam-se corromper pelo feminismo visto não terem percepção e ética masculina ou filosófico-sexista nas injustiças que são imputados e discriminados…

A ciência é a salvação dos homens do género masculino para fazer mais eficazmente frente as mulheres feministas ou hipocritamente feministas que não se assumem e não se reconhecem apesar de terem atitudes e ou comportamentos feministas, quem souber manipular a natureza criar armas de destruição maciça destruindo a cultura humana e os anos de historia e conhecimentos, especialmente correntes feministas e sexistas, bem como jurisdições deturpadas pelo feminismo alem de demais terá uma vida mais justa e calam, é necessário fazer frente ao feminismo e um bom método é sob violência mascarada, indirecta, conspirada, terrorista e sem indicio de etiologia criminosa, porque a cobardia não é um defeito mas sim pode ser uma esperteza e inteligência, os princípios e preconceitos ao feminismo nada valem, mesmo ate deus nada vale, nem o diabo, porque na realidade são ateus as tipas que criaram correntes intelectuais feministas e a maioria que incrementa, ou não esta concretamente comprovado, alem de o feminismo tentar corromper os bons valores e a igreja católica, seja mediante a interpretação e mediatização de não haver mulheres como sacerdotes, isto devido a motivos históricos e determinismo e isenção sexual, mas também para corromper e manipular através da igreja a sociedade, o exercito feminista tem armas indirectas, usando os homens e forças e justiça como armas de retaliação contra estes próprios mas não conscientes de tal, como seu escravos ou servidores…
O feminismo só poderá ter fim mediante a violência intelectual, social, psicológica, militar tudo numa vez, bem como destruição de todos os documentos e livros feministas sejam estes oficiais ou não, ou pelo menos corroboração, se o feminismo e as mulheres de tais caracteres não são mortas então ganharam cada vez mais resistência e tempo de conspirarem, se vingarem ate que a morte venha, mas que já transitam tal veneno para a sociedade, especialmente feminina…

A ONU e comissões feministas desta, ou com grande presença feminina como a UNICEF, bem como comissões governamentais como a CIDM (www.cidm.pt), ONG’S FEMINISTAS SÃO GRANDES VENENOS DA SOCIEDADE, isto tudo criado pela a culpa da ONU e comissões governamentais como CIDM, logo a destruição deve ser na raiz destruindo primeiro e simultaneamente bem como maciçamente tais instituições da tanga… Nem que seja mediante a introdução de pedras ou pó, de minas rádio nucleares nos recintos, ruas, ou pó, criando grande exposição das bestas feministas que conspiram contra os Direitos, liberdades e garantias do homens sob hipócritas interpretações, incrementando o cancro e as mutações para criação de novas doenças sejam virais ou bacterianas (especialmente se só atingirem população feminina o qual é conspirado por estas para fazer com que atinja só os homens, bem como deficiências causados por mutações genéticas seja a curto ou longo prazo e que especialmente atinja mulheres…

O radicalismo é uma arma potente quando existe coações e hipocrisia na justiça e na sociedade contra DLG, e deve ser utilizado e feito mas inteligentemente, hipocritamente e cobardemente, ate porque é visto como um veneno social mas é o resultado do veneno que motivou justamente e não falaciosamente tal, bem como não equiparadamente, sendo o radicalismo essencial embora
Anti-ético ou fora dos princípios legais e morais os quais são obstáculos a resolução e luta contra a hipocrisia do feminismo e discriminação e injustiças contra os homens…
Aqueles homens que são feministas e que apoiam o feminismo só me resta dizer que mais cedo ou mais tarde serão e terão a percepção de trem sido prejudicados, explorados sob outras formas ou não sob proporção, usados e destruídos fisicamente, intelectualmente e sexualmente ate nem que seja por destruição patológica de doenças sexuais por desnutrição ou exacerbamento sexual…
A um suicida que queira morrer mas antes fazer justiça aconselho a criar e estudar formas de adquiri doenças sem terapêutica actual, passivas e incubadoras, que incube e que transmita estas por contagio pelo ar, indo este a todos os lugares feministas e a onde existe população feminina em grande escala, especialmente feministas, ou com possível probabilidade de tal e contagiar o ar, deixando tal incubar os corpos destas, tal doença deve ser especialmente viril em mulheres e não em homens mas os quais podem se incubar também nos homens mas apenas para transmissão, isto ira reduzir drasticamente a população feminina e a sociedade deixara de ser sexista, ou feminista, mas claro também não deve ser machista arcaica ou simplesmente deve ser humanista ou então neomachista quando em causa DLG dos homens do genro masculino…


As crianças agredidas seja por correctivos ou não são geralmente e maioritariamente por mulheres, as quais depois de crescidas tornam-se violentas e manifestam tal repressão de que forma sujeitas, o qual concordo em que tais deveriam criar associações e dar caça a mulheres feministas e hipócritas que agredissem crianças seja com justificação ou não, sendo especialmente os meninos homens que são atingidos mediante violência intelectual, psíquica e física, bem como discriminação sexual sob diversas formas, especialmente quando tem irmãs…

A musica galega da hipócrita Ana Malhoa, cantora de POP portuguesa, que tenta injustamente, mesquinhamente e sadicamente restringir os homens de se defenderem, bem como seus DLG e igualdade sexual em DLG, seja pró violência física geralmente as agressões de mulheres, insultando histericamente, compulsivamente e psicoticamente de «tonto, tonto se piensas bater em una mujer», assim como demais hipocrisia histérica e cobarde desta de autoras de letra, seja mediante pseudónimos masculinos ou mediante autoria falsa masculina, de modo a desviar e dissuadir a atenção de indignação…
Definitivamente grande parte das mulheres, mesmo casadas são lésbica especialmente as mulheres feministas e aquelas que discriminam os homens, ate para um homem ser bonito tem que se vestir e se tratar como uma mulher, algo que poderia ser feito o mesmo mas mantendo a uni-sexualidade ou masculinidade seja parcialmente ou total sem ter que se transformar em mulher, isto é um dos lados que demonstra a discriminação e coação estética nos homens…

A associação de mulheres empresarias pretende criar mulheres empresarias em grande proporção do que os homens, e sua-las para explorar os homens bem como burla-los e usa-los, alem de tentarem coagir os seus negócios e inteligência, mediante o favorecimento e entreajuda feminina, como também persuasão e desvio de dinheiro e propriedade intelectual e mãos de obra masculina para serem usados e explorados, é uma autentica hipocrisia feminina dizerem que existe mais mulheres desempregadas sendo estas a que por serem mulheres são favorecidas em muitos empregos, são favorecidas por as chefes de recursos humanos e patroas serem mulheres e logo primaziarem as mulheres, tem as melhores funções e mais remuneradas, sendo ate as que menos horas trabalham mais malandras ou interrompem seu trabalho (de acordo com sua saúde e nutrição e cuidados médicos e de bem-estar que são privilegiadas), bem como menos se sujam no trabalho, mesmo usam força física e ate intelectual, alem de estarem em grande proporção a população masculina e em diferentes faixas etárias, principalmente as mais longas e que mais exploram os homens e o estado e que ao longo do tempo tiveram trabalhos bons e que as manterem bem de saúde, bem como fizeram-nas se cuidarem e terem narcisismo e privilégios…

As mulheres são muito favorecidas na educação e na avaliação, especialmente quando o docente é uma professora, que é a maioria, estas não se aplicam tanto como se fosse um docente e tem mais ajuda da professora do que os próprios alunos, alem das vezes de adquirem mais motivação e tácticas de estudo ou de interpretação de enunciados e matéria de tais disciplinas, isto porque a maioria dos docentes são professoras sendo 80% professoras de 1º a secundário, sem falar do pré-escolar que são também só educadoras de infância e isto devido a coação de conceitos criados pela a UNICEF e demais ONG’S que devem da ONU e que deturpam a justiça e a verdade e bom senso nomeadamente discriminam e aplicam tal conceito só aos homens…Sendo portanto isto uma das razoes que mais influencia e prejudica os rapazes e estimula estes para a delinquência e trabalhos de baixa formação intelectual e remuneratória, seja a construção civil, agricultura, metalurgia, maquinaria e demais funções perigosas e nada higiénicas e saudáveis seja em segurança físicas, psíquica e de saúde, sendo tal umas das razoes para menor esperança de vida também do genro masculino, alem dos vícios e discriminações de serviços, saúde, sociais e de justiça…
A empatia feminina na educação é quase incorrigível favorecendo as raparigas e prejudicando só rapazes, isto segundo vários estudos e percepções, a qual ate a própria prestigiada universidade de educação de São João de Deus (www.ese-jdeus.pt) fez estudo e comprovou cientificamente tal…

Isto ao contrário dos homens professores que são mais exigentes, igualista, e que não privilegiam ninguém mesmo sendo do género masculino, mas que de ate mesmo alguns podem ate favorecer as raparigas ou tratar de modo diferente, isto se não perceptíveis de serem instigados pelo feminismo ou de estarem a serem sujeitos a métodos de sedução feminina para estimular a sua ajuda…



Na lei portuguesa e comunitária o código penal favorece as mulheres e discrimina os homens, devido a EU, ONU e CIDM e ONG’S feministas deturparem e criarem conceitos de lei para impor ao estado revogação processual, sendo os artigos do código penal, muitos artigos injustos e irreais e que vão contra o princípio constitucional de igualdade e contra os direitos humanos ou direitos, liberdades e garantias do género masculino não havendo solução que não o suo da inteligência e violência física, se possível homicídio (é a melhor solução de correcção porque as mentes feministas não se consegue corrigir são mentes hipócritas e sonsas).
Estes são, especialmente se o aborto for legalizado deve ser corrigido ou anulado a acusação de aborto nos artigos (ver crimes contra a vida intra-uterina).


As mulheres são favorecidas nestes crimes:

Homicídio privilegiado (1 a 5 anos de prisão) art. 133.º
Incitamento ou ajuda ao suicídio (1 a 5 anos de prisão) art. 134.º
Infanticídio (mãe que mata filho na nascença ou durante o paro, apenas passa 1 a 5 anos de cadeia) art. 136.º
Homicídio por negligência (art. 137.º), 1º parâmetro matar por negligencia pena apenas de 3 anos de prisão)
Exposição ou abandono (art. 138.º) apenas 2 a 5 anos de prisão, em agravamento e crueldade pode ir ate aos 19 anos de prisão).

joana
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:53
part IV

A maioria dos crimes cometidos por mulheres há sempre a injustificabilidade hipócrita, esfarrapada ou cobarde de ser consequência do ciclo menstrual e também dos períodos menopausicos, algo que é justificado na maioria dos casos seja falaciosos ou não quando é para justificar assuntos relacionados com a saúde, ou mesmo devido a défices de desequilíbrio andro-endócrino e metabólico não é investigado e nem é aceite principalmente por mulheres...

O homem continua a ser discriminado na saúde reprodutiva, na contracepção reprodutiva, sendo as pílulas de inibição da espermatogénese (temporária) ou de incapacitar os espermatozóides em fecundar ou inibir a ejaculação, ainda é negligenciado. Alem da própria língua portuguesa contra o cancro negligenciar as patologias do foro andrológico, alem dos próprios organismos internacionais tudo por culpa do feminismo que pretende discriminar e coagir a saúde no homem...


Os homens que são acusados de crimes que em países com o estados unidos, Afeganistão e demais da pena de morte, devem estes munirem-se de armas nucleares e demais armas de destruição maciça como camiões de gás, gasolina e
Demais, como químicos tóxicos mutagénicos e iatrogénicos para destruir o maior numero de gente, especialmente em conspiradoras/es de acções penais, associações, tribunais e demais organismos que incrementaram legislação, bem
Como utilização de armas nucleares em placa tectónicas para provocar sismos bastantes violentos de modo artificial...
Quando for elaborado um ataque terrorista terá de ser feito de modo destrutível e definitivo para que não de capacidade de resposta, nem de preparação para coagir demais ataques, os recintos de armamento militar e demais, como laboratórios universitários, munidos com plutónio e urânio, centrais nucleares, indústrias químicas e militar devem serem alvos privilegiados para tais ataques...



É autentica hipocrisia feminista defenderem a despenalização do aborto e quererem manter a penalização do aborto provocado por terceiros contra a vontade da progenitora, isto deve ser despenalizado, especialmente porque o facto de uma mulher estar grávida da confiança a que agrida ou provoque sem que seja oferecida resistência bem como deve ser ilícito e despenalizado qualquer homem pai ou não de tal criança ser ameaçado ou coagido contra a sua liberdade, direito e garantias de se casar, assumir responsabilidades de tal futura criança, contra sua vontade, e sob fraude ou burla ou negligencia deliberada, provocatória e ou conspirada de tais mulheres, devendo estes não assumirem nenhum cargo e nenhum relação parentesca de responsabilidade por tal ou mesmo sob outro argumento solicitar ao tribunal aborto oficioso mediante terem sido vitimas de fraude e conspiração para fins ilícitos de sua parceira ou ex-parceira afim de ser abortado tal criança contra a vontade da progenitora criminosa.

A maioria dos abortos sejam menos do que tempo estipulado para a proposta de lei apresentada, seja superior são cometidos por estas e estas não são sujeitas a crime por estarem a tirar a vida a um ser, o mesmo deve ser aplicado se estas se envolverem mesmo sob observação nítida de estarem grávidas ou não com terceiros, devendo estes serem ilibados de tal crime devido a estado de necessidade justificante, desconhecimento de tal gravidez ou abuso de confiança ilícita da mulher grávida, só devendo ser crime se tiver 9 ou 8 meses de gravidez e se for nítida de observar e não for oferecida resistência litigiosa de tal mulher, bem como se esta não tiver engravidado litigiosamente sob outros interesses ou tentativas de benefícios, bem como se for casada...
A maioria dos países que legalizaram o aborto não são coerentes em relação a intervenção de terceiros na interrupção da gravidez involuntariamente, seja mediante violência ou acidente, o qual é defendido a não despenalização pela as associações feministas que são hipócritas, bem como pelas/os defensores do aborto...


Aos homens que por doença abusar sexualmente ou abusar sem ter consciência de tal, ou por desvio sexual de carácter psicológico mesmo que esteja arrependido e seja acusado mas vale assassinar testemunhas e ou vitima hipócrita ou vitima forçada contra sua vontade, ou sem beneficio económico devido a negocio sexual, porque ao assassinar pode destruir provas de carácter orgânico, pode deitar corrosivos no corpo como soda caustica, acido clorídrico, sulfúrico, queimar o corpo, atira-lo ao mar sob correntes de fero e pedras pressas para profundidades marinhas, para se decompor, pode mediante incineração ou mesmo meios como lixívia, lavagem com agua, detergentes e demais destruir provas de ADN ou físicas que comprovam tal, ficando muito difícil a sua investigação, e o qual os próprios filmes, ensinam tal premeditações.

Assim como o de violação por agressão ou coação grave, bem como demais sai melhor matar e destruir provas e ser acusado de homicídio devido a razoes de carácter fútil ou mesmo involuntários do que não matar e ser acusado de crime, os crimes devem por norma serem sem agressão, mesmo que exista ódio, devem ser mediante neutralização da pessoa, o qual deve ser mulher de preferência feminista, hipócrita e sádica, se houver razoes mesmo ilícitas para tal, com destruição dos objectos pessoais, ou premeditação de acidente rodoviário, consumo de narcóticos ou álcool, injectando tal no organismo com injecções de ponta fina, assim como pancada na cabeça para adormecimento, e amarra e deixar dentro de recinto fechado com carro a trabalhar durante 1 hora, com tudo fechado (ver pulso cardíaco), alem de morrer na banheira...

Existe mulheres que sadicamente sabendo de homens com problemas cardíacas, seduzem-nos e assedia sexualmente de modo a ficarem excitados e com libido para depois fazerem sexo ou nem fazerem sexo, morrendo de ataque cardíaco, portanto a quem tiver tais problemas deve evitar e tomar medicamentos que inibem a libido como a fluoxetina (antidepressivo inibidor da recapção de serotonina) e ou estarem preparados com medicamentos e terceiros a assistir...
A maior parte da criminalidade feminina sai ilesa a justiça, ou tem poucas provas de criminaliza-las ou penas reduzidas, em casos assim por vezes sai mais útil cometer crime fazendo justiça pelas as próprias mãos mas sob outro pretexto, ou com destruição de provas e de provas que induza suspeição...

É crime qualquer agente forçar por violência qualquer informação, ou não possuir mandato para investigar, bem como devem ver a constitucionalidade dos meios
Empregues na investigação, são as mulheres que mais se salvam devido anticonstitucionalidade na investigação, nomeadamente escutas telefónicas, captura de imagens e demais, tudo também porque as juristas nomeadas pelo ministério públicos são as que mais se aplicam em prol de crimes cometidos por mulheres, devido a não isenção sexual ao contrario do que estas fazem aos homens, devendo se possível o arguido pedir renomeação de advogado, ou pagar a um advogado que não tenha ligações com estas ou seja isento ao ministério publico, devendo o próprio arguido estudar o código penal e constituição, direitos humanos e jurisprudência, queixando-se de tal a instancias nacionais, internacionais e ate mesmo a políticos...



