6 comentários:
De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 16:58
O teu texto fez-me uma certa nostalgia. Porque não podem os momentos bons ser prolongados?...

Bom fds, Zeus ;-)Robina
(http://bosquedarobina.blogspot.com/)
(mailto:hotlulu@iol.pt)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 14:15
infelizmente os melhores momentos sao aqueles que nem damos por eles e ja passaram... beijos e bom fim-de-semana para ti tambemsofia
(http://culturajovem.blogs.sapo.pt)
(mailto:omeublog1@hotmail.com)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 13:53
O momento vale sempre a pena desde o momento que começa até o momento que acaba :-)Nuvem
(http://diariodumassistente.bolgspot.com)
(mailto:ola1970@sapo.pt)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 13:23
Posso viver uma eternidade sem viver um único momento que me marque. Mas acho que por um simples momento me marcou para toda a eternidade!Raquel
</a>
(mailto:raquelc.soares@sapo.pt)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 12:40
Muitas vezes quando me acontece algo de que gosto, digo: - tive o meu momento!trintapermanente
(http://equilibrioinstavel.blogspot.com)
(mailto:ola1970@sapo.pt)


De Anónimo a 5 de Novembro de 2004 às 12:01
Mas quando se torna eterno, nunca mais se esquece!!! Voos doces adorei o texto!!Borboleta
(http://devaneiosocnstantes.blogs.sapo.pt)
(mailto:devaneiosconstantes@sapo.pt)


Comentar post