Umas das hipocrisias feministas de carácter melodramáticas hipócritas e desfocadas da realidade, é a constituição de associações de carácter de não existe homologamente para defesa dos homens, mulheres actrizes e androgínicas, que utilizam a beleza, esta adquirida de modo artificial ou imune a natureza e a efeitos naturais ou artificiais, seja mediante purificação da pele e demais dermoestética, vestuário, forma física, capilar e demais, é o caso da feminista androgínica, e de maneira geral todas as feministas são hipócritas seja directamente ou indirectamente, sendo a maioria das mulheres feministas seja directamente ou indirectamente, sem se assumirem ou revelarem sê-lo. A feminista em causa actriz e modelo Caprice Bourret é uma destas que alem de dizer não ter tempo para homens é também activista de uma associação britânica de apoio a mulheres vitimas (hipócritas ou dramatizadoras) de violência e abusos sexuais, a qual não existe para homens e apesar de tal ser hipócrita, dramatizador alem da verdade e incoerente, o qual são os homens que são mais abusados sexualmente e mais sujeitos a violência sob diversas formas indo da psicológica e a física mediante terceiros, armas ou indirectas ou mesmo directas, tentando estas associações coagir os direitos dos homens e limita-lo de se defenderem seja licitamente ou ilicitamente, alem de restringir suas liberdades…
A maioria dos homens são mais parasitados pelas as mulheres do que pensam e não tomam consciência disso, seja directamente ou indirectamente, muitos são parasitados pelo estado para depois darem de benefícios a subsídios e demais serviços sociais e de saúde em que são as mulheres que mais se aproveitam e o exploram, mediante facilidades ou benefícios ou estratégias e lacunas existentes…


Não existe, duvida que as mulheres são as que mais forjem a justiça e as provas a seu favor, alem de conseguirem ter maior poder de persuasão e de vitimação hipócrita ou imparcial…
A maioria das testemunhas em processo que a maioria das tipas constituem não são isentas, testemunham falsamente sendo tomado consideração testemunhas falsas do que provas físicas e cientificas…


A hipocrisia da associação de mulheres contra a violência que organizou um colóquio com o professor norte-americano Jon Cote intitulando «o trauma do abuso sexual de crianças», o qual veio no diário de noticias e demais noticiários, demonstrando a hipocrisia feminista implícita e o melodrama e a discriminação ou retaliação contra o sexo masculino de tais associações feministas, bem como de muitas mulheres…

O feminismo nas forças armadas é autentica hipocrisia e desigualdade haver de facto privilegiadamente estético nas forças armadas, bem como facilidades de exercícios, especialmente quando em confronto de treino com homens que lhes facilitam a vida e as deixam ganha ou tenta lutar com suavidades e restrições psicológicas de combate, sendo a tropa da tanga da TVI, «1º companhia», um exemplo de tais situações, demonstrando também o feminismo e união feminina dentro de tal e cumplicidade feminina, sendo a apresentadora também feminista e tentando instigar indirectamente feminismo e privilegiadamente especial as mulheres que representam em tal programa o recrutamento, algo que não é a realidade e não pode haver discriminações em razão de sexo mas sim em razão de capacidade, ate mesmo porque num caso particular de uma tipa a treinar com um homem (o José Castelo Branco), transsexual demonstrava que tinha mais força mais de facto é muito falacioso para tal ou se tem deve-se a desenvolvimento físico em relação a este, como também alguma predisposição genética, ou boas condições de saúde endócrina e neuro-muscular ou razoes psíquicas ou cedência deste mesmo em deixar e não se esforçar.
O cabelo, a roupa, sapato e vestuário deve ser adaptado a anatomia corporal masculina e feminina mas não deve divergir em design ou moda ou estilo, assim como os sapatos, porque mulheres militares não são para impor sensualidade ou para instigar o feminismo como tentativa de supremacia ao género masculino mas apenas para defender causas comuns e a humanidade e não destacar sexos, o qual hipocritamente e por sofismo, indutivamente e incoerentemente em matéria jurídica e social, o feminismo tenta destacar o sexo feminino.


Existe mulheres esposas que coagem o marido e controlam-no de modo se caso suspeitarem que este é bissexual com preferência ou com ambas a preferência sexual por ambos os sexos, se houver algum homem que telefone para saber deste esta pressiona o marido e suspeita se estes andarem juntos, se forem a casa de banho juntos e demais acções que é muito habitual as mulheres fazerem juntas, seja beijarem-se socialmente, andarem de “gancho” ou de mão dada, ou simplesmente irem a casa de banho, abraçarem-se ou sair com amigos…
A maioria das mulheres que procedem assim não é sujeitável visto o feminismo e o machismo arcaico incutirem tais ideias de tolerância mas principalmente o feminismo, acabando por ser na realidade as mulheres que são as mais bissexuais e homossexuais, embora casadas e com filhos, tem casos com amigas seja na casa de banho, a lamberem a vagina da outra, ou a fazerem sexo lésbico, bem como quando o marido esta entretido a ver futebol ou a fazer algo ou se esta ausente, e a mulher destes na cama com amiga, é uma autentica hipocrisia e discriminação haver homens que são hipocritamente prejudicados e intolerados pelas as mulheres destes e as mulheres que são (o qual é a maioria assumidas ou não) fazerem mas não serem controladas e nem sujeitas a nenhuma coação ou ameaça, ou mesmo separação e depois divorcio, como acontece com certas mulheres quando desconfiam que o marido também é homossexual.
Os quais mesmo sendo grandes amigos e não sendo homossexuais se comportarem com grande proximidade são discriminados pelos preconceitos sexistas do feminismo e da sociedade feminista e machista arcaica incutida em algumas coisas pelo o feminismo dominante…

A hipocrisia feminista no aborto e justiça




A hipocrisia dos feminismos nas questões do aborto e sua legalidade e interpretação no aborto cometido sob autorização da progenitora. É autentica hipocrisia inibir ou não reconhecer aos embriões os direitos que tem seja como serem considerados seres humanos, bem como em se aproveitarem de restringir seus direitos por não reivindicarem, não falarem, não pensarem, não se defenderem, não se manifestarem, não saberem, não se associarem, não persuadirem, não desempenharem funções de alto cargo e não terem influencias ou não serem amigos/as, não serem maridos e não serem familiares de gentes com estatuto ou ligações intelectuais e politicas a órgãos de jurisdição nacionais, comunitários e internacionais, é por isso que devido aos homens sujeitos a crimes e discriminações sexuais muitas vezes feita pela as próprias leis que a partir do art.100º do código penal já começa a discriminar o sexo masculino e são injustas, não correspondem a verdade e o bom senso do bem, alem de coagirem ao estado de defender os DLG dos embriões e demais pessoas que não podem se defender não fisicamente mas não podem escrever, falar, fugir e se queixarem…

Os homens são só que mais lutam uns contra si e os que mais isentos sexualmente são, são também os que mais divergentes são, e os que lutam e se matam mesmo havendo culpa, cumplicidade, estímulo do feminismo e de muitas mulheres que são de facto a culpa de muitos problemas…
Não existe socialismo em legalizar o aborto, e muito menos em legalizar o aborto por consentimento da progenitora apenas ou em criminalizar aborto involuntário ou por agressão, mesmo em tempos de legalização e em defesa ou que ponham casos de outros direitos ou induções a erro, tudo de forma injusta…
É autêntica hipocrisia o partido socialista europeu congratular a legalização do aborto, bem como é autêntica hipócrita haver muitas feministas e mulheres que defendem o aborto, bem como defendem o aborto mas apenas sem referendo e sem nenhum consentimento, opinião ou defesa e reconhecimentos dos direitos dos progenitores e dos direitos do homens do sexo masculino…


É autêntica hipocrisia em legalizar o aborto só apenas com autorização da progenitora ou sua decisão, é

O feminismo tem feito mediante associações espectáculos mediáticos contra os direitos liberdades e garantias dos homens, mediante razoes ou motivações que emulamente estas pretendem realçar e indirectamente corromper os DLG ou contra os direitos humanos dos homens do sexo masculino…


As armas de autodefesa são armas que hipocritamente são utilizadas para crimes ou exageradamente e provocação para argumentação ou fundamentação como auto-defesa hipócrita, os sprays pimenta são utilizados pela PSP e que se pode comprar em certos países, podem ser o suficiente para neutralizar a visão de uma pessoa, isto para homens desesperados vitimas de ameaças e conspirações por meio de uso injusto da justiça mediante queixas hipócritas de mulheres ou demais medidas feministas que são injustas e discriminatórias, nem que seja como maus-tratos graves ou muitos graves, violação com ou sem violência, com ou sem consentimento e abuso sexual de crianças com ou sem consentimento, então se de facto a lei é injusta e é feita por mulheres que se escondem atrás de homens e de certos homens seus cúmplices formados em direito e demais áreas, persuadido muitos por hipócritas e realidades falaciosas que deturpam a verdade ou parte da verdade DLG, sendo assim se estiverem desesperados podem cometer crime de forma conspirada, calculada e com forjamento de provas e de suspeitos, ou seja mediante usado de spray pimenta e uma pancada na cabeça, e depois amarrar vestir e leva-la para dentro de um carro, injectar com uma agulha fina injectar grandes quantidades de álcool etílico e também um quarto de álcool metílico (compra-se em farmácias e é misturado em combustíveis, para solvente e demais), depois é monitorizar os batimentos cardíacos e a respiração mediante o pulso, pescoço, pode-se por um espelho em frente ao nariz e boca para ver a respiração, ou então deita-la inconsciente numa banheira e deixar uma hora debaixo de agua, usar outras técnicas para forjar as provas, também pode ser facialmente usado uma banheira com agua, deitar um pouco de sal e de ligar a fase com ou sem o neutro da corrente eléctrica, matando por electrocussão, depois poderá ser usado o argumento de que esta ouvia rádio na casa de banho para isso atira-se o rádio para dentro da banheira, e a pancada da cabeça deve ser reduzida de modo a não deixar marcas ou então dissuadir como se esta tivesse batido com a cabeça no banho, sendo mais fácil e eficaz usar uma arma taser (arma eléctrica), amarrá-la (s) ou algema-las e tapar a boca com fita cola grande e forte rodando a cabeça e boca, imobilizar os pés, e depois electrocutar em agua ou provocar afogamento, depois do corpo morto, pode ser deitado com peso ao mar, devendo ser tirado tudo o que estava no corpo, podendo ficar as roupas e sendo depois embrulhada com correntes metálicas e pessoas em aguas superiores a costa de modo a que não seja encontrado por mergulhadores, se possível deve o corpo ser corroído por acido muriático (acido clorídrico, usado para limpezas de construção civil e demais), hidróxido de sódio (soda caustica usada para desentupir).
Existe demais métodos seja a queima de cadáver e de viatura, deitar viatura ao mar ou rio, com esta na posição de condutor como se estivesse a conduzir para que pudesse ser como suicídio (devendo ser tudo muito bem pensado e esperado com paciência, os crimes com a cabeça fria, com tudo estudado e bem pensado e reflectido consequências métodos de investigação criminal e de medicina legal são bastantes importantes para praticar crimes perfeitos), uma pessoa mesmo suspeito tem direitos e deve qualquer criminoso e qualquer homem saber o código penal e o código de processo penal, bem como todas as técnicas de investigação e de prova usados por qualquer organismo policial e jurisdicional, a desobediência a lei deve ser repostada aos organismo de competência suprema (deve ser sempre enviado ao superior hierárquicos e a mais do que 2 por haver negligencia ou omissão de partes do e-mail ou mesmo sua anulação devido a haver mulheres que podem apagar tal e-mail ou alterá-los) sejam nacionais ou internacionais, seja ao conselho superior de magistratura quando existe juízas do ministério publico (procuradoras) e ou juízes judiciais (juízes normais), bem como tribunal constitucional, depois o tribunal de suprema decisão (supremo tribunal), também tribunal de justiça europeu e por ultimo tribunal internacional penal, estes contactos podem serem adquiridos na Internet e seus e-mails, devendo também ser informado a ordem dos advogados e demais, mesmo se cometido um crime deve ser justificado coerentemente e mesmo ate com argumentos falso ou deitar mais sal como é muito normal feito por mulheres, as quais fazem crimes quase perfeitos e ate mesmo sádicos e bem qualificados, e são minimizadas nas penas alegando razoes que não são comprovadas ou susceptíveis de serem forjadas.
Grande parte dos filmes criminais e demais dão ideias reais ou que são verdadeiras ou um pouco excluídas da realidade nos filmes dando expiração, a maior parte dos crimes bem feitos são feministas e dão em filmes feministas, é necessário para um homem com sede de justiça e ou vitima sem se poder defender e em não poder acreditar na justiça deve vê-los e organizar planos de homicídio, se possível que seja suicídio, acidente, doença, auto-defesa hipócrita (muito usual nas mulheres e no feminismo).
Outros crimes podem serem feitos com medidas fáceis de corromper seja mediante explosão de garrafa de gás (se possível 3 ou mais) e corpo junto a tal, se possível sem sofrer nenhum dano ou envenenamento, ou ficar completamente destruído para impedir analise satisfatória, sendo o cérebro, coração, cabeça e rins os órgãos que devem mais serem destruídos (podendo haver outros, assim devem estudar livros de medicina e lerem livros de investigação criminal e medicina legal, bem como outros livros de conspiração criminosa, muitos escritos por mulheres), para coagir descoberta de tais livros devem ser utilizados programas informáticos, adobe acrobat para fazer e-books, bastando digitaliza-los e imprimir em PDF, depois encriptar com programa, e pondo password, alem de outros programas como o Incinerator (apagar ficheiros de computador aprofundadamente de modo a que a policia judiciaria departamento de informática não possa recuperar dados, também podem destruir em ultimo caso o disco rígido mediante formatar e ou particionar (pode ser com trojan ou outro vírus) o disco e depois tirar uma fita cola do disco que possibilite a entrada de ar e luz de modo a destruir o disco rígido…

A ONU tem discriminado os homens e retirado o mérito adquirido por homens no prémio Nobel da paz, o que nunca foi feito em situações contrárias aos homens, porque no feminismo o contrario não seria feito, se houver mulheres que tiverem predominância em competência seriam sempre premiadas mesmo sendo sempre mulheres o qual se fosse homem e se não tivessem homens ou não de mesma proporção ou então ausência seria sempre mulheres, sendo sempre invocado que estas tinham mérito, o qual o mérito que estas tem actualmente é por o feminismo impor e corromper os requisitos e tentar privilegiar as mulheres só pelo facto de serem mulheres e mesmo sem terem mérito, razão ou com argumentos falaciosos e não equiparados e reconhecidos também as desvantagens dos homens…

É autêntica hipocrisia feminista haver associações feministas ou de mulheres como associação Ninho (ONG que da apoio a prostitutas), que da apoio a mulheres criminosas e prostitutas, assim como demais, as prostitutas de profissão são autênticas hipócritas e aproveitadoras do determinismo sexual masculino, em que muitas agem criminosamente, burlando, abusando sexualmente, agredindo sexualmente, coagindo sexualmente, assediando por meio de coação fisica e psíquica discriminado, conspirando e coagindo uso de preservativo para contágio de DST’s (doenças sexualmente transmissíveis), assediadoras, violadoras de modo passivo e ou sob coação, algo que não é em lei aceite ou é discriminado sexualmente, seja mediante assédio físico ou não…

Quando um homem esta mal fisicamente e ou psicologicamente, não deve usar álcool. Fumar ou consumir droga, mesmo se tiverem graves perturbações psíquicas e ou grandes magoas, insónias ou demais, devem-se usar meio de terapêutica e ou dissuasão construtivas e não destrutivas, sendo a maioria dos homens auto-destruidores devido exclusivamente, a não mentalização de medidas estimulantes, a coação do feminismo e sua estimulação em incrementar a autodestruição e incapacidade de resolução ou de usufruir de ajuda, bem como falta de auto-estima física devido a discriminação e retardamento estético (o homem do género masculino esta 85 anos atrasado na estética em relação a mulher) e em preconceitos em que a sociedade discrimina e uma grande parte das mulheres tenta coagir ou discrimina em qualidade, quantidade e em serviços, em como economicamente…


A hipocrisia de Leopard D’Arg ou seu pseudónimo possivelmente de uma mulher feminista ou de um homem corrompido pelo feminismo, bem como pressionado a tal, em fazer um filme feminista e sendo assim hipócrita falaciosa da realidade discriminado generalizando e in justificando alguns fundamentalistas radicais que procederam de tal forma sob justiça um pouco fora dos parâmetro legais de fazerem justiça contra mulheres hipócritas ou seus movimentos e retaliações e deturpações…

A sensibilidade feminina é uma hipocrisia feminista que foi criada pelo feminismo e realçado para tentar coagir os homens de serem diferentes uns dos outros, ou para que sejam considerados de anormais ou gays se tiverem sensibilidades de varias percepções, assim como demais, isto para fazer com que seja desempenhado e facilitado entradas mesmo sem qualificações ou requisitos idênticos ou superiores aos dos homens que entram ou desempenham, para que aumente a representatividade feminina e haja favorecimento feminino como existe na educação, uma maior união feminista, coação de privilégios masculinos e ou sua deturpação e desvio, bem como fomentar o feminismo e a isenção sexual feminina…
O feminismo que foi criado e manipulado por mulheres intelectuais que tentaram varrer e incrementar tais mentalidades contra o sexo masculino, com inveja, devido a combater e interpretar maliciosamente, mediaticamente, sadicamente, dramaticamente e falaciosamente a realidade para restringir o bem-estar masculino e sua dominância, bem como estimular as mulheres a serem androgínicas ou androfóbicas passivas ou activas e feministas para agirem sem isenção sexual e favorecendo as mulheres mesmo injustamente e não equiparavelmente…
O feminismo devido ter surgido mediante interpretação sexista da natureza e da realidade, considerando a realidade como machista, o qual não era devido a natureza estar adaptada ao sexo masculino que feminino e com o artificialismo e manipulação da natureza e da medicina, bem-estar e demais fez com que as mulheres parasitassem os conhecimentos masculinos e usufruíssem e os aprendesse para manipularem a natureza e se auto-favorecerem, havendo a criação de ideologias mesquinhas e com grande poder de persuasão e clareza mental mas com sádicas intuições subjacentes, tornando-se intelectual em relação ao machismo arcaico, a qual tentou ser emulamente melhor que o machismo e rectificá-lo a luz do bom senso por uma parte de modo a ganhar maior adesão de população em geral mas principalmente intelectual masculina e feminina de todos os ramos sociais e intelectuais com ideia implícita de manipular e usar tais homens para atingir seus objectivos, sendo actualmente o feminismo muito implícito em tudo especialmente na comunicação social e mas media, bem como sociedade…
joana
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De anonima a 3 de Junho de 2007 às 11:03
Palavras para quê??? é simplesmente... um misógeno português.


De Ronaldo Santos a 23 de Dezembro de 2010 às 17:53
Isso mostra a sua estupidez, incapaz de contra-argumentar. Em vez de demonstrar que está errado apenas o acusa de ser misógino(santa ortografia) apenas provando que sendo uma fêmea, tu desprezas o homem e lhe nega seus direitos pois não reconhece a verdade em suas palavras ao defender o lado dos homens que não só sofrem agressões "comuns" e até são mortos por suas mulheres mas como tem seus orgãos sexuais mutilados esses monstros(como você) nunca serão punidas adequadamente. Muitas vezes nem são presas a exemplo da famosa Lorena Bobbit. O que nos dá a impressão que a mulher tem o direito de cortar o penis do marido como muitas já tem dito na internet. Culpa do feminismo ou do feminino? Já não me resta dúvidas, vocês são monstros freudianamente explicados. Dúvido você se manifestar contra isso e ao contrário de ti não sou anônimo.


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:51
parte III

A ciência tem sido usada compulsivamente em qualidade e qualidade na estética feminina, a estética masculina se encontra deturpada pelo feminismo e suas hipocrisias de modo a deturpar e reduzir o desenvolvimento e a quebra dos preconceitos ou pressões e discriminações de serviços criados pelo feminismo em alturas em que o machismo arcaico era passivamente e não hipocritamente e sadicamente dominante, mas simplesmente segundo interpretação da natureza, deixando tais cuidados para as mulheres, visto estas terem tempo e o dinheiro do marido para se agradarem a si próprias as outras mulheres e homens e depois ao marido tentando manipula-los com sua beleza e erotismo.
Os esfoliantes (o mais adequado para acne), hidratantes e demais produtos dermocosméticos para homens são ainda muito retrógrados, um homem deve usar aquilo que é recomendado para as mulheres desde que não tenha estrogéneos, não haver diferenças relevantes.
A hipocrisia feminista e conspiradora feminista nos deturpando a verdade, a beneficio directo dos direitos das crianças e indirecto do feminismo e das mulheres principalmente as hipócritas e mesquinhas (maioria), defendidas pela UNICEF, por mulheres feministas dentro das ONG’s dos direitos das crianças mas seguido também por organizações governamentais


The feminist hypocrisy and feminist conspiracy and the corruption of the truth, in benefit of children rights directly and indirectly of feminism mostly of hypocrites and sadist women (the mayor of them), defended by UNICEF (ONU), and by feminist women inside of the children rights of non governmental organizations but followed by the governmental organizations policies
(Request to translate for a Portuguese citizen in your country specially male citizen and unfeminist or unsexes citizens which knows Portuguese, sorry if it’s not in English or in your language too)


Critic comment (the entire comment it’s written in Portuguese please ask for translation for a Portuguese or Brazilian men (preference) or credible women unfeminist directly and or indirectly (if there exists) :

In answer for the published book or artic in French called “L’Osservatore Romano” translated for several languages including Portuguese, by Jaane Haaland Matlary
Who wrote the «II world wide congress about Childs sexual exploration » in Portuguese «II CONGRESSO MUNDIAL SOBRE A EXPLORAÇÃO SEXUAL INFANTIL».


A deturpação do conceito de exploração de crianças, foi feito de modo a só atingir o sexo masculino (homem) e não as mulheres, é autentica sádicidade e hipocrisia feministas, usar e mediatizar tais conceitos contra o sexo masculino de modo a tentar incriminá-los, coagir de direitos paternais e familiares, bem como incrementar a acusação e denuncia falsa e ou sob interesses ilícitos feministas.
A maioria das crianças que dizem ser vitimas de exploração infantil muitas é por conspiração familiar com mãe, outras são vitimas devido a haver gente com perturbações psíquicas do foro sexual o qual o feminismo contribui como estimulo a tal, de forma hipócrita, apenas considera abuso sexual quem comete sendo estes os homens, e tem como ideia apenas ser o homem que faz sexo o agente criminoso e uma mulher que estimula ao sexo e abusa sexualmente mediante contacto físico, e ate mesmo se tal crianças for um jovem com maturidade sexual, tenta seduzi-lo, assedia e pressionada intelectualmente e psicossocialmente de modo a tentar estimular ideia e mudança de atitude em fazer sexo com esta, nos caso gerais os homens que fazem sexo com menores de 16 anos, mesmo com consentimento ou com iniciativa de tal jovem ou criança a tal, ou mesmo ainda no caso de menores de 10 anos, que certas crianças pouco se importam ou tentam mesmo estimular devido a um libido precoce ou devido as suas fazes de desenvolvimento de personalidade, como o complexo de Édipo e demais, dados nas correntes da psicologia. É uma autentica hipocrisia considerar que se existe consentimento e existe ate iniciativa ou mesmo assedio sexual de jovem inferior a 16 anos a um homem que pode não conseguir controlar seus impulsos sexuais, e principalmente quando tal jovem geralmente no caso heterossexual raparigas querem mesmo ter relação sexual com gente maior de 16 anos, e que a sociedade imposta por os conceitos e iniciativas feministas que tentaram deturpar a justiça e o bom senso ou mesmo a própria verdade e bom espírito seja natural ou religioso, tentando deste modo criminalizar apenas os homens sob algo que não é crime, e só atingido o homem e nãos aquelas mulheres que tem sexo com gente menor de 16 anos, bem como aquelas mulheres que abusam sexualmente e ofendem sexualmente tocando e ou usando para prazer psíquico-sexual destas mas que nem fazem sexo copular podendo apenas assediar fisicamente e ou fazer sexo oral, sendo tal a margem da lei não considerado crime ou não considerado punível ou difícil de fazer prova…

A maioria dos crimes de abuso sexual que são feitos a crianças de sob sexo convencional pelo homem, nasce de perturbações psico-sexuais ou de razoes culturais e ate a própria criança pode nem se sentir ou estar ofendida com tal, mas depois certos adultos, especialmente mulheres tentam se aproveitar de tal para coagir o determinismo sexual masculino, bem como para tentarem mediatizar e incrementar o odeio sádico e hipócrita para o sexo masculino e para o sexo heterossexual ou homossexual masculino, deixando de parte hipocritamente, o sexo lésbico e o sexo oral feminino, bem como demais abusos psíquicos de carácter sexual contra crianças do sexo masculino, de modo a ridicularizar e destruir auto-estima sexual e sua identidade, bem como usando como meio de obtenção de prazer sexual feminino o tarefas de cuidado infantil como meio de juntar o útil ao agradável, abusando sexualmente das crianças de modo indirecto ou meramente mediante curiosidade anatómica e sexual das crianças, especialmente dos meninos…
É muito habitual quando uma mãe ou familiar ou mesmo babysitter cuida de um bebe do sexo oposto, se gostar de tal bebe, abocanhar quando procede a limpeza e higiene genital e anal do bebe, abocanhar o sexo da criança, bem como beijá-lo ou mesmo brincar com tal, embora o instinto maternal corrompa tal, constitui uma discriminação e abuso sexual de percepção e de duvida de comprovar se esta a fazer por ter prazer com tal, a qual alega dizer ter estado a brincar com o bebe ou criança logo o mesmo acontece com certos homem que também no ver destes estavam a brincar com criança sem a querer ofender sua integridade sexual, física ou psicológica, ou então também se fizessem o mesmo que essas então não deveria ser constituído como abuso sexual, visto se existe igualdade, bom senso e justiça, logo se as mulheres que fazem tal não são criminalizadas também os homens que fazem tal não devem de o ser…

Todos os rapazes dos 10 ate aos 16 anos ou mesmo menos se tiverem maturidade precoce, isto para o caso de sexo convencional “intercourse”são vitimas de abuso sexual e sedução assediosa, bem como estimulo do libido de tais rapazes, por mulheres que tem mais do que 18 anos de idade, usando tais rapazes e os manipulando sexualmente para seus prazeres e fantasias sexuais, o qual não são criminalizadas mas se o mesmo for feito por um homem ai já é abuso sexual, mesmo ate que um homem seja assediado por jovem seja rapariga ou rapaz, é considerado abuso sexual e alem disso estes ate oferecem prendas e demais coisas em recompensa de tal “romance juvenil” ao contrario das mulheres pedófilas…

A pornografia infantil na Internet, algo que sendo por coerência deveria também ser constituído como tais as fotografias que muitas mães tiram as crianças nuas, especialmente, e na maioria do caso a crianças do sexo masculino, muitas delas a chorar por não gostarem de estar expostas e apanhar frio ou serem confrontadas nuas com gente que nem conhecem ou que também não são familiares ou não demonstram sua intimidades sexuais, bem como tentam ridicularizar o sexo da criança.
É uma autêntica hipocrisia feminista por mainstreaming haver mulheres e muitos homens burros e conformistas com medo do feminismo e de suas retaliações ou vinganças, nas mais diversas formas sejam mediante uso pelo forjamento da justiça de modo a aproveitar a mediatização e a dificuldade em fazer prova ou em apurar a verdade e inocência dos arguidos em causa, de modo a sujeita-los a violência social e jurisdicional…
Também injusto e hipócrita haver jovens ou crianças que se oferecem sob sua vontade para serem fotografadas e divulgadas suas fotografias, sem serem sujeitos a violação por uso de violência ou sem uso desta ou assédio sexual físico ou mesmo psíquico, pagando a estas ate ou dispondo demais serviços para bem-estar destes jovens ou crianças as quais não entendem tal como ofensa aos seus direitos mas que existe terceiros, na maioria terceiras visto ter sido mulheres com ideias de promover tais conceitos de crimes, sendo criminalizado ate não só apenas quem dispõe sites ou fotos e filmes, mas também quem consulta ou vê, que apesar de não ter cometido nada contra ninguém é criminalizo de tal…

Se um tal conceito é considerado crime horrível, então meus amigos, mas vale matar e matar de modo a destruir provas, suspeitas de morte ilícita ou artificial com mão humana, ou destruir provas e corpo mediante substancias químicas e técnicas físicas nem que seja incineração ou queima e depois trituração de tais corpos, o qual deveriam ser especialmente de tais mulheres e associações ou órgãos que defendem e deturpam a lei considerando crime sob pontos de vista falaciosos e dramatizadores, o qual o aborto voluntário da gravidez é muito mais pior ainda considerado como difícil de provar ou sob parcialidade sexista da justiça e politica, especialmente dos núcleos de mulheres dos partidos políticos, na resolução, sendo violado não só o direito a vida e ate mesmo o querer de tal criança poder viver, se esta depois mais tarde manifestasse ter sido a opção certa, bem como a impossibilidade de esta criança ou feto se manifestar e exigir justiça, bem como se queixar, alem de ser usado como se fosse propriedade da mulher por estar dentro do corpo desta e ate mesmo por ter nascido dentro desta indo incoerentemente com o que é salientado pela a hipócrita UNICEF e certas mulheres envolvidas que ao comentarem em tal conferencia buscaram um extracto literário do poeta Khalil Gibran: «Os vossos filhos não são vossos, pois são os filhos e as filhas da vida que aspira a si mesma; eles nascem por meio de vós, mas não de vós; e embora vivam convosco, não vos pertencem», o qual não é meramente para censurar os homem acusados injustamente mesmo que cometam tal crime de abuso sexual, mas também devendo ser para todas as mulheres que reiteram o feminismo e as medidas de injustiça social e judicial contra ou com objectivos de prejudicar somente ou maioritariamente os homens…
Alem de tal aborto ir contra o direito de paternidade e propriedade genética do progenitor, coagindo a sua decisão e defesa de tais direitos, bem como sendo usado como fornecedor do bebe sob fraude reprodutiva que coaja sua decisão ou sua responsabilidade social e jurídica no que diz respeito a contracepção e a fraude da progenitora, bem como meio de ameaça da progenitora para usufruir de seus interesses ou objectivos.


Comentando o seguinte extracto «0 tráfico das mulheres e das crianças, o turismo sexual e a pornografia infantil na Internet aumentaram enormemente desde a primeira Conferência sobre a exploração das crianças, realizada em Estocolmo (1996)», do referido texto, é autêntica hipocrisia falar em tráfego sexual de mulheres (em 1º) porque são estas que querem, se oferecem e procuram tal, não meramente para ganharem mais, ou por ser mais fácil de adquiri tal profissão, mas também por preguiça, opção comprada profissional, bem como obtenção de prazer sexual mediante uso do sexo como profissão, alem de como meio mais fácil de furtar ou extorquir dinheiro e capacidade de influencia social, muitas destas são as que se oferecem para tal de modo a poderem entrar em países estrangeiros de modo a poderem enriquecer a custa dos homens e assediando psico-sexualmente e físico-sexualmente, sabendo quais são o contracto e quanto devem pagar em serviços ou com dinheiro obtido a quem organiza e quem ajuda estas a entra ilicitamente em tais países, o qual mediante conspirações de carácter jurídico de mulheres ligadas a associações feministas indo de comissões de estado ate associações de mulheres emigrantes, que assim com isso pretendem de tal modo ilibar a culpabilidade destas instigando a estas a argumentar e a comprovar sem haver de facto garantias de que estejam a dizer a verdade de que foram vitimas de exploração sexual, mediante a vinda destas para tal pai, sem saberem que era para prostituição, dizendo que não ganhavam, não afirmando que ficavam a pagar as dividas remuneratórias que deram para se alimentarem, para viverem e para os custos da instrução territorial, bem como dizendo que eram vitimas de maus-tratos, não dizendo que eram desobedientes em aspectos comportamentais estipulados bem como respeito pelo os proprietários e trabalhadores, alem de não respeitarem os direitos do seus clientes, podendo mesmo tendo estas agredindo ou terem feito violência psíquica e ate mesmo física contra os seus patrões e clientes, de modo a deturparem as condições previstas ou regras estipuladas, bem como sofrendo castigos pró terem furtado, burlado, extorquindo ou roubando dinheiro ou demais bens que não lhes pertença por direito e por remuneração de serviço sexual prestado…
Isto tudo a se ilibarem da acusação e de pena por tal, bem como facilitar e ate coagir direitos do sexo masculino, e estimular a desigualdades jurídicas que favorecem as mulheres em tais áreas directamente ou indirectamente.
Logo é muito melhor assassiná-las Nantes de fazerem provas, denúncias directas ou indirectas seja por telemóveis ou por terceiros e demais meios, acusações e não entrar em campos de tráfego de mulheres estrangeiras seja sob fins lícitos ou ilícitos, e todos os fins lícitos devem ser apenas para trabalhos considerados trabalhos que não dêem prazer principalmente sexual a ninguém, nem mesmo a estas…

No caso das crianças, o mesmo se reitera, ate porque a maioria das crianças que estas defendem são raparigas, e por serem raparigas todos os organismos de carácter social seja ONG’S ou de carácter social internacional como UNICEF, bem como o mesmo é feito, muitas vezes é aceite ou exigido por mulheres suas familiares como estratégia de alto rendimento e de maior extorsão económica dos homens que seu determinismo sexual e seu libido é forte, ou que sejam ninfomaníacos e que não controlam ou não conseguem controlar desejo e que os é coagido medicamentos de tratamento anti-libido ou redutores da libido, bem como é lhes coagido informação destes campos e compra de venda livre de tais fármacos e sob anonimato e sob preços acessíveis, ao contrario das pílulas e demais medicamentos genealógicos ou produtos terapêuticos, isto seja mediante assedio licito ou ilícito de tais prostitutas, bem como devido ao incremento de erotismo e de sensualidade mediante ao desenvolvimento de estética, sedução, vestuário, dermoestética e demais artificialidades e sensualidades femininas, bem como ate de programas e filmes e demais, que estimulem e incrementem o libido masculino e heterossexual, sendo os heterossexuais os que são explorados de facto pelo seu determinismo sexual de vários modos ao contrario das difamações feministas a cerca da exploração económica, sexual, social, psíquica e intelectual que acusam falaciosamente e hipocritamente os homens, bem como demais estratégias feministas…
Muitos dos casos de pornografia infantil alem destas crianças não se importarem e serem beneficiadas por tal, bem como não serem sujeitas a nenhuns actos sexual contra sua vontade, ou mesmo feito por terceiros, também não estipula e pode induzir a erro quanto a maioridade admitida por lei internacional manipulada e revogada mediante intervenção hipócrita e feminista da UNICEF (a qual deveria ser alvo de um terrível atentado terrorista, alem de outros como comissões sexistas feministas da ONU, visto hipocritamente tais não respeitarem na realidade o direito, a liberdade e garantia dos direitos dos homens, bem como liberdade de expressão, de manifestação, de reivindicação, de resistência e politico-jurídica e se for necessário militar em revogar tais injustiças…


O feminismo indirectamente e directamente estimulou e criou certas filosofias sejam directamente ou indirectamente susceptíveis de serem androgínicas ou androfóbicas (visto o conceito de androgínicas não ser homologamente igual ao de misóginas referidos e deturpados pelo feminismo no dicionário de língua portuguesa) e falaciosas em certos pontos de vista, o qual é base o referido extracto do referido texto enunciado que diz «Sob o ponto de vista da Santa Sé, não pode haver qualquer tolerância em relação à exploração comercial das crianças, tanto em nome da livre expressão como da livre escolha. As crianças nunca são parceiros sexuais consensuais, mas sempre vítimas. A Convenção sobre os Direitos da Criança realça o seguinte facto: o melhor interesse da criança é sempre o ponto central. Devemos prestar atenção a qualquer tentativa de minimizar os crimes que se cometem neste sentido. O abuso sexual constitui um mal, é um acto criminoso e sujeito à punição. Nós devemos poder dispor de uma maior vontade política para combater tais crimes contra os nossos semelhantes mais frágeis, consolidando a lei internacional e os instrumentos de extradição e de extra-territorial idade. (…) Actualmente existe uma grande crise moral. Nas suas declarações conclusivas, os encontros regionais realizados em Rabat e em Bangkok indicaram claramente que a exploração sexual de que as crianças são vítimas é devida inclusivamente ao «declínio dos valores».»

Comentando o acima exposto, elaborado pela a feminista no inicio mencionada e suas cúmplices, em que buscam a Santa Sé, e logo a religião católica a que tanto odeiam e que querem deturpar seus valores cívicos, científicos e tradições justificadas de modo a poderem corromper mais facilmente, bem como vão contra os princípios da vida, defendendo o aborto feito apenas por as mulheres portadoras de tal concessão da natureza e não concessão destas ou propriedade destas, bem como autoria biológica seja esta construtiva, quando dizem fiz um filho/a, muitas vezes levado a letra e não como figura de estilo para expressar que tive/ reproduzi um filho/a, tentando estimular intolerância, dramatizando, mediatizando e ate coagindo direitos e deveres dos implicados, bem como sua liberdade e direito a inocência e a procura da verdade, não deixando alternativas do que o odeio as mulheres que sejam estas feministas assumidas ou não são sempre um risco e uma inconfiança, bem como ao feminismo e suas hipocrisias e injustiças contra os direitos humanos especialmente dos homens, como também incentivo a fazer justiça pelas próprias mãos e a agir inteligentemente de forma terrorista e militar de vasta destruição material e humana, afim de erradicar as escoria hipócrita e socialmente enquadrada que corrompe a humanidade, sendo muitas desta escorias as mulheres, especialmente as que são na realidade feministas, incoerentes e hipócritas que aproveitam de seu tempo, dinheiro do estado e marido vindo da mãos de obra masculina, e da suas vidas e suor para conspirarem e os difamarem directamente ou directamente e o qual a maioria dos homens não têm percepção ou são corrompidos por argumentos falaciosas, incoerentes e injustos…


Cito «As crianças nunca são parceiros sexuais consensuais, mas sempre vítimas» se assim é verdade, então as mulheres que abusam sexualmente segundo o que denuncie e elucidei acima mencionado devem também serem criminalizadas, bem como se estas não tem capacidade de expressão do que é certo ou errado mesmo tendo mais do que 10 anos e mesmo tendo maturidade sexual e desejo e necessidade sexual, e com consentimento e remuneração, especialmente as raparigas que são as que estão prol de interesse feminista, principalmente, deve então também ser abolido o aborto porque o feto se encontra nas mesmas condições mencionadas ou seja não se pode expressar e estará a ser vitima de privação de viver…

Citou também «A Santa Sé não deixará de desempenhar o papel que lhe pertence, em conformidade com a sua natureza e competência específicas, para combater o mal representado pelo abuso sexual das crianças, um crime que jamais pode ser minimizado nem justificado», escrito pela Jaane Haaland Matlary in “L’Osservatore Romano, edic. Portuguesa” de 19 de Janeiro de 2002, que alem de usar e abusar do nome da santa sé e de seus pontos de análise e de filosofia ética, bem como de decisão, não tendo esta competência para tal e representatividade e reconhecimento desta entidade religiosa, abusa e persuade de modo ilícito, hipócrita, mesquinha e ate demoníaca e sádica, com tais profanações deturpadas indirectamente anti-éticas, impossibilitando a injustificabilidade e a ditadura e não democracia e direito, liberdade e garantias do sexo masculino, como sua expressão e resistência e oposição ideológica e cientifica (a qual a própria é deturpada mediante estudos não isentos de interesses e feminismo, bem como vulneráveis a indutividade ou deturpação de analises), bem como deturpando a verdade e a tolerância penal ou sua percepção de culpabilidade parcial ou mesmo ausência de tal, mediante doença, sendo todas as atitudes, medidas e discriminações feministas sempre instigadas como sendo injustificáveis e não minimizáveis em termos de acusação e de acusação, bem como de ausência de culpabilidade feminina ou autoria, o contrario do que foi usado nos julgamentos dos casos de aborto (pressão de testemunhas de acusação, compra destas ou retaliação, para não fazerem prova indo contra e incoerentemente ao que foi proferido na investigação, bem como imparcialidade e minimização ou injustificabilidade de estado necessitante para cometer tais crimes, o qual poderia tal criança depois de nascer ser entregue a pais adoptivos e nunca ser esta responsável por tal criança ou mesmo conhecida em personalidade e nome, que alem mesmo sendo hipocritamente justificável ou minimizável de acordo com esta e incoerente com o acima extracto analisado tentam também instigar medidas de coação preparatórias e injusta mesmo sem ter provas concretas e viáveis, ao contrario das mulheres que cometem crimes de aborto ou demais que nunca são detidas ou é posta prisão preventiva, prisão domiciliaria ou prisão em sob algum meio e forma que ponha em causa sua liberdade em estado ou nação, podendo estas destruir provas e conspirar e se vingar ou pressionar, bem como pedir cumplicidades a demais mulheres de modo a se ilibar, bem como demais casos e em diversas formas mesquinhas, hipócritas, injustas e incoerentes…
Ate o próprio aborto se legalizado ou legalizados em muitos países que se dizem desenvolvidos mas que são retrógrados em termos de valorização dos direitos, liberdades e garantias, dos fetos ou seres vivos humanos, e que ate respeitam os direitos dos animais não humanos e logo não racionais, mas do que os próprios direitos humanos em certos contextos, assim também não respeitando os direitos dos homens do sexo masculino, bem como direitos de propriedade genética e reprodutiva, criminalizam o aborto provocado por terceiros, mesmo pelo progenitor seja mediante justificação por ter sido vitima de fraude sexual ou conspiração sexual, bem como por terceiros que se auto-defendem e ou que desconhecem tal gravidez (mas mesmo assim devem estes se auto-defenderem e se queixarem, embora na maioria das vezes as queixas não serem fáceis de como as queixas protegidas por interesses feministas que em principio e de acordo com os países são os suspeitos detidos e ate mesmo feito prova sem de facto ser tal prova verdadeira ou isenta e credível de acordo com a realidade, ou mesmo que sabem que esta não tem legitimidade de ter o que trás no útero…

No contexto do tráfego de seres humanos os homens ou o genro masculino, é o mais prejudicado, sendo escravizado, mal alimentado, não tendo prazer naquilo que faz, não podendo descansar ou parar, não poder ter seu próprio ritmo de trabalho, apanhando sol e castigos físicos como maus-tratos se não conseguir trabalhar mais ou em se recusar, sendo muito pior que o uso sexual, bem como não tendo benefícios ou capacidade de tráfego de influencias e de proximidade afectiva com terceiros que os possam ajudar tão facilmente como a prostituição pode ter, o mais negligenciado, o que menos se queixam ou dispõem de ajuda e de meios de defesa de seus direitos que possam mediatizar e dramatizar e fazer publicidade de tal como o feminismo o faz, sensibilizando alem da realidade como o feminismo o faz e criando conceitos de fácil memorização e repugnância psíquica, como a violência domestica em vez de maus-tratos, bem como deturpando a realidade e verdade, bem como os D.L.G e aceso a queixa, uso, informação e igualdade de privilégios, direitos dos homens do genro masculino em relação as hipócritas mulheres, bem como ate coagindo ou desvalorizando ou mesmo deturpando minimizando a queixa e a estatística dos maus-tratos cometidos a crianças, deficientes e idosos por mulheres, que é em caso maioritário na maioria mas só pode não ser de forma letal, porque estas devido a auto-estima e a influencia feminista não agem de forma quente deixam arrefecer e pensam mais ates de agirem de modo a destruírem provas e não serem denunciadas… A violência exercida por estas em relação a filhos e demais familiares, especialmente do sexo masculino, visto serem os mais atingidos, em não prestarem serviços habituais seja como tarefa profissional em casa, coagindo a alimentação e acesso aos alimentos a estes, bem como roupas e demais, bem como ameaçando e pressionando mediante violência psíquica ou se possível violência física de terceiros, ou destas seja com armas ou sem armas para consumirem seus actos e atitudes ilícitas…

Desafio todas as corporações feministas nacionais, comunitárias e mundiais, e as próprias correntes e intelectuais feministas que envenenaram a sociedade e a deturparam, bem com desrespeitam os direitos, liberdades e garantias, alem da igualdade em privilégios e direitos ou sua equiparação do género masculino, sejam estas portuguesas, espanholas e demais europeias e internacionais, a revelar suas hipocrisias, sádicidade, mesquinhes, incoerência deliberada, retaliação ou vingança (seja justificada ou não constitui em principio de ética e legal como justificável devido a certos princípios fundamentáveis e de igualdade, bem como devido a especulação, deturpação de justificações feministas e falaciosidade do sofismo feminista), desafio aos intelectuais habilitados de qualquer nível académicos ou habilitacional ou de mérito intelectuais adquirido por influencia social e cientifica, de qualquer idade, de qualquer pais, de qualquer religião, de qualquer sexo, que sendo estas/es feministas e ou defensores de ideias que corrompem o bem e a verdade, bem como os princípios comuns de cada religião ou direitos internacional, sendo em especial os D, L, G (abreviatura jurídica) do género masculino seja de forma reconhecida ou irreconhecível por quem se pronunciar directamente ou indirectamente contra, com especial destaque para todos os homens incoerentes, passivos, influenciáveis, ingénuos, ignorantes, egoístas, conformistas, sem civismo e ética sexual com seu sexo, subordinados pelo feminismo e pela dependência sexual, familiar e sexual de mulheres que os coagem na mais diversa forma e ou corrompem e manipulam suas convicções, ideologias e valores, bem como direitos.

Não é fugindo ou se conformando com os assuntos feministas imputados contra o sexo masculino, ou demais problemas que resolvera, fugir de um problema de certo género (não posso ser indutivo ou generalista), assim como não correlacionando e analisando silogismos e suas inferências indirectamente implícitas ou que não são objectivas mas estão camufladas com ideias iniciais, sendo ta uma arma muito usada pelo feminismo de criar e incrementar de modo indirecto iniciativas feministas, mas nestes tipos de questões (assuntos feministas) ou discriminações só apenas da tempo ao feminismo armar ciladas e vitimar mais homens, podendo mais cedo ou mais tarde acontecer a vocês mesmos ou a algum homem de que gostam, o qual vocês próprios estão condicionados por medidas feministas e de privilégios, bem como são inconscientemente e subconscientemente explorados sem serem retribuídos em formas diferentes, mesmo quando pensam que são os que estão a explorar (a não ser que exista uma exploração de valor mútuo e qualitativo e quantitativo, bem como por vossa negligencia, preguiça, contentamento ou falta de ambição licita e sensata, sendo o divórcio (divisão de bens em que deram mais do que as ex-esposas, o próprio relacionamento sexual e afectivo com mulheres algo que mediante grande maioria destas podem vos fazer ser explorados).

Muitas mulheres sejam feministas ou não procuram as magias ocultas / (querem acreditem ou não vale pelo menos tentar porque não tem nada a perder a não ser o dinheiro), geralmente magias negras e se comprometem com o diabo, bem como transferem poder esotérico de magia negra ou então de outro tipo de magia seja mediante bons fins como também podem servir para maus fins e para favorecimento sexual feminino e exploração, vingança ou conspiração feminista, a própria ciência como a bioquímica, a biologia e a medicina são ciências deturpadas pelo feminismo e usadas para coagir capacidades intelectuais, físicas e saúde os homens mediante criação de novas moléculas ou aplicação de moléculas actuais em produtos de uso masculino que afecte exclusivamente ou que seja destinado aos homens, bem como moléculas e demais substancias para promover as capacidades femininas e desenvolve-las alem da natureza, deturpando também a natureza e o próprio conceito de mulher seja físico, sexual, psíquico e mesmo intelectual.

A algum homem que se encontra entre a espada e a parede, sendo vítima de injustiça deve proceder de forma mais inteligente e esperta que o feminismo, o feminismo apenas olha a valores de forma superficial mas na realidade ignora-os ou tenta justificar mesmo sendo estes sofistas para omitir critica social, jurídica, institucional ou religiosa, ou sua consciência (todo o ser humano tem consciência seja esta pouca ou doentia), para o feminismo na realidade os valores não existem ou se existem são para as mulheres ou pelo menos maioritariamente, cabe a quem é mais inteligente e esperto dar a volta a tal e acabar com a hipocrisia do feminismo e cumplicidade ideológica, discriminatória e sexual das mulheres seja directo ou indirecto, a quem cometer um crime pode se basear em novelas, filmes, artigos de jornais, revistas que são mas media que podem e grande parte contem ideias, difamações e discriminações contra o sexo masculino, alem de violarem os princípios de lei de igualdade, deve usar armas, técnicas, procedimentos não violentas ou que evitam a defesa, manifesto e conspiração dando tempo e promovendo a prova de crime ou de cumplicidade, resistência, consciência e conspiração defensiva), sendo tais fáceis de dominar, rápidos, imperceptíveis e consciencializados, cobardes (assim como o próprio feminismo o é em muitos aspectos apesar de difamar os homens de cobardes, o qual grande parte de suas difamações são auto-denuncias, a cobardia pode ser entendida como esperteza de acordo com suas razoes, o terrorismo é umas das melhores armas de cometer a extrema injustiça ou incapacidade de defender direitos e interesses, liberdade, garantia e destruição de instituições e provas, bem como corporações feministas e jurídico-militares e policiais a favor do feminismo directamente ou indirectamente, bem como o terrorismo embora que atinja inocentes civis que não deve estar incluindo mulheres se não inclui homens civis (uma das maiores discriminações jornalísticas e politicas e sociais estimuladas pelo feminismo por reiterar o próprio machismo arcaico e sexista mas sob fundamentos de carácter natural e não deliberado como o feminismo o é). A incerteza a inconfiança, a prevenção pluralista e alternativa devem serem armas de sucesso social, politico, militar terrorista, a violência deve ser evitada mas na realidade a violência faz parte da natureza e faz parte da vida, qualquer animal ou ser é violento só que pode ser de acordo com suas capacidades, psicologia, ideologia e atitudes, mas seja consistentemente, sub conscientemente ou inconscientemente existe sempre violência seja violência materialista (violência física) seja por intermédio de terceiros e de ajuda ou uso de terceiros (o caso mas feito por muitas mulheres que hipocritamente não querem sujar as mãos), seja por meio metafísico ou seja por uso intelectual na manipulação da natureza que é materialista logo é física (como exemplo uso de substancias que provoquem doenças como medicamentos com efeitos secundários, um dos exemplos são os denominados anti-estrogénicos (provocam cancro dos ovários principalmente dependendo dos fármacos que podem pesquisar na Internet, revistas, enciclopédias de medicina e de farmacologia), carcinogénicos, mutagénicos (alteram os genes e logo sua vez provoca deficiências de longo ou curto prazo, ou neoplasias, iatrogénicos (provocam malformação fetal), uso do espaço para manipulação astronómica de meteoritos e emissão de

Uma das grandes mas do feminismo e a exploração e uso de recurso físicos, económicos, sociais e jurídicos e científicos como arma anti-masculina e como privilegio para benéficos, sendo os estatutos sociais, as influencias sociais como o tráfego de influencias para certos fins e que incoerentemente só é visto para políticos e certos casos que atinjam só os homens ou maioritariamente, bem como o uso dos conhecimentos científicos e tecnológicos logo isto todos conhecimentos de carácter intelectual, beneficiando quem sabe mais, quem aprende mais, quem tem mais capacidade de conviver com homens inteligentes (visto de facto haver homens muito mais inteligentes mas por inveja ou ciúmes por parte de muita mulheres coagidos e manipulados indirectamente por as mulheres que convivem alem de serem usados seus conhecimentos e extorquidos ou aproveitados por exploração intelectual por estas, tudo porque o saber, o conhecimento, especialmente o conhecimento pratico e filosófico ou perceptivo e psicológico ser essenciais para manipular a humanidade e sociedade, sendo isto tudo manipulado pelo feminismo ao longo que a qualidade de vida foi melhorando e ao longo do homem do genro masculino em 98% dos casos ou não exagerando um pouco menos, por estimativa, ter construído e tornado a sociedade desenvolvida e manipulando a favor da humanidade a própria natureza, sendo depois tais usados e aproveitados e adaptados para favorecer exclusivamente ou maioritariamente as mulheres…

As próprias estatísticas e estudos feministas são muitos falaciosos e deturpados não havendo de facto isenção sexual nesses estudos, tudo mediante a estimulação de medidas para as privilegiar injustamente e desigualmente indo contra os direitos do género masculino, bem como coagindo compulsivamente e histericamente atitudes idênticas ou parecidas, mesmo bem fundamentadas e verídicas do género masculino…
As próprias mulheres são beneficiadas em muitas profissões, começando pelas aquelas que exigem ao homem que use roupa, farda fixa estereotipada, bem como o corte de cabelo curto como o exercito não exigindo o mesmo as mulheres, alem da convocação do exercito por necessidade militar em tempos de necessidade de militares para qualquer cidadão masculino, ou podendo facultar o mesmo que é facultado paras as mulheres, sem falar doutras profissões como cozinheiros profissionais hoteleiros, politica e demais profissões de carácter formal para uso de facto como boa apresentação demonstrando ainda haver discriminação e atraso de novos estilos, roupas e estética do vestuário masculino, ate porque a maioria dos vestuários produzidos e inventados são feitos por mulheres e os pouco homens estilistas desprezam o sexo masculino por influencia indirecta do feminismo e ou são de pouca percepção e criatividade estética e de confortabilidade concomitante de vestuário também…

Em, casos gerais as mulheres são as que assediam oralmente mais os homens (bonitos e sem preconceitos e com capacidade irreverente de desafiar o feminismo na discriminação estética), sendo as mais atrevidas que assediam colectivamente homens (contra suas vontades e ou de modo impróprio e também local e situação) que aparentemente não pareçam de auto-defender ou tenham, temperamento psíquico muito estável, bem como sejam coagidos por mentalidades sexistas feministas ou machistas arcaicas que os coagem psicologicamente de se manifestarem, repelirem mediante uso da força e de oferecerem resistência física e psíquica e se auto-defenderem…

O feminismo alem de dramatizar e criar deturpando a justiça lei com objectivo de
Prejudicar os homens, tornando estes mediáticos de modo a subestimar, discriminar, estimular Feminismo e androginia ou androfobia de modo hipócrita, bem como tentando ridicularizar...

A maioria das mulheres tentam criar iniciativas discriminando os homens, criando iniciativas e argumentando falaciosamente nessas iniciativas sejam dias internacionais ou dias de comemoração feminista, um dos dias comemorativos, alem do dia da mulher, é o dia da mãe, em que estas tentam usar argumentos recorrendo ao determinismo feminino maternal biológico, bem como demais actos recorrentes do determinismo sexual mas que directamente ou indirectamente o homem executa ou ajuda exercendo meios e um papel primordial indirecto.

Se as mulheres tentam se super-estimar ou se elogiar sexualmente, embora sadicamente, hipocritamente e falaciosamente, tentam se elogiar e deturpar tudo o que o homem exerce por maioria ou totalidade de modo a feminizar e tentar assim estimular o elogio feminista e seu narcisismo sexista, bem como extorquindo mediante violência intelectual ou psicológica, os conceitos sexistas que tentam privilegiar as mulheres ou dar bom papel destas na família, na sociedade e demais funções exercidas maioritariamente ou totalmente por mulheres, ou em que os homens interessados são coagidos mediante discriminação passiva ou activa, indirecta ou directa. Se estas tentam hiper-valorizarem-se em certas coisas em que algumas são concretamente devido ao determinismo bio-sexual ou reprodutivo, é completamente superior os interesses dos homens serem superiores a estes (em tudo o quanto possível, mas coagindo estes de serem naquilo que estas executam ou que é habitualmente característica feminina de orgulho), sendo a ciência superior ao direito maternal, ao instinto maternal e demais instintos femininos, porque esta, embora corrigida por mulheres e a ser usado a favor destas, mesmo anti-eticamente, algo que foi criada, investigada, desenvolvida, resultado de martirização do homem (sexo masculino) sendo esta superior a todos os interesses ou valores feministas porque mediante a ciência se pode criar bebes sem mãe, o qual estas mediante o uso de bancos de esperma ou de manipulando sexualmente certos parceiros para engravidarem sem que estes tenha conhecimento, seja burlando ou fraudando o companheiro sexual dizendo que não aceita preservativo e que pretende ter relações sexuais normais, não havendo o risco de engravidar porque tomou a pílula ou não vai engravidar devido as fases do ciclo menstrual, bem como demais técnicas de anticoncepção em que estes não podem verificar ou se darem ao luxo de apurarem se é verdade, e que depois pode ser usado como arma de ameaça, ou para interesses pessoais desta, tentando ser pai e mãe das crianças que tem...

Muitas mulheres se CASAM APENAS PORQUE QUEREM TER FILHOS, O QUAL muitas ate gostariam de ter filhos e não estarem comprometidas com ninguém ou depois se casarem ou viverem com mulher bissexual...
A própria pílula para homens não é comercializada livremente e não é investigado outras pílulas muito mais eficazes de modo a apenas ser privilégio das mulheres em controlar a concepção e escolher sexo ou tempo de gravidez...
A maioria das mulheres mães e esposas quando entram em conflitos com filhas/os e com os maridos ou companheiros, praticam violência doméstica continuada ou maus-tratos retaliando em prestação ou confecção e disposição de alimentos, serviços domésticos se estas sua profissão for dona de casa, bem como praticam violência psicológica continua ou pausada de modo a instigar, que eles saiam de casa, se não for possível esta deitá-los fora de casa mediante a lei ou demais razoes, como também ameaçam e chamam familiares directos ou indirectos para se vingarem ou servirem de cúmplices, ate o próprio conflito com os filhos estas chamam e persuadem outros filhos imputado calunias ou difamações a se fazerem de vitimas e ocultados todos os factos do sucedido para tentarem manter a razão e inocência se possível total, por certa forma os maus-tratos executados por mulheres como retaliação ou mesmo por sua iniciativa ou em vingança a auto-defesa de filhos ou cônjuge, bem como mesmo não sendo por defesa e tendo estas a culpa e a iniciativa de tal conflito vingam-se de modo indirecto mantendo o ódio adormecido e conspirado ao longo do tempo, de modo a fazer violência psicológica e por a prova resistência psicológica de filhos e de cônjuges, bem como desafiando-os, com armas, sem armas sejam domesticas ou de vestuários tendo a cumplicidade de terceiros.
Existe casos de mães que pressionaram psicologicamente mediante violência domestica psicológica continuada e também ataques de violência fisica destas certos filhos, que embora se auto-defenderam não resistiram psicologicamente e evitavam conviver com estas, é um exemplo a denominada "capas" da freguesia do campanário, que vive acima da estrada comandante Camacho de Freitas, a qual sujeitando o filho a violência domestica fisica e psicológica, a qual agrediu mas este se defendeu favoravelmente, esta continuou a ataca-lo psicologicamente, vendo que não podia fisicamente e ate mesmo com certas armas, atacava-o indirectamente de modo psicológico bem como directo, o filho evitava estar em casa para a aturar, e o qual numa noite em 1999 vai andar de mota e tem um acidente de mota grave que acaba por morrer, também havia que salientar que apesar deste morrer por culpa desta e nunca ter denunciado a PSP ou ministério publico ter sido sujeito a maus-tratos quando maior de idade, também nunca mencionou ter sido sujeito a maus-tratos e ate trabalho infantil
Quando menor de idade, fosse tal violência fisica como castigo físico mas castigos de violência fisica e psicológica e também violência psicológica sob a forma de injúrias e na forma de coação de sair, de comer ou de dispor de algum bem doméstico...
Esta mulher popularmente chamada "capas" era compulsiva e violenta, não era casada mas já tinha andado em união de facto com 3 companheiros e tivera os explorado bem como ate sujeitado estes a maus-tratos fosse mediante armas ou aproveitamento para alcooliza-los e depois sujeita-los a violência fisica fosse com armas brancas ou domesticas ou apenas armas que não provocassem ferimentos mas que apenas magoassem ou mesmo demais tipos de agressão, como também de violência, teve filhos destes e foi viver com outros, o qual o segundo companheiro foi embriagada e sujeito a crime de burla, bem como demais crimes em tentar esta extorquir ou se aproveitar deste de tal estado para que estes assinasse documento de cedência de bens ou propriedade para nome desta, ficando esta com a casa e terreno, mas que devido este ser agricultor e não ter habilitações, bem como nuca procurar denunciar e não saber, as suas familiares nada conseguiram fazer a não ser ter esta a se vingar mediante violência fisica em atirar objectos, pedras e demais para habitação desta, alem de invasão de propriedade destas, injuriando-as e difamar, tentando as provocar, mas que mesmo chamando a polícia e fazendo queixa esta sempre foi tolerada pelo o tribunal da ponta do sol, pagando cauções em alguns processos e ficando sem provas outros processos em que conseguiu deturpar a verdade e comprar testemunhas ilícitas...
Esta tipa em 1998 injuriou e ameaçou um homem já com uma certa idade, e estando esta bêbada entrou em casa deste, com intenção de o agredir e cai se magoando, esta sai de lá e vai ao hospital ou centro de saúde do concelho da ribeira brava, e faz queixa de ter sido vitima de agressão identificando o suposto agressor injustamente, depois de decorrido o processo de investigação o qual não tenho conhecimento, esta arranja advogado, possivelmente nomeado pela a procuradora do tribunal da ponta do sol naquela altura, podendo esta ter tido direito a tal por ser domestica (embora apart-time) de sua casa, por ter filhos pequenos e por legalmente não estar a exercer demais profissões, exercendo esta outra profissão mas sem estar inscrita legalmente, podendo a procuradora de tal tribunal ser feminista (em vez de humanista) e pertencer a CIDM (sem isenção sexual e ética uni-sexual), bem como associação de mulheres juristas, e esta adquire versão e meios de prova falsos incriminando tal homem, o qual não podia ter advogado ou se teve pouco soube-se defender acabando por ser conformista e pagar caução aplicada ou mesmo também indemnização mesmo injustamente, isto porque este não tinha paciência para sair de casa e se deslocar, bem como dinheiro, e era pressionado por esta, bem como vivia sozinho ou com algum familiar popular, não tendo estes conhecimentos acabaram por não se defenderem e não darem luta e frente contra a hipocrisia destas magistradas desse tribunal…


A violência doméstica é consequente de violência feminina (quando feita por homens ou quando estes são considerados os arguidos mesmo injustamente) de carácter psicológico contra homens com alcoolismo, logo pouca resistência psicológica, bem como homens com psicoses, como esquizofrenia e doença bipolar, muitos destes foram vítimas de violência durante a infância por professoras, mães e demais, seja como correctivo ou não...
Também estes geralmente são vitimas de violência passiva sob a forma de chapadas, ameaças, sob objectos domésticos ou de vestuário, bem como arranhões e violência sexual, tentando atingir cobardemente os genitais masculinos, vistos estes serem externos em vez de internos, como os ovários, útero e vagina, nas mulheres, embora não comparável para um homem fazer a mesma coisa em termos de violência sexual ou para se defender de forma quase equiparada teria de atingir em soco ou em golpe bem os mamilos femininos, de modo a PROVOCAR O GRAU DE DOR QUASE EQUIPARADO.

AS MULHERES TEM CORROMPIDO A CIÊNCIA EM DEONTOLOGIA E TAMBÉM A EPISTEMOLOGIA DA CIÊNCIA, DETURPANDO OS VALORES ÉTICOS DA CIÊNCIA, A ISENÇÃO SEXUAL, O BENEFICIO SEXUAL, BEM COMO A PRÓPRIA FILOSOFIA E SUA APLICAÇÃO...
EXISTE MUITAS ASSOCIAÇÕES FEMINISTAS, PRINCIPALMENTE EM PORTUGAL, UMA DAS ASSOCIAÇÕES RECENTES, DEIXANDO DE PARTE A ASSOCIAÇÃO DE MULHERES JURISTAS, O QUAL PODE POR EM RISCO A PRÓPRIA ISENÇÃO DA JUSTIÇA, FOI CRIADA RECENTEMENTE
A ASSOCIAÇÃO DE MULHERES CIENTISTAS QUE PRETENDE TAMBÉM CORROMPER A CIÊNCIA E PREJUDICAR HIPOCRITAMENTE OS HOMENS, BEM COMO INCREMENTAR A DISCRIMINAÇÃO SEXUAL DO HOMEM NA CIÊNCIA E FAVORECER AS MULHERES, PRINCIPALMENTE
INJUSTAMENTE OU DESEQUILIBRADAMENTE. POR TANTAS ASSOCIAÇÕES QUE EXISTE POR TUDO E POR NADA, SÓ FALTA A
ASSOCIAÇÃO DE MULHERES PROSTITUTAS, BEM COMO A ASSOCIAÇÃO DAS MULHERES DA TANGA, ALEM DA ASSOCIAÇÃO DAS
MULHERES MENSTRUADAS E DAS MULHERES DE PENSO HIGIÉNICO, SEM FALAR DA ASSOCIAÇÃO DE MULHERES CRIMINOSAS E HIPÓCRITAS QUE DE FACTO É QUASE A MAIORIA DESTAS...

Todos os homens expulsos de casa, seja por violência fisica ou psicológica ou por meio passivo, em que seja atirado objectos fora de casa ou para o seu próprio corpo devem apresentar queixa na PSP como violência doméstica, bem como se deslocarem a APAV, e ao tribunal da família e menores, para falar com um
Procurador adjunto, ou mesmo tribunal judicial e falar com procurador adjunto, mesmo que estes não tenham razão no historial, suponhamos que é acusado de adultério, tal não é crime e portanto não deve ser tratado e nem sujeito a violência como retaliação, e se mesmo fosse crime não poderia, nem seria razão para ser expulso de casa, a única entidade que tem competência para tal é o ministério publico, e alem disso se a casa é deste muito menos tem que sair de casa,
Suponhamos que pagou a casa, tinha antes de se casar, era como titular então não tem que sair de casa, mas sim quem quer se divorciar, os documentos que descrevem o crime de maus-tratos físicos ou psicológicos, ou então violência domestica é ocultado aos homens e vem quase descritos em panfletos de
Associações feministas, dirigido a mulheres, portanto também tal descrição é para homens, embora discriminado por estas associações ou CIDM, o mesmo é para os homens, caso contrario é contra o principio da igualdade e é anti-constitucional, bem como deve o próprio a se queixar ao tribunal constitucional a comissão de direitos humanos, a amnistia internacional, ao supremo tribunal de justiça, ao
Tribunal de direitos humanos da união europeia, ao tribunal de justiça europeu a subcomissão dos direitos do homem da união europeia, podendo ser pela a Internet e a algumas associações de defesa dos direitos dos homens, embora escassas tem também a competência, alem da APAV, nomeadamente aos juristas do sexo masculino, visto a advogadas hipocritamente negligenciarem...
Outras discriminações ou injustiças devem serem denunciadas podendo ser pela Internet, caso contrario se não for feita justiça fazerem justiça pelas próprias mãos, quando envolve casos graves como abuso de auto-defesa por mulheres, conspiração criminosa, em que ponha a vossa integridade sexual e fisica grave em jogo, podem fazer justiça pelas próprias mãos, embora seja litigioso pode ser reduzida pena se demonstrada a negligencia ou falta de isenção das procuradoras ou juízas de direito na sentença ou acusação...também se forem mais espertos podem agir litigiosamente e forjarem as provas, como provocar desmaio
Na criminosa e coloca-la no banho com rádio para electrocussão, uso de medicamentos ou mesmo injectados, embora isto seja crime, mais grave será não haver isenção de magistradas sexualmente ou negligencia, podendo um individuo argumentar estado de necessidade desculpante e também coação de direito a defesa e de apoio aos serviços judiciais.
Um dos casos que ocorreu foi um abuso de auto-defesa premeditado por uma tipa no sítio de são João. No concelho da ribeira brava, em que a tipa depois de difamar o ex-namorado, ela esfaqueia-o quando este discute, ela atinge as virilhas (2 golpes), depois de discutir e argumentando que tivera sido por auto-defesa, por este ter lhe agredido algo que pode ser conspirado por esta, exagerado ou falacioso, iniciado por esta
E com instigação de tal, bem como esta ter dito que tivera faca por estar a comer um pêssego na altura em que discutia, algo de pouco improvável, tudo isto poderia ser conspirado por esta e por terceiros, como advogada e agentes de polícia, especialmente mulheres, ou mesmo amigos ou amigas...
O processo foi ao tribunal da ponta de sol, onde é presidido e constituído basicamente por mulheres magistradas, e não foi deduzida acusação, ficando tal homem no hospital Cruz de Carvalho isto é de demonstrar que a maioria dos homens que não sabem de direito, ignoram o código penal bem como demais ficam prejudicados, tal homem deveria fazer queixa ao conselho superior de magistratura, arranjar testemunhas nem que sejam falsas e ou fazer justiça pelas as próprias mãos se pouco improvável esta ser criminalizada ou indemnizá-lo...

Muitos outros crimes sádicos são feitos contra homens mas nunca são denunciados ou são negligenciados, deturpados ou sujeitos a retaliações indirectas, para coagir tal basta enviar e-mail as autoridades competentes, bem como consultar sites feministas, bem como conteúdos de carácter jurídico e social, especialmente
Dedicado e feito por mulheres feministas que de facto são hipócritas a começar pela CIDM.
A ordem dos advogados aceita também casos de denuncias e queixas especialmente de advogadas hipócritas que agem litigiosamente contra os direitos do homens, ou que não age favoravelmente e de modo justo, beneficiando
As mulheres, estes casos acontecem e devem de servir de conselho para todos os homens, bem como devem faze-los ficar unidos em prol da luta contra a hipocrisia feminista e da defesa de seus direitos, liberdades e garantias, bem como
Corrupção de direitos e de benefícios desiguais favoráveis as mulheres, especialmente criados ou instigados de forma directa ou indirecta por estas, camuflado sob a aparência de homens, sendo por exemplos o
Ministério da presidência, e demais que são instigados por estas associações e demais, não havendo associações de defesa dos direitos dos homens activa ou suficientemente competente para corroborar...
Todos os homens devem ler livros e publicações feministas sobre direitos das mulheres e usa-los porque também se existe igualdade deve existir equiparação e logo devem ser iguais, a excepção de alguns direitos sexuais que não haja equiparação possível mas também claro deve haver também para o homem, se houver discriminação, insultos ou difamação deve ser denunciado a comissão de defesa dos direitos humanos da união europeia, ONU, embora estas estejam cheias de mulheres que coagem ou podem deturpar informação ou e-mail, convém sempre enviar mais do que um e-mail, e as vezes ao presidente ou vice-presidente se for homem, porque a maioria das mulheres deturpa ou negligencia tais queixas.
Os jornais e demais comunicação social deturpa, negligencia e ou oculta as noticias que tem homens vitimas de crimes, especialmente vioelntos, existe ao longo do
Tempo caso horrendos sádicos de mulheres, mesmo havendo argumentos não é razão para fazerem crimes, se fazerem a vitima deve faze-lo em sua autodefesa, não importa como e quando, pode ser por meio de terrorismo ou vingança indirecta ou por outros meios, porque nem sempre a cobardia é sinonimo de terrorismo mas sim pode ser sinonimo de esperteza de acordo com as circunstâncias.
Existe meios de cometer crimes quase perfeitos por meio acidental e a maioria são feitos por mulheres, ou são de inspiração do cinema, o cinema embora muito fictício é muitas vezes arma de inspiração para crimes e ou difamação e subestimação hipócrita e ou falaciosa, bem como discriminação contra o sexo masculino, sem falar de demais conteúdo de mass media, como revistas femininas
E livros como por exemplo a hipocrisia e falsidade do "código da Vinci" e demais literatura seja ela denominada como real mas no fundo falaciosa, ou mesmo contos e demais, geralmente com o objectivo de fomentar o feminismo e de vender mais publicações porque grande parte da população activa, com saúde, e beneficiada profissionalmente, socialmente, judicialmente, na saúde, educacional mente serem as mulheres e serem as que devido aos benefícios e atitudes, bem como resistência psicológica e favorecimento e entreajuda feminista tem mais saúde, se cuidam mais, exploram os homens de acordo com o determinismo sexual e legislação que é fácil de deturpar a culpabilidade ou as penas, sendo tais as maiores compradoras de tais conteúdos, havendo portanto mais negocio...

Se for feito filme ou peça de teatro, publicação ou demais acções de mass media contra o feminismo estes são coagidos indirectamente, sujeitos a retaliações e fomentadas contra seus direitos, liberdades e garantias, bem como direito a liberdade de expressão e de defesa, resistência e demais…
A série norte americana feminista "donas de casa desesperadas" é uma demonstração da hipocrisia feminista, o qual num ponto de vista fulcral demonstra a luta contra o determinismo bio-sexual feminino das mulheres ou por o menos da maioria, bem como a hipocrisia e retaliação do feminismo destas...

Tenho conhecimento mediante um comentário de um homenzinho de tal localidade de uma tipa chamada "capas" pela vizinhança compulsiva e violenta, arguida em alguns processo anteriores de conflitos violentos com vizinhança, não casada, progenitora de filhos ilegítimos, exploradora de homens que conseguiu mediante violência fisica e calculada extorquir propriedade a um homem doente, passivo e alcoólico, incapacitado de se defender e com temperamento não agressivo, bem como estado físico degenerado, ficando com a casa deste, e sua propriedade mediante burla e extorsão fraudulenta qual vive na freguesia do campanário, concelho da ribeira brava, sitio da vera cruz (ilha da madeira), e que em 2000 mediante violência domestica com o filho tentou instigar o suicídio deste indirectamente, tentou agredí-lo mas este conseguiu se defender e para desanuviar psicologicamente este sai de mota e tem um acidente, tudo por culpa desta tipa, tipa altamente psicótica, mas com moderação social intelectualizada de modo a conseguir deturpar e não incorrer em detenções, aproveitou-se de muitos homens bananas e usava armas como navalhas para alguns conflitos em que não podia agredir ou intimidar, nunca sendo denunciada pelos crimes que cometera totalmente e pagando tudo sob caução ao tribunal da ponta do sol, quando teve conflitos com a vizinhança ou invadiu propriedades para destruição, o mesmo aconteceu com a Natália pestana (conhecida de bicha na mesma zona) que também faz a mesma coisa e já tem cadastro em tribunal, mas o qual foi beneficiada pela a presidente do tribunal da ponta do sol na acusação e na pena dos crimes que cometera segundo a informação de que foi dita por tal residente...

O feminismo criou-se devido mais a inveja de não ter as mesmas coisas que os homens ou não fazer coisas que estes fazem ou faziam, e o qual hipocritamente o feminismo restringia os privilégios ou demais atitudes, funções ou serviços que eram para mulheres apenas ou eram considerados, bem como devido a fuga dos estereótipos femininos e a fuga ao determinismo sexual feminino ou fuga temporária e ou adulterada…
O qual actualmente as mulheres discriminam os homens e tentam ser melhores e se valorizarem por tudo e por nada, especialmente as feministas, e coagem os homens de serem ou de fugirem ao seu determinismo sexual bem como de ter a mesma liberdade em que estas tem em poderem desempenhar, aprender, exercer, usar, se comportamental, e usufruírem de privilégios, funções, serviços sejam estéticos dos mais diversos como também vestuário, alem de liberdade de atitude, de estética e vestuário, de defesa e direito, de concorrência ou privilegio laboral, saúde, social ou politico e jurídico…

Muito demais hipocrisias e assuntos da hipocrisia feminista não vem em revistas, não são denunciados e não são julgados, bem como sentenciados devidamente, isto é um dos exemplos da hipocrisia feminista existente em todo o mundo, mas especialmente em Portugal, e especialmente na ilha da madeira, e Açores...

O aborto é um dos crimes mais hipócritas do feminismo, bem como cobarde e falacioso em termos de direitos da progenitora em ir contra a natureza e em tomar controlo, é muito pior do que o homicídio, e sendo assim muito pior alem de ser nada comparável ao homicídio do que a violação por violência fisica, maus-tratos físicos muito graves e demais o qual é muito cobarde por não ser possível a criança dentro do organismo poder se manifestar ou se defender, a maioria acontece as
Crianças que são vitimas também de crimes por mulheres, sendo estas as que em numero e conscientemente agridem mais, mesmo sob argumentos verdadeiros e sob carácter pedagógico, por violência não se educa, nem podem ir contra as liberdades e garantias de ninguém sendo o ministério publico de acordo com a lei a quem compete fazer justiça...



Os homens discriminados podem também poder auxilio ou se filiarem na associação 26-4, uma associação de defesa dos direitos do homem do género masculino, em Portugal, mais propriamente de defesa dos direitos paternais, mas também esta ligada a outras associações de defesa e luta pela igualdade e direitos do sexo masculino, o qual todos os homens devem se unir e combater a hipocrisia das mulheres, especialmente as feministas e ou feministas hipócritas ou radicais, ou mesmo simplesmente feministas, denunciando e instruindo criminalmente seja nacional ou comunitário tudo o que for contra o principio da igualdade artigo n.º 13 da constituição portuguesas, bem código penal e civil...

joana
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:50
The hypocrisy of feminism against men rights, side effects on Bandar Abbas corruption of justice and human values and right and even justice and right meaning gravity and evidences (follow text in written in Portuguese comment )
And also the negligence and passivity of the international human rights organizations


É uma autêntica hipocrisia feminista e aceitar e ate mesmo apoiar indirectamente, a acções sádicas, arcaicas, demoníacas e contra dos direitos humanos e ate estimuladoras de violência, feitas contra os 4 rapazes, que tinham 17 a 23 anos, havendo um que tinha menos de 18 anos, o qual 2 acusados de violação sexual (o qual pode ser autentica hipocrisia e deturpação de provas desta bem como não é nenhuma ofensa que ofenda fisicamente grave, bem como pode não usar violência física grave por vezes ou mesmo na realidade mais vale matar e destruir corpo) a uma tipa que assaltaram, os quais foram enforcados os 4 em praça publica, sendo este uma pena terrível e sádica pior ou igual ao terrorismo o qual estes jovens se fossem espertos e inteligentes deveriam possuir bombas consigo e explodirem ao pé das feministas que desencadearam tais atitudes, bem como ao pé do procurador dito revolucionário (radical e contra os direitos humanos seja para vitimas ou arguidos) de Bandar Abbas, a sua do pais, no Irão, os outros 2 foram acusados de furto e sequestro (aproximadamente), o quais também foram sentenciados, logo quem vive em países assim mais vale ser terrorista mas principalmente terrorista esperto destruir acções feministas que vão contra seus direitos, liberdades e garantiras, bem como policiais e judiciais que estão corrompidas, o qual nem a amnistia internacional se pronunciou e nem a ONU…
Uma verdadeira democracia não tem pena de morte e defende os direitos e a defesa e procura da verdade dos factos, bem como trata os arguidos a margem dos direitos humanos enquanto arguidos não indo contra sua integridade física de modo directo, bem como sua vida, se assim for então mais vale destruir essa farsa e destruir severamente a população toda de tais países e regiões, mesmo que envolva inocentes, ou então mísseis disparados do espaço que podem destruir o planeta terra numa só vez, indo pelo ar muita hipocrisia feminista e milhares de anos de desenvolvimento humano…

A maioria dos homens alcoolizados quando chegam a casa são sujeitos a violência psicológica pela mulher e posteriormente a violência física passiva ou não, o qual a maioria das hipócritas feministas tentam deturpar e coagir que estes se defendam e que não façam queixa ou que não seja reconhecido tal direito privilegiando as mulheres apenas, ate mesmo se este se defender e ter exagerado na sua auto-defesa, ate porque é justificável por estar bêbado e pouco consciente do que esta a fazer em controlado a ira que lhe foi descarregada em cima por parte da agressora inicial, em alguns casos, visto noutros o alcoolizado mesmo inocente e que não pegue é vitima de agressão, mediante ajuda de familiares directos ate mesmo de filhos em que mãe persuade e se arma em vitima para ajuda-la a agredir, nestes casos a vitima alcoolizada tem toda a legitimidade em utilizar armas apara se defende de ameaça colectiva contra sua integridade física e vida, deve fingir de casa e ir a policia participar, bem como associação neomachista, alem de alcoólicos, bem como deve passar em farmácia e comprar medicamento para acelerar o metabolismo do álcool, afim de ficar mais sóbrio…
A maioria das mulheres crápulas, monstras, cobardes como estas tentam difamar nas revistas e em panfletos da CIDM e demais associações, assim como novelas, séries e filmes, alem de hipócritas, as quais agridem o marido e depois levam nas trombas fazem-se passar por vitimas e ou mesmo nem levam e fazem-se passar como método de divorcio conspirado e extorsivo, tentando culpar o marido com provas ou sem provas, e muitos dos quais nem aparecem em esquadra ou não falam com procurador adjunto ou advogado da APAV e ou demais associações neomachista ou defensora dos direitos do homem ou direitos humanos para instruírem judicialmente acção contra tais criminosas ou para se defenderem de processo injusto e hipócrita destas…
O qual por vezes mas vale matar conspiradamente estas caso se dificultado as condições de justiça, ate porque pode saturar psicologicamente suas resistência e intelecto, bem como economicamente, ao contrario das mulheres que são apoiadas economicamente em recursos humanos por as associações feministas, e terceiros ligados a tais…



É uma autentica hipocrisia como a besta feminista da Albertina Rodrigues, presidente da associação presença feminina, deturpa a religião usando-a apesar de mesmo criticando ao catolicismo e ir contra o determinismo sexual das mulheres na religião católica, indo talvez contra alguns princípios justificados e necessários, usar e comentar hipocritamente, tão hipócrita como o diabo pode o ser, usando o que foi dito pelo papa João Paulo II no ano internacional da família, o qual não discriminara sexualmente mas esta mediante manipulando a favor do feminismo e deturpando-o tentou instigar irrealmente, sadicamente e criminosamente contra o sexo masculino, embora que tenta escrever de forma sensata e equilibrada implicitamente não esta sendo e tem objectivos discriminatórios e persuasivos subjacentemente para instigar impressão positiva de tal organização…
Existe mulheres deturpadas pelo feminismo e feministas hipócritas ou não, que quando ouvem de alcoolismo associam tal a maus-tratos ou a violência familiar em vez de domestica que é algo que foi criado pelo feminismo (USA e EU) para tentar pressionar psicologicamente os homens e mulheres em termos de conceito. Estas tipas discriminam sadicamente e sob satisfação a morte de algum homem que morra de cirrose alegando dizerem terem sido por especulação agressor, pondo de parte a alternativa de ter sido uma hepatite que originasse tal, bem como de ter sido vitima em vez de agressor ou então de ter sido agressor mas também vitima, defendendo-se também e agredindo como fora agredido seja fisicamente e ou em resposta de agressão psicológica grave e depois fisicamente sob tentativas realizadas ou falhadas por a agressora que desafiara e agredira, bem como estimulara tal conflitos…

Devido ao narcisismo, erotismo, lesbianismo e ou bissexualismo, estética e feminismo ideológico das mulheres numa grande maioria são muito poucas que agem de forma igual aos homens por querem se afirmarem serem melhores e por as próprias feministas hiper sensibilizarem e dramatizarem o consumo de álcool e tabaco em mulheres, assim como demais drogas…

Em resposta, as mulheres jornalistas (RTP 1, SIC e TVI) que escrevem as notícias de rodapé ou as que seleccionam, principalmente a quem faz as da RTP 1, as quais tentam, instigar o feminismo mediante publicação de conteúdo feminista ou correlacionado, bem como discriminatório contra os homens, tentando estas corromper os valores éticos, morais, religioso e direitos dos homens.

É autentica hipocrisia mulheres que defendam o aborto, tentarem usar estudos cientificas com possível falta de credibilidade e isenção sexual na conclusão e estudo da capacidade de fetos sentirem doer durante o aborto ou seu estado de desenvolvimento ainda ser prematuro, tudo de modo a tentar favorecer o aborto ou a morte de crianças a nascença, digo que é autentica pena o aborto não ter sido feito a estas porque assim não estariam a infernar e envenenar a sociedade, bem como os homens e seus direitos paternais, bem como ate hipocrisias sua criminalização em aborto provocado por estes, bem como em gravidezes conspiradas e contra sua vontade…


É autentica hipocrisia e incoerência chamar certos homens de criminosos por terem provocado aborto sem consentimento da progenitora, mesmo ate sendo estes os progenitores, quando são as próprias mulheres que querem assassinar e assassinam hipocritamente fugindo e pressionando a justiça deliberadamente e sociedade politica e geral para descriminalização, alegando ser seus corpos, tal é hipocrisia e mesquinhez, porque geneticamente não é só de sues corpos, bem como biologicamente, e depois pertence a natureza e tal é propriedade da natureza não destas.

A quem difama de cobardes a um homem que age a foca com uma mulher, é uma autentica cobardia, hipocrisia e discriminação dizer e defender tal tese, é cobardia haver mulheres e homens pensarem que por ser mulher um homem terá de ter tratamento diferente, ao contrario destas que por ser homem teriam tratamento ainda pior e mais sádico do que fosse mulher, a isto é dar confiança e é o que as associações feministas hipócritas e sádicas pretendem ao longo do tempo instituir e tentam instigar indirectamente mediante novelas, como a «a escrava Isaura» e demais produções televisivas…
As mulheres, que arbitram desportos masculinos devido a não isenção sexual tomando atitudes sádicas e mais duras contra os jogadores do sexo masculino, bem como tentando diminuir a produtividade e espectáculo desportivo masculino a fim de ser inferior ao feminino ou ser igual ao feminino…
Um dos exemplos é o campeonato de basquetebol masculino na Europa, sendo esta a partir 15 de Setembro de 2005 a data que uma mulher vai arbitrar pela primeira vez um campeonato masculino podendo não ter isenção sexual indirecta na arbitragem…


The women who arbiters the male sports competitions has no sexual impartiality when it is men playing, turning the game Hard in disciplinarily attitudes and behavior than the female competitiveness, trying to reduce the competition and entertainment in male games just because to be less in quality than the females games or to have the same game level of quality.

Os trabalhos feitos por homens são invadidos por mulheres, os quais estas tentam roubar os empregos a estes em áreas produtivas e mecanizadas e menos duras, como a industria automóvel e demais actividades, relativamente aos trabalhos realizados maioritariamente por mulheres e que tenham boas condições de trabalho e de remuneração ou que seja de interesse mutuo são discriminados aos homens e estes são coagidos para irem para trabalhos piores…

É autentica hipocrisia feminista certas jornalistas fazerem destaque de assuntos sexuais, de modo a estimular a hipocrisia feminista e o feminismo, não justificando ou não podendo certas condições motivadas na pratica de algum litigio, o facto de haver incesto de um pai ter violado uma filha de 5 anos de idade, sem usar violência e ate sem esta ter sofrido, ou mesmo sendo acusado injustamente de algo que possivelmente nem fez ou não consumido, muitas vezes feito deliberadamente por a sua parceira ou conjugue deliberadamente, a fim de beneficiar com tal, sob o titulo de mais uma detenção. Algo escrito por mulheres jornalistas e seccionado por estas e que revela autentica hipocrisia destas bem como negligencia em escreverem e seleccionarem noticias de crimes cometidos por mulheres, ou pelo menos justificavam ao contrario dos homens…

A MAIORIA DAS CRIANÇAS DO SEXO MASCULINO NASCIDAS SÃO MAL TRATADAS passivamente do que as crianças do sexo feminino, por as próprias mulheres que executam tais funções obstetrícias e neo-natais.

É autêntica hipocrisia dizer que 70% das mulheres são pobres se existe mais mulheres do que homens, estas são mais preguiçosas em exercer trabalhos duros, exercem trabalhos mesquinhos e de pouca relevância profissional para satisfazerem seus caprichos, alem de desviarem atenção e tempo para extorquir dinheiro aos homens trabalhadores…


Na televisão vem muitos crimes cometidos por homens mas crimes como trafico de droga e muitos cometidos por mulheres não vem, um dos exemplos foi uma mulher ter vindo de Portugal continental com droga inserida na vagina, sendo esta uma das piores do que a hipocrisia de crime do que violação e crimes de agressão, sendo a droga o maior destruidor social e humano…


Os desfiles, erotismo e demais assuntos de estética ou sexo, subestima indirectamente os homens, e estimula o narcisismo feminino, bem como o feminismo seja hipócrita ou não, a discriminação do homem ainda continua a ser feita de forma descarada e hipócrita, bem como com restrições em estética e cosmética, bem como vestuário inibindo a sensualidade masculina ou a deturpando de modo a ser inferior da sensualidade provocada pelas as mulheres...

A própria associação de mulheres contra a violência é uma associação hipócrita que apenas pretende criar melodramas feministas hipócritas como sua constituição e criar direitos especiais as mulheres e coagir os direitos dos homens, bem como sua liberdade e direito em se auto-defenderem por violência fisica ou psicológica, mas não coagirem e ate hipocritamente e mesquinhamente ou mesmo satânicamente apoiarem a violência feminista. É uma autentica hipocrisia esta se aproveitarem do que outras associações e a UNICEF que tem mulheres a deturpar a lei e com conceitos para prejudicar apenas homens em relação aos abusos sexuais de crianças, embora que não consiste em abuso muitos casos porque existe consentimento especialmente quando jovens e o qual não há equiparação de litigio para os abusos sexuais feitos por mulheres, o qual estas não são criminalizadas e se aproveitarem para adquiri a maternidade de criança (objectivo implícito quando criado conceito) bem como para obterem outros benefícios. Só deveria, ser considerado abuso sexual, os crimes em que não houvesse consentimento e pagamento de serviços, bem como se a pessoa fosse violada com ou sem violência e passividade ou prazer de tal criança, um assédio não seria abuso sexual, mas assédio de crianças (muito normal as mulheres fazerem como tocar nos genitais como forma de prazer ou quando prestam serviços correlacionados com tal profissão).



A hipocrisia das mulheres que se dizem ou são vitimas de violência domestica

The hypocrisy of the women who says that they are victims of domestic violence

La hypocrisie de ces femmes que dirent être victimes de violence domestique
La hipocresía de mujeres que dicen ser víctimas de la violencia domestica



Relativamente ao que foi dito no telejornal da RTP 1 (Portuguese television but probably further world wide TV channels), num documentário falaciosos relativo a abertura das salas de apoio a vitima, em que houve um rapaz ou um homem a dizer «mãe o pai tem a tesoura», o qual hipocritamente este rapaz ou em caso particular disse tal, dando a ideia de que os homens são os culpados de violência doméstica e que agem mediante armas, isto é uma autentica hipocrisia feminista e autentica falácia, bem como muito indutivo, primeiro porque quem utiliza armas nos caso de violência doméstica são as mulheres, segundo a arma é uma arma (tesoura) muito utilizada por mulheres, certamente se fosse um homem seria uma navalha, terceiro utilizaria arma se não pudesse se defender ou agredir, ou responder exercendo resistência seja esta ilícita ou não, quarto a maioria dos filhos devido ao instinto materno tem mais ligação com as mães do que os pais, e são mais depressa persuadidos mesmo falaciosamente ou mesmo parcialmente ou não mentira pela as historias das mães que se afirmam serem vitimas de violência domestica. Outra questão é que a comissão de igualdade defesa e dos direitos das mulheres ligada a comissão para instrução de pedidos de indemnização para vitimas de crimes violentos, a qual constituída por mulheres em maioria ou totalmente, encargos de decisão, e também ligada ou derivada da comissão de igualdade defesa e dos direitos das mulheres (CIDM), tem vindo ao longo do tempo a conspirar em resposta a ataques contra o feminismo e sua hipocrisia, bem como em resposta a ataques de outros e a estes comentários, reivindicações que reflicto, estudo, lei, analiso e escrevo, a qual hipocritamente e sem um pingo de ética, porque a ética para os homens não deve de haver quando sãos as mulheres em causa, na opinião destas, a qual não se admira de serem lésbicas mas principalmente lésbicas não afirmadas, e de grande ódio embora controlado e camuflado contra os homens principalmente contra os homens que defendem seus direitos e defendam o seu sexo ou a hipocrisia de que os homens são vitimas, tentando promover por este meio o lesbianismo a androginia e ou androfobia por a parte das mulheres, bem como a
Auto-discriminação, privilégios, primazia, discriminação sexual negativa dos homens pelo os próprios homens que estupidamente ou por baixa capacidade de resistência e oposição intelectual e psíquica, bem como social ou económica e jurídica se deixam tornar feministas, muitos dos quais ficam sem auto-estima sexual ou se auto-destroem e se deixam explorar economicamente, socialmente, em valores feministas e machistas arcaicos como o cavalheirismo ou a primazia feminina só por ser mulher e demais discriminações, facilidades e privilégios a que estas hipocritamente dizem afirmar ser igualdade, se existir igualdade de facto só deve ser para as mulheres mas nunca para os homens, no ponto de vista destas, não existe duvidas de que estas em parceria com demais mulheres e homens subordinados que pouco se importam do que serem bem vistos por estas e ganharem a sua remuneração ou em pensarem estarem a serem sensatos em se tornarem sexistas, nomeadamente feministas em vez de humanista ou mesmo neomachistas defendendo mas respeitando os direito das mulheres, embora exijam o respeito dos direitos, liberdades e garantias dos homens bem como os defendam e analisam tentando ajudar no que seja legitimo e justo ser necessário, mas em suma, pretendo afirmar que tal homem que relatou assim como demais apesar de ser homem não quer dizer que tal seja verdade, ou que a tal mãe deste não tenha culpa ou mesmo tenha agredido o pai, mesmo se este não se poder defender e tenha que buscar uma arma para se defender ou mesmo assim se apenas este tenha dito devido a contracto ilícito e anti-ética sexual sendo comprado ou contratado para dizer tal, quem diz uma coisa tem que comprovar e teria que contar toda a verdade e não apenas umas partes podendo dar a ideia errada do que na realidade o é, também não existe duvida de que um homem alcoolizado não age por consciência, seja alcoolizado com esquizofrenia, doença bipolar e demais que com comportamentos anti-sociais graves ou não tem culpa mas sim a doença e os factores que o tornaram assim, no caso do alcoolismo muitos dos factores são culturais, vindos da altura do salazarismo e da própria ideia do uso e beneficio falacioso das bebidas alcoólicas, bem como na impossibilidade e “incultura”, bem como facilidade de compra e aquisição de bebidas alcoólicas para servir como terapia psico-analéptica, anti-psicótica e ou anti-depressivo para ficar e desanuviar dos crimes passivos mediante violência psicológica a que este é sujeito pela companheira ou mulher, a violência psicológica é muito comum das mulheres, a violência vem na forma de discussão e restrição de liberdades e direitos a que o homem tem direito, bem como provem em alturas em que este não tem renitência psicológica para ser confrontado com discussões ou alerta de consciência, ou seja se um homem esta alcoolizado não deve ser sujeito a violência seja física ou psicológica, bem como é mais vulnerável a ser vitima de violência psicológica, bem como física, só que devido a alguma hipocrisia e ou irracionalidade de mulheres que pretendem agredir ou ficam histéricas e compulsivas agridem psicologicamente e depois agridem fisicamente, mesmo sem haver resposta da vitima inicial e as quais depois de verem que não podem se queixam e se fazem de vitimas, bem como não fogem e não confessam a verdade, e não mudam de atitude dissipadora e preventiva licitamente, ou seja não viver ou fazer acordo ou ultimato extra-conjugal se não possível ou intra-conjugal, bem como em não admitirem que foram, as que provocaram e tiveram culpa de tal, bem como em não terem procedido correctamente, seria portanto procedimento correcto esta se vise o companheiro embriagado, não o retaliar e não falar com ele ou conviver deixando-o a parte ate recuperar a bebedeira e recuperando da ressaca, depois de tal sensatamente, calmamente deveria falar com este e ajuda-lo a procurar ajuda para tratamento, bem como corrigir seus comportamento, atitudes em relação ao marido ou determinando a influencia e ideias desta e ou de terceiros que o fizessem a se embriagar ou agir mediante alguma indignação contra tal cônjuge…
Os crimes de maus-tratos físicos muitos graves geralmente quando cometidos por homens devem-se a estes serem alvos de resistência ilícita, a serem alvos de violência física e psicológica, muitas vezes também sexual das mulheres, seja como agressão sexual aos genitais masculinos, bem como em violência psicológica sexual falando mal do homens, buscando e discriminando só homens com conversas feministas e sendo assim também hipócritas e falaciosas, ameaçando, difama-los e subestimando sexualmente, e pondo em causa a sua identidade, instigam o determinismo sexual bem como integridade fisica e sexual, alem de tudo isto ser feito a homens que tenham perturbações mentais passivas ou activas, alguns sob efeito do álcool para agravar mais a sua resistência e incapacidade de racionalização e consciência, ou mesmo sem patologias graves psiquicamente apenas grande quantidades de álcool é o suficiente para não deixar o cérebro funcionar bem e ser mais vulnerável a violência psicológica por estas, nem que seja por o facto de terem a liberdade em beberem, em praticarem adultério seja por sedução conspirada de outras mulheres ou não, o qual tem a liberdade e as mulheres também fazem ou podem fazer o mesmo, bem como a solução não é discursos quando este esta bêbado mas sim depois de recuperar o qual deve ser deixado em paz e a dormir, e depois ouvir mas calmamente e não histericamente os conselhos ou ajustes entre ambos os cônjuges, já presencie cenas destas em que umas mulheres faziam violência psicológica contra o marido devido a este estar apenas bêbado ou ter feito involuntariamente um pequeno estrago sem ter este culpa ou consciência de tal, bem como este era maltratado mediante violência física passiva como descarga psicótica da mulher, havendo mulheres que ao saberem riam e ate ajudavam ou diziam para lhe dar mais ainda, e o qual depois diriam o contrario se este se defenderem, ou respondesse dizendo não ter razão, o qual tem todo o direito de se auto-defender principalmente quando se encontra mais vulnerável, sendo também dever de pedir ajuda ou chamar a policia ou associação para ajuda-lo a se defender e coagir agressão, bem como leva-lo a hospital para desintoxicação ou deixa-lo dormir num local seguro e confortável ate recuperar da ressaca ou então perturbação psíquica ou mesmo violência provocada voluntariamente pela a sua mulher, bem como demais, incluindo filhas/os os quais hipocritamente defendem a mãe por ser esta que vive mais com eles ou tem mais proximidade, por haver maior elo de ligação, por esta não se esquecer destes quando consiste a alimentação ou necessidade de fazer compras, ou fazer refeição ou a outros haveres, isto em certos casos, ou por esta não agir comparadamente igual ao pai quando esta agride os filhos mediante a intenção de descarga entendida como correctivo, principalmente por estas não serem alcoólicas ou o próprio feminismo tentar restringir e apenas estimular os homens a que bebam mas não as mulheres por serem mais sensíveis ou desaconselhado, havendo também discriminação e incoerência do próprio feminismo em apenas querer estimular o mal mas como forma de promover o feminismo e em terem mais mulheres em organizações e bem mais direitos femininos ou privilégios, alem de tentar incrementar a discriminação masculina e odeio, transsexualismo masculino, embora estas estejam contra porque o que realmente querem são privilégios e direitos anti-igualistas que as façam como rainhas e donas do mundo…


Existe muitos crimes cometidos por mulheres que são muito mais impugnantes do que a hipocrisia feminista em dizer que o crime de maus-tratos são violentos, violentos seria então ao esfaqueamento, partir braços voluntariamente, uso de armas domesticas e demais muito usual e habitual das mulheres, provocando ferimentos graves e lesões físicas graves, mas principalmente incapacitando e afectando órgãos do organismo humano, o qual é muito habitual ocorrer a homens provocados por mulheres, seja estas psicóticas, ou não, mas geralmente não alcoólicas e com manias passivas de estarem a fazer correcção mediante uso de violência física e psicológica, bem como em restringir as liberdades e garantias destes em fazer algo que os de prazer ou que tenham necessidade, podendo tal ate ser beber alguma bebida alcoólica ou embriagarem-se o qual não é sinonimo de fazerem mal aos outros, o qual se forem alertados que estão a perturbar ou se forem sujeitos a violência psicológica principalmente teriam de agir a força por não terem capacidade psicológica de serem ouvidos e de resolver a situação, ou em se defenderem para poderem não ser perturbando…

A maioria dos casos de violência doméstica são sempre incutidos e feitos por mulheres, um dos casos demonstrados é o próprio programa «fiel ou infiel», da TVI, que ao longo do episódios anteriores e actuais revela que as mulheres tendo ou não tendo razão vem sempre agredir o homem mas em vez de ser violência que deixe marcas físicas é sob estaladas e demais atitudes e comportamentos agressivos, alem de ameaçarem e sexualizar as injurias, bem como descriminarem e agirem com grande pressão psicológica, as quais cobardemente agem sabendo também que tem que as defenda se a vitimas homem se defender desta ou mão se defender proporcionalmente ou mesmo um pouco exageradamente, sem falar do uso de sapatos, vassoura e demais, sendo ate mesmo ameaçados de injurias contra sua integridade sexual e também ridicularização sexual ( o quais tenho conhecimento de realidades sádicas ocorridas contra os homens mas não conto para não dar inspiração as feministas que vão ler este conteúdo)…
A maior parte dos jornalistas são mulheres, principalmente quando se trata em reportagens ou noticias do âmbito social, laboral e jurídico, as assistentes de informação, especialmente as assistentes de informação da RTP e demais canais com grande índice de feminismo são as que conspiram e agem anti-deontologicamente e anti isenção, bem, como deturpando o realismo e o bom senso, alem do principio da igualdade na constituição portuguesa e ate direito internacional, como direitos humanos, game a favor da vitimação feminista e dos interesses defendidos e estimulados pelo feminismo tudo de modo a serem privilegiadas e explorarem em vários âmbitos os homens. Também não é de deixar de parte que muitos homens intelectuais se deixam levar pelo feminismo, são conformistas, não tem ética sexual masculina em defender o seu sexo e coerência em sim mesmos enquanto homens, vendo estes que a maioria das mulheres não agem como estes e não tem nenhuma ou se as tem é forçadamente para não ser ilícita isenção sexual ou então isenção sexual hipócrita…

É hipocrisia do feminismo aquilo que deu na RTP 1, no telejornal, sem por de parte demais outros conteúdos seja de outros canais, jornais ou revistas, a qual mostra fotografias encenadas e falaciosas e falsas para incutir hipersensibilidades de tal e hipervitimação, a qual sendo irrealista, hipócrita e falaciosa, corrompe a verdade e difama violentamente o sexo masculino, bem como demonstra a hipocrisia e mesquinhez do sexo feminino, especialmente dessas mulheres que conspiraram tal encenação, contactaram e remuneraram, tentando por as mulheres apenas como vitimas, discriminado as salas de apoio a vitima como salas apenas para idosos, mulheres e crianças, sendo idosos porque a maioria são mulheres, devido estas executarem trabalhos que ajudam na sua saúde, auto-estima e cuidados narcisistas ou de saúde, ate porque os homens sãos discriminados e negligenciados e coagidos na saúde e na capacidade de se queixarem sendo muitas vezes ridicularizados e pressionados a negligenciarem os seus problemas e a se queixarem, principalmente as autoridades competentes, dizendo também por hipocrisia e deturpação estatística que 60% sãos os cônjuges ou companheiros que agridem, não especificando se agrediram em auto-defesa ou por excesso de auto-defesa desviando tal dissipação de violência psicológica ou física pela companheira, em violência física que o incapacitasse de agredido ou de opor resistência…

Os próprios filmes são uma indicação da sádicidade feminina, havendo muitos filmes de carácter sexista e do uso da violência tendo ou não tendo razão, apenas pode ser coagido e detido mas nunca sujeito a violência, o mesmo é que nos casos reais a detenção não é executada ou se é sob violência, enquanto se uma pessoa se for vitima de violência deve fugir e chamar policia, ou depois mais tarde resolver a situação sensatamente com ou sem protecção, não havendo necessidade de agir ilicitamente e ou agredir sexualmente, usar armas, ou auto-defender-se exageradamente sendo tal ilícito e sob vários conceitos de ilicitude, bem como agindo depois de ter provocado o incidente sendo tal sua autoria…
Esses filmes é na realidade um manifesto da hipocrisia e sádicidade feminista, que devido a lei e devido a demais factores, seja de capacidade física ou não, o qual é deturpada o conceito de capacidade física e praticado doping ou criado ou inventando doença que afectam o desenvolvimento e saúde dos homens mediante mulheres investigadoras, bem como produtos de cosmética de doping e ou medicamentos só para mulheres, coagindo estas de venderem ou respeitarem o direito e liberdade deste comprar e suar o que quiser, bem como deturpando o determinismo fisiológico feminino e tentando por todas as características masculinas positivas do homem na mulher, bem como acrescentado a demais em que estas não põe no homem, seja na arte ou demais meios de comunicação ou expressão artística, tudo para fazer da mulher o ser superior o qual é uma hipocrisia e anti-igualdade, ou anti-naturalista e também psicótica e injusta porque ambos podem serem iguais apenas por terem vantagens e desvantagens proporcionais e não características totalmente iguais, existe de facto inveja e luta contra o determinismo sexual e hipocrisia em querem e formarem contra certas coisas que defendem como a violência mas ao contrario estimularem a violência feita por mulheres, por homens a homens, bem como as medidas anti-pedagógicas e destrutivas que podem ser consequentes de uma ma relação entre certa parte de mulheres e certos homens num caso geral, por exemplo não querem e promoverem e ajudarem as alternativas de tratamento ou dissipação de pressões psíquicas que não seja o alcoolismo, em não ajudarem e apoiarem homens alcoólicos no tratamento e defesa dos seus direitos, bem como demais, agindo incoerentemente e hipocritamente, sendo de factos sádicas e hipócritas e muito piores ate que o diabo ou os homens que difamam, que bebem muitas vezes devido a ausência de auto-estima devido a conceitos sexistas sexuais de estética e de saúde e bem-estar a que são discriminados, devido a sua profissão ser dura e não intelectual ou que de uma certa auto-estima, devido a violência psíquica e fisica destas o qual a maioria pouca resistência psíquica tem e usa o álcool como medicamento, mas o qual acaba por o destruir e destruir terceiros inocentes, sendo este no final o mais prejudicado…
O próprio uso de narcóticos também ajuda a que tenha pouca resistência psicológica e que aja comportamentos agressivos, principalmente quando sãos sujeitos a agressão ou provocação, sendo as mulheres que provocam e desencadeiam tempestades num copo de agua e importunamente, alem de desnecessariamente, podendo ate ser devido a razoes de satisfação sexual e estética que estas agem agressivamente por não obrigarem contra a liberdade de decisão e de dono de seu corpo bem como de direitos do sexo masculino em estes fazerem o que quiserem ou em terem relações sexuais na forma que não querem ou na frequência e tempo que não querem ou não podem devido a razoes de carácter físico, nutricional, cultural, de saúde psíquica e física, sendo também estes os mais discriminados nos cuidados de saúde, sejam sexuais, preventivos, e outros cuidados como estéticos e de bem-estar e relaxamento, cosméticos, vestuários, comportamentais e de etiqueta, e psicológicos, didácticos -pedagógicos e laborais seja para exercer qualquer cargo ou estudo de qualquer função feminina ou maioritariamente com mulheres, seja a liberdade de se opor em exercer funções duras, sujas e com mau convívio ou convívio popular e pouco intelectualizado seja na construção civil ou demais, seja nos requisitos de admissão em cargos e profissões em que as mulheres tem uma maior tolerância em testes físicos e demais, principalmente em funções correlacionadas com sectores de estado dependestes ou independentes.
As próprias mulheres agentes de polícia discriminam e agridem os homens, bem como negligenciam os homens vítimas de crimes ou queixosos, também conspiram com criminosas as estratégias de ilibação ou descriminalização seja imparcial ou total, um dos casos especiais será as mulheres agentes especializadas em assuntos feministas ou entendidos por estímulo do feminismo como tal, tentando e indo contra os direitos dos homens e igualdade sexual de oportunidades e de deveres e direitos, tratamento, atendimento, liberdades e garantias.
Isto sem por de parte advogadas e magistrados que também agem de tal forma e sem por de parte todos os homens que concordam com o feminismo ou que se sujeitam e não analisam tal na realidade, devendo estes serem vitimas de crimes violentos cometidos por mulheres, bem como de demais discriminações e acções anti-igualdade a que são passivos ou conformistas, muitas vezes devido a pressões de coação do mulheres feministas que os coagem de defenderem seus direitos sob varias maneiras licitas ou ilícitas, directas ou indirectas…

Na realidade quem diz que as mulheres não agem a violência mente descaradamente, só que por vezes a violência fisica é proporcional a violência psicológica e pode não ser de grande agressividade, mas dependendo da personalidade e do físico destas, bem como de seu temperamento psíquico, assim como nos homens também relativamente.
Sendo estas que em momentos de histeria agem a violência ate pior que os homens em muitos casos…

As mulheres hipócritas e subestimadoras dos homens, que desprezam dizendo que nenhum homem merece ser alvo de sentimentos, ou que os sentimentos não devem ser por causa dos homens, digo e escrevo também o mesmo realçando que também nenhum homem se deve sentir perturbado ou ter sentimentos por causa de mulheres, visto mulheres feministas e de determinados carácter e atitudes não merecerem, apenas os sentimentos devem se ter a quem tem por nos…

As mulheres num caso geral, são as que mais traem os maridos, se tal for feito em condições homologas aos que são feitas aos homens para as trair ainda são piores, mas num caso geral é assim, só que muitas tentam juntar o útil ao agradável de modo a defender outros interesses nomeadamente materialistas e sexuais, num caso geral aquelas que se demonstram arrependidas são muitas vezes indecisas, assim como os homens em alguns caso, a traição por adultério tem e existe razoes de existir e as RAZOES SÃO SEMPRE OU PRATICAMENTE IDÊNTICAS A DOS HOMENS só QUE É FEITO E JUSTIFICADO POR ESTAS DE MODO CONSPIRADO E HIPÓCRITA…
joana
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De Anónimo a 4 de Outubro de 2005 às 05:48
Only for men and justice and social men affairs


A hipocrisia do feminismo III e sua satânicidade
Le hypocrisie III du féminisme et su satânicidade
The hypocrisy III of feminism and their Satanism
La hipocresía de lo feminismo y su satanismo

Note:

This content it is made for men mostly, so if you’re a men read this you need to know it until finish the, even if you don’t have patience to read this or to get the translation (the translation by software could miss the correctly meaning and have many mistakes) because it’s all written in Portuguese (mostly because there’s some ensure written in English) if you want to correctly translate all the content I advice you to consult a friend of you Portuguese or Brazilian to translate it.

Cette content c’est écrit en Portuguese, il y a de chose écrit en anglais, demandais si vos plais a amis português ou brasiller pour traduire, le traduction de software poudrais être beaucoup de errons...
C’est chose c’est pour tout le homme que devoir lire même se c’est très fatigant…

Este contenido escribido es para todos los hombres leeré memo se non tenerem paciencia, como es escrito en portugués es muy mas fácil comprender se non comprender solicitar a uno amigo portugués out brasilero.

As maioria das mulheres não gostam de desporto ou se gostam é meramente daqueles desportos em que existe maioritariamente mulheres ou que os homens são discriminados em actividades apenas de mulheres sejam de lazer, desporto e demais, o futebol continua a ser uma das actividades em que as mulheres mais querem coagir os privilégios, co-financiamento e demais, seja directamente ou indirectamente, a maioria das jornalistas, principalmente as assistentes de informação, incluindo a jornalista Anabela, da RTP 1, sem falar demais canais como a RTP 2, discriminam e adquirem noticias como de carácter de discriminar os homens, ou indirectamente, sendo um dos casos o futebol que baseado em casos particulares mundiais, foi feito documentário da violência nos estádios de futebol tentando denegrir indirectamente o futebol masculino e os homens, tal hipocrisia feminista, apenas revela mas não justifica e não revela as actividades de violência feminina, a qual na maioria é psicológica, bem como grande parte destas são feministas e androginistas, não querendo imitar os homens tendo estas que controlar para se formarem serem melhores que os homens, nem que alguma diga não sejas marcha, ou ages como um homem, tentando discriminar e subestimar psicologicamente a estimular o feminismo nesta em vez de humanismo, desta e doutras formas com a entreajuda destas e ate com algum lesbianismo passivo.
O futebol Masculino o qual também contem mulheres que agem mas de forma indirecta em jogos com violência do público, existe tal devido a tensão nervosa gerada pela sociedade e pelo feminismo indirectamente, devido a se embriagarem, devido a disputa e ansiedade de ganharem, devido a maior parte dos adeptos serem pouco formados e intelectualizados, devido a estarem habituados a verem violência da TV. E a serem sujeitos a violência psicológica e não poderem descarregar sendo tal forma de desanuviar a ira que lhes foi transmitida ou mesmo a violência física passiva ou activa, que forma sujeitos mas coagidos de se defenderem ou reagirem, como demais factores, sendo autentica hipocrisia sem princípios tais jornalistas quererem estimular e difamar indirectamente os homens, ou pelo menos grande parte destes que são fanáticos por futebol e que forma estimulados e coagidos a sua aprendizagem e desenvolvimento intelectual e habilitacional, bem como adequação de seu estado de saúde a uma melhor pedagogia e alternativa de estudo e de educação tendo estes não resistido e contornado e pressionado o sistema a que foram sujeitos e abandonaram os estudos, bem como não tratarem de seus problemas de saúde mental e física a que estão sujeitos, tudo devido a incompetência, discriminação passiva do sexo masculino na saúde seja qualitativamente e quantitativamente mediante ate a selecção de médicos, seriação, burocracia e disponibilidade horária a que são sujeitos como coação.


The discrimination of men in clothes and in formal dress clothes
A discriminação do homem no vestuário, na liberdade em se vestir e criar novos conceitos de moda, bem como de apresentação formal e laboral, alem de estética de vestuário


Os próprios homens são discriminados no vestuário tendo maioria que usar roupas que cobrem o corpo todo ou que são escuras, seja como fato e como demais modos de formalidade exigida pela sociedade ainda arcaica e que discrimina os homens, bem como por não haver ou haver mas não qualitativamente e quantitativamente homens que se preocupem em inovar moda formal do sexo masculino de modo a tornar mais adaptada ao tempo ambiental ou climatização, havendo tempos com temperaturas altas e ate desconfortável usar roupas quentes ou desadequadas, bem como modernização, ao conforto, a beleza e sensualidade corporal anatómica, seja na anatomia desajustada e apertada em locais que não deve de ser, bem como larga em determinadas zonas do corpo, como as nádegas em alguns tipos de calças, bem como dificuldades de dissipação de transpiração, calor, ou retenção de transpiração, bem como demais, sendo os homens que mais sofrem com o calor, logo menos produtividade laboral em dias de calor, os que mais sofrem com a discriminação de usarem gravatas e fatos o qual deveriam usarem outras roupas adaptadas com designs diferentes mas também formal ou parcialmente sem terem que estarem desconfortáveis, alem dos próprios tecidos serem na maioria das vezes desconfortáveis e muitos caros em relação ao vestuário para as mulheres, se tiver que haver boa roupa para homens terá que serem os homens a faze-la e não as mulheres porque se forem estas ou for um homem negligente contra o seu próprio sexo e mesmo incompetente também será a mesma coisa, alem de ser coagido se trabalhar com mulheres em conceitos ou inovações de moda e preconceitos, bem como em estética e qualidade…
Os tipos de tecidos de roupa que existe para mulheres em roupas não é utilizado em roupas masculinas, as quais mais vale um homem manipular roupa feminina e usa-la ou usa-la sem sair com esta para não ser discriminado por mulheres e homens deturpados pelo feminismo indirectamente.
A própria roupa feita com tecido usado nos fatos de astronautas com regularização de temperatura segundo a temperatura ambiental apenas tinha roupa para mulher ou ajustada anatomicamente bem como ate com estilo estético parecido a ser feminino, tudo de forma a coagir psicologicamente os homens de usarem ou desafiarem a hipocrisia de quem pretende os discriminar, sendo na maioria mulheres que discriminam.



As mulheres que estão inseridas na política indirectamente fazem pressão e tratam de medidas para favorecer estas e particularmente seu sexo pouco se importam na realidade para os direitos do homens ou medidas para defender seus direitos a privilégios e demais injustiças…
O aborto é uma das hipocrisias que estas continuam a pressionar e a deturpar a lei, ais quais mesmo sendo ilegal forjam provas e conspiram para se verem livres de quem é culpado de tal, ou mesmo é feito ilegalmente que ninguém denúncia e quem denunciar corre o risco de sofrer represálias bem como é negligenciado e destruído provas, caso contrario se for a tribunal é favorecida por magistradas e demais mulheres que se acesso ao processo seja como policias ou demais beneficiam as mulheres, mesmo não tendo razão e mesmo não concordando, se houver alguma, é logo esta coagida e pressionada a tal por terceiras…


A maioria das mulheres, devido ao homem serem discriminados no controlo e na sua actividade reprodutiva, havendo ainda desconhecimento e ate impossibilidade de usar pílulas para concepção masculina, muitos que fazem relações sem preservativos porque a companheira diz que tomou pílula e que tal não é necessário porque não vai engravidar, a qual mente ou faz subentender sob demais versões, negligenciam ou conspirarem tal contracepção de modo a engravidarem e comprometerem os namorados ou companheiros a força ou a pressão, bem como saírem mais cedo de casa ou perder a tutela maternal e paternal, bem como adquirirem emancipação antecipada, alem de crerem ver os seis crescerem mais e serem vistas como mães e mulheres, ou com valorização social…
A própria doação de espermatozóide concite para reprodução invitro para mulheres que nem se querem casar (misoginia ao casamento e androginia ou androfobia ao sexo masculino decorrente de ser feminista hipócrita ou não, radical ou não, bem como psicótica socialmente enquadrada ou com controlo) nem querem que o progenitor tenha conhecimento de seus espermatozóides do que foram feito destes bem como de perderem a propriedade genética destes, um dos casos foi o que aconteceu na Austrália onde as bestas das feministas que gerem tais bancos de esperma pendem aos políticos homens com idade inferior a 45 anos para doarem esperma, algo que nenhuma mulher fazeria, principalmente gratuitamente, bem como sem saber de que tal seria usado para conceder um filho sem mãe directamente a um homem, o qual na realidade é para conceder a mulheres, isto demonstra uma hipocrisia e corrupção ética dos valores da natureza, bem como anti-determinismo sexual feminino, sendo assim os homens também devem manipular a ciência a seu favor para que tenham também privilégios análogos ou homólogos…

A maioria das mulheres discrimina e pressionam os homens quando sabem que uma tipa se engravidou e diz ser deste de modo a que este sofra por a culpa e ou conspiração dessa tipa ou tipas feministas hipócritas ou prematuras intelectualmente e psicologicamente… a pílula masculina tem sido coagida qualitativamente e quantitativamente a sua investigação, desenvolvimento e ate benefícios de saúde, tudo porque na realidade existe muitas mulheres hipócritas que querem coagir o direito do homem controlar a natalidade e a possibilidade de ser manipulado sexualmente por suas parceiras hipócritas…

A maioria das mulheres jornalistas deturpam e fazem perguntas que satisfazem apenas a sua curiosidade, determinismo sexual e ou feminismo, hipócrita ou não, seus psiquismos e ideologias, bem como demais sob o lema de ser de interesse publico, mas as quais meramente é por seus interesses e necessidades, ou interesses indirectos de correntes as quais se enquadram seja por associações ou literatura e demais…


O aborto provocado por acidente, agressão física simples ou grave, criminaliza e hiperdramatizam o conceito de crime, o qual a, maioria das mulheres feministas estimulam e promovem tal mesmo se forem a favor do aborto, o qual deve ser apenas por consentimento da mulher e não também do homem progenitor, se o qual for provocado pelo homem deve ser criminalizado seja por violência ou não, por autodefesa ou não, involuntário ou não, sabendo ou não, isto no ponto de vista destas mulheres hipócritas e sádicas que não a cara, mas se manifestam indirectamente OU SENÃO NÃO SÃO PRESSIONADAS OU SUJEITAS A RETALIAÇÕES COMO CONSTITUAM FAZER, as quais apoiam o aborto por medicamentos e cirurgia extraindo o feto, o qual de facto tal é ainda mais grave e mais hipócrita e sádico…

O amor heterossexual e o determinismo sexual masculino são os mais prejudicados na realidade, seja a nível de conquista como a nível sexual, económico, intelectual e profissional.

A maioria das mulheres na politica apenas estão para defender os seus interesses e para apenas defender também interesses feministas, sejam estes hipócritas injustos ou não, tudo para facilitar suas vidas, as que afirmam ser possível ser mãe, esposa e demais são autenticas mentirosas, deixam os filhos com criadas ou familiares, ou com o pai, geralmente são androginistas e subestimam o seu próprio marido tentando ridiculariza-lo e não respeita-lo, podendo ate divorciarem ou estarem em vias de tal, mas coagido é feito ultimato ou pessoa ameaça ao marido para não se separar, bem como levam as vezes os filhos para local de trabalho ou sob ajuda de terceiros dentro dom próprio trabalho. Os homens políticos que são pais muitas vezes são mais mães do que as próprias mulheres mas o qual não é dito, bem como também não é revelado ou é coagido por poderem perder o direito paternal devido a conspirações feminista e ao determinismo maternal feminino de mulheres feministas que exercem, bem como ate da própria magistratura em termos de decisão de tutela…

Existe mulheres docentes principalmente de secundário, ensino superior (nomeadamente de filosofia e português), que fazem acções feministas passivas nas escolas ou universidade, agindo anti-pedagogicamente e antieticamente contra o principio da igualdade, e só admitindo igualdade as mulheres e difamando só homens hipocritamente…

Uma clínica australiana, no estado de Victoria, segundo a agência Reuters, enviou certas a deputados com menos de 45 anos para doarem esperma alertando a escassez no stock de esperam de tal clínica...


Um terço das separações acontece devido a problemas sexuais (in revista Tele Nova), isto é uma das demonstrações que a maioria das mulheres pensam em sexo também nas relações e dão mais valor a tal, ou pelo menos dão valor considerável, é também uma desmistificação da hipocrisia de muitas em dizer que o sexo não é tudo não sendo sinceras de facto e de acordo com a realidade, pelo menos a maioria das mulheres…ainda por cima os problemas sexuais deve-se a discriminação em qualidade e quantidade da saúde sexual e reprodutiva masculina, bem como nutrição, dermoestética e moda, sem falar de factores psico-sociais que também os discrimina e factores económicos que os explora…

Quando um homem se preocupa seu visual, compra produtos de estética em lugares públicos e frequentados por mulheres, estas pressionam socialmente tal metendo o olho ou olhando para este, nalgumas é visível um certo ódio ou inveja dentro de suas personalidade e mediante analise do comportamento, atitude e olhos de querem discriminar mas não terem direito e poder de tal…

Os homens continuam a serem ainda os mais discriminados na moda, em desfiles de moda, na sua preparação estética e selecção, no seu vestuário e dermoestética, bem como capilar e corporal, na própria selecção de modelos como misters a semelhança dos programas de misses, o qual dinheiro de câmaras e demais é desperdiçando em tal tudo para satisfazer feministas e lésbicas que gostam de discriminar os homens e de subestima-los esteticamente bem como de privilegiar as mulheres por ser grande parte cerca de 98% mulheres que estão dentro da moda e desfilam e dependem desta como seu ganha-pão ou adjuvante, mas que se for para futebol as coisas ai muda de interpretação…

As tradições festivais culturais ou religiosas, étnicas, tradicionais bem como demais em que não entram mulheres ou não entravam, visto ser tradição, é corrompida pela a hipocrisia feminista, ate porque a entrada de mulheres que deturpam a argumentação de não haver mulheres pondo e dando ideia falaciosa que era feito sob malícia masculina, o qual hipocritamente estas estão erradas e o fazem mesmo deliberadamente para pressionarem e estimularem o feminismo e suas hipocrisias, fazendo estas acusações de que as mulheres eram repelidas de tal, não mencionando e fundamentado porque e se também estas não fazem o mesmo em muitos casos similares homólogos e ou análogos aos homens e ate pior. Estas pretendem feminizar todas as tradições masculinas, corrompendo com o feminismo, que alem de esconderem tudo aquilo que os homens são discriminados nas celebrações e demais festanças sejam elas religiosas ou não, mesmo se algumas discriminam os homens logo também deve haver festanças que devam por a quites e discriminar as mulheres na sua participação, ou então é justificável discriminar as mulheres, visto a maioria das mulheres seja em tempos remotos ou mesmo ainda actuais não deram suas vidas, não sofreram e não desenvolveram, lutaram para defender os interesses celebrados sejam eles nacionalistas, regionais, religiosos e colectivos do bem-estar geral, bem como de demais acções histórico-militar e culturais em que apenas existiam homens a darem e gastarem tempo de sua vida, isto o qual mesmo assim sem terem razão devido a violência psicológica e a luta hipócrita contra tal mediante desafios e acções camufladas tentam usurparem tais funções e tradições corrompendo-as o mesmo não acontecendo com os homens que são discriminados em festas seja na sua participação e convivência, não se vestindo de mulheres ou não se disfarçando para fazerem tais actividades e mesmo não confrontando o feminismo dessas mulheres hipócritas e sádicas…

A associação de mulheres em acção assim como associação de mulheres juristas, CIDM, UMAR, associação de mulheres cientistas (recente), APfeminina, são as principais associações e organismo de estado (CIDM) que mais acções anti-masculinas realizam em Portugal e indirectamente na península ibérica em concomitância com associações feministas espanholas, se os homens não coagirem tais hipocrisias e não apurarem que estão a serem vitimas de crimes conspirados por estas bem como de discriminações e de desigualdade de acesso a informações de carácter social e jurídico, na defesa de seus direitos e de como faze-los valer, na defesa e na responsabilização e penalização de criminosas e de conspiradoras, bem como demais envolvidos seja politicas, juristas e ou magistradas, medicas, jornalistas, docentes, escritoras, actrizes, cantoras, estilistas, pintoras e demais classe intelectual e social feminina as quais são os venenos puros e hipócritas e socialmente enquadrados da sociedade, as quais manipulam-na indirectamente muitas vezes sob rostos masculinos e sob pressão directa ou indirecta bem como literatura e demais acções feministas…

O erotismo, esta ligado apenas ao sexo feminino como ego de atenção e de atracção discriminando o homem esteticamente seja em privilégios e em tratamentos, o qual não tem cuidados estéticos, vestuários e demais necessários para serem sensuais e bonitos e devido a isso e demais, porque no entender intimo das mentes femininas e hipócritas o homem é um escravo da mulher e deve viver para a satisfazer ou pelo menos indirectamente, bem como para ser usado fisicamente e economicamente mediante consumo de sexo e ou de vicio, desfocando a sua atenção e a sua percepção ética, igualdade sexual, subestimando o sexo masculino e logo a si próprio, desviando e não estimulando o cuidado estético de si próprio e demais embora que muitas mulheres hipócritas digam o contrario daquilo que se escreve aqui mencionado, é falso estas dizerem porque na realidade os homens é que são explorados e muitos sabem quanto gastam para satisfazerem as mulheres, bem como demais explorações directas e indirectas que nem se apercebem de estarem a ser explorados…

A discriminação dos homens em programas, especialmente em programas de saúde, bem como congressos e demais acções científicas correlacionadas com saúde e assuntos sociais, um dos exemplos de tais discriminações lidera a RTP 2, o programa “tudo em família” liderado pela feminista hipócrita em se admitir e demais acções, com ligações a CIDM, Margarida Mercês de Melo. O qual discriminou os homens alem de demais outros assuntos, discriminou o homem negativamente privilegiando apenas o estudo e comentário e informação sobre o risco e cuidados e tratamento cardiológico do mulher, negligenciando a estatística e o modo de como se processa a estatística, ou seja por existir mais mulheres do que homens em certas faixas etárias, bem como na demografia geral, com justificação destas alem de tentarem escolher o sexo da criança e fazerem os possíveis para terem rapariga, são as que mais privilegiadas são e as que mais exploram os serviços de saúde, justiça, serviços sociais, actividades laborais com melhor garantias de boas qualidades de trabalho e de sucesso profissional e intelectual deixando o que existe de pior e de mais arriscado para os homens e coagindo estes de candidatarem ou mesmo discriminando-os e repugnando as suas inscrições em trabalhos de melhor categoria ou melhor empenho intelectual e menos físico ou com melhores condições de higiene, lazer, convívio, segurança, esforço físico e demais que é feito por mulheres e que estas principalmente as chefes de pessoal tentam discriminar e não empregar ou barrar os homens privilegiando a entrada as mulheres, bem como facilitando-as, mesmo não sendo qualificadas suficientemente ou não terem requisitos para tal, ou mesmo sendo macarrónicas e ignorantes em cultura geral técnico-científica bem como demais, pondo de parte alem de serem intriguistas…

O hotel Ritz do Funchal, a CELF (escola de línguas e formação turística) do Funchal constitui uns dos organismo e entidades empregadoras que discriminam os homens na candidatura de forma indirecta, sem falar de demais actividades laborais, geralmente a semelhança destes 2 dirigidos por mulheres seja como directora geral ou presidente ou como seleccionadora e ou chefe de recursos humanos…
Muitos dos livros feministas escritos pró homens tem hipocritamente ideias de mulheres feminista, ou mesmo são escritos por mulheres feministas, o Código da Vinci, o romance, alem de ser uma autentica hipocrisia e de ir contra a realidade pode muito bem ter sido escrito ou ajudado por mulheres feministas, ao que contrario do que se pensa ter sido o besta feminista e ate incoerente e hipócrita do Dan Brown…
A própria arte sacra tem sido actualmente corrompida com o feminismo das próprias artistas que põem mulheres a tentar erotizar e corromper os valores morais em valores sensuais e discriminatórios em relação ao sexo masculino, nas imagens da ultima ceia, bem como os próprios filmes também são corrompidos dando ideias falsas ou muito incertas de ser verdade, e ate a própria bíblia poderá estar em risco de ser corrompida, isto porque o feminismo hipócrita chamada de machista (arcaico) se não houver mulheres, ao qual se assim considera então deve chamar a própria natureza de machista por não aceitar o determinismo feminismo seja social, bio-sexual e demais, bem como em não ver que deve existir uma complementaridade e não a presença feminina total em tudo como não existe a presença masculina em tudo, mas o feminismo por ser psicótico e querer subestimar os homens tenta por mulheres em tudo e coagir os homens de estar e de fazer também tudo, utilizando estas os conhecimentos científicos, tecnológicos e mau-de-obra masculina para chegar hipocritamente aos seus objectivos…

É de duvidar existir representatividade feminina em muitas acções feministas, as quais são hipócritas, falaciosas, injustas e desiguais, mas o qual os homens por não serem unidos e por haver muitos homens ignorantes ate mesmo devido a estimulo do feminismo de muitas mulheres, e de suas coação para intelectualização não tem percepção de tal e agem defendendo-as e cumplicitadamente…
juanmirweb@mail.pt
</a>
(mailto:juanweb@mail.pt)


De Anónimo a 27 de Setembro de 2005 às 18:05
Voltei! casadinha de fresco e, espero eu, com mais tempo para a blogosfera :). Quanto aos clientes... somos todos actores neste palco que é a vida. Alguém disse isto mas não me lembro quem. Terei que voltar com mais tempo para ler tudo o que postaste na minha ausência. Beijokas, BettyBetty
(http://desfolhada.blogspot.com)
(mailto:ferreiraelisabete@hotmail.com)


De Anónimo a 24 de Setembro de 2005 às 15:38
bolas....parece k os limões amrgos já chegaram ao Olimpo.....bjs e;)TMara
(http://estranhosdias.blogspot.com/)
(mailto:Tostimara@gmail.com)


Comentar